Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/22541
Título: Análise da teoria da superveniência da consciência
Título em inglês: Analysis of the supervenience theory of consciousness
Autor(es): Almeida Júnior, José Gladstone
Orientador(es): Leclerc, André
Palavras-chave: Processos mentais
Neurociências
Filosofia da mente
Supervenience of consciousness theory
Philosophy of mind
Data do documento: 2014
Citação: Almeida Júnior, J. G.; Leclerc, A. (2014)
Resumo: Certamente a consciência é algo extremamente familiar e, ao mesmo tempo, enigmático para nós. Seu aspecto fenomenal, denominado de consciência fenomenal, impõe inúmeras barreiras às abordagens reducionistas propostas pelo quadro teórico fisicista/funcionalista. Tamanhas são as dificuldades suscitadas pela consciência fenomenal a estas abordagens reducionistas que o problema referente a este aspecto da consciência constitui o “problema difícil da consciência”. Considerando sua aparente irredutibilidade, se faz necessário analisar um quadro teórico que tenha como cerne a tentativa de conciliar a consciência fenomenal com um compromisso mínimo com o fisicismo, na medida em que se pressupõe a necessidade de um substrato físico que instancie nossas experiências conscientes. Diante deste impasse a teoria da superveniência da consciência surge com o objetivo de demonstrar uma relação de dependência/determinação estabelecida entre o conjunto de propriedades da consciência e o conjunto de propriedades físicas do cérebro sem, no entanto, implicar necessariamente em uma redução do primeiro ao segundo conjunto. Desta forma, o objetivo estabelecido neste trabalho consiste em analisar pormenorizadamente a teoria da superveniência da consciência e o quadro teórico no qual esta se insere e, posteriormente, argumentar sobre os motivos que fazem desta uma teoria incapaz de fornecer uma relação substancial entre a consciência e seu substrato físico.
Abstract: Certainly consciousness is something extremely familiar and, at the same time, enigmatic for us. Its phenomenal aspect, called phenomenal consciousness, imposes a number of barriers to reductionist approaches proposed by physicist/functionalist framework. Such are the difficulties raised by phenomenal consciousness to that reductionist approaches that the problem concerning that aspect of consciousness is the “hard problem of consciousness”. Considering its apparent irreducibility, it is necessary to analyze a framework which have as core an attempt to conciliate the phenomenal consciousness with a minimum commitment with physicalism, insofar as the necessity of a physical substrate that instantiates our conscious experiences is presupposed. Given that impasse the supervenience of consciousness theory arises with the aim of demonstrating a relation of dependence/determination established between the set of consciousness proprieties and the set of physical proprieties of the brain without, however, necessarily entailing a reduction of the former to the last set. Thus, the aim established in this work consist in analyzing in details the supervenience of consciousness theory and the framework which it inserts and, posteriorly, arguing about the reasons that make that theory unable to provide a substantial relation between consciousness and its physical substrate.
Descrição: ALMEIDA JÚNIOR, José Gladstone. Análise da teoria da superveniência da consciência. 2014. 93f. – Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-Graduação em Filosofia, Fortaleza (CE), 2014.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/22541
Aparece nas coleções:PPGFILO - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2014_dis_jgalmeidajunior.pdf878,75 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.