Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/22550
Título: Estudo do polimorfismo e desenho de cocristais dos anti-helminticos ricobendazol e albendazol
Autor(es): Silva, Keila Façanha
Orientador(es): Ayala, Alejandro Pedro
Palavras-chave: Ricobendazol
Albendazol
Caracterização estrutural
Polimorfimos
Co-cristal
Albendazole
Ricobendazole
Polymorphism
Structural characterization
Co-crystal
Data do documento: 2016
Citação: SILVA, K. F. (2016)
Resumo: As características físico-químicas dos fármacos estão diretamente relacionadas à sua eficácia terapêutica, e estas, por sua vez, estão vinculadas ao arranjo estrutural apresentado pelo fármaco, o qual é oriundo das diferentes conformações e/ou interações intra e intermoleculares que definem o empacotamento cristalino das moléculas nas diferentes formas sólidas. Desta forma, conhecer e controlar estas características é de fundamental importância na área farmacêutica. Neste contexto, o presente trabalho aplicou diferentes estratégias envolvendo a engenharia de cristais, visando a melhora das propriedades biofarmacêuticas dos fármacos ricobendazol e albendazol. No caso do ricobendazol, cristais foram obtidos a partir da técnica de evaporação lenta e fazendo uso da difração de raio X de monocristal a estrutura cristalina do fármaco foi elucidada, bem como uma cuidadosa caracterização no estado sólido foi realizada. O ricobendazol cristaliza no sistema monoclínico pertencente ao grupo espacial P21/c. A estrutura cristalina é composta por quatro moléculas por cela unitária (Z=4), acomodando uma molécula na unidade assimétrica (Z’ =1), e possuindo os seguintes parâmetros de rede: a = 7.5960(16) Å, b = 9.3047(18) Å, c= 18.726(4) Å e β = 82,198(5)°. Já para o albendazol o objetivo foi investigar as formas polimórficas reportadas na literatura, bem como buscar novas fases cristalinas do fármaco. Uma vez que encontra-se reportada duas formas polimórficas, as formas I e II que estão enantiotropicamente relacionadas. Entretanto, concluímos que há três formas cristalinas para o albendazol, no qual a forma I refere-se à forma comercialmente distribuída que, quando recristalizada em metanol, obtém-se um terceiro polimorfo, a forma III. Sendo assim, realizamos a caracterização das formas polimórficas do albendazol, fazendo um estudo comparativo entre os polimorfos, o que nos permitiu investigar sua estabilidade termodinâmica. Outra estratégia aplicada aos fármacos abrangeu o desenvolvimento de cristais multicomponentes com diversos coformadores. Ou seja, realizamos uma busca por co-cristais para ambos os fármacos através das técnicas de moagem assistida por solvente e slurry, usando uma variedade de coformadores. Resultados promissores foram obtidos com ácido oxálico, ácido salicílico, ácido 2,6-dihidroxibenzoico, ácido 3,5-dihidroxibenzoico e ácido 3,5- dinitroxibenzoico. Deste modo, obtivemos possíveis co-cristais para o ricobendazol e o albendazol, sendo estes resultados inéditos para os referidos fármacos.
Abstract: The physico-chemical properties of drugs are directly related to their therapeutic efficacy, and these, in turn, are linked to the structural arrangement presented by the drug, which comes from the different conformations and/or intra and intermolecular interactions that define the crystalline packing of molecules in the different solid forms. In this way, knowing and controlling these characteristics is of fundamental importance in the pharmaceutical area. In this context, the present work applied different strategies involving crystal engineering, aiming at the improvement of the biopharmaceutical properties of the drugs: ricobendazole and albendazole. In the case of ricobendazole, crystals were obtained from the slow evaporation technique and, making use of single crystal x-ray diffraction, the crystalline structure of the drug has been clarified, as well as a careful characterization in the solid state was performed. Ricobendazole crystallizes in a monoclinic system belonging to P21/c space group. The crystalline structure is composed of four molecules per unit cell (Z = 4), accommodating a molecule in the asymmetric unit (Z = 1), and possessing the following lattice parameters: a = 7.5960 (16) Å, b = 9.3047 (18) Å, c = 18,726 (4) Å, and β = 82.198 (5)°. For albendazole the objective was to investigate the polymorphic forms reported in the literature, as well as seek new crystalline phases of the drug. There are reported two polymorphic forms, forms I and II, which are enantiotropically related. However, we found that there are three crystalline forms for albendazole, where form I refers to the commercially distributed form, which, when recrystallized in methanol yields a third polymorph, form III. Therefore, the characterization of the polymorphic forms of albendazole was performed, making a comparative study between polymorphic crystal structures which allowed us to investigate their thermodynamic stability. Another strategy applied to drugs covered the development of multi-component crystals with several coformers. Thus, we do a search for co-crystals for both drugs through the solvent-assisted milling and slurry techniques, using a variety of coformers. Promising results were obtained with oxalic acid, salicylic acid, 2.6-dihydroxybenzoic acid, 3.5- dihydroxybenzoic acid and 3.5- dinitroxybenzoic acid. In this way, we obtained possible co-crystals for ricobendazole and albendazole, being these unpublished results for these drugs.
Descrição: SILVA, K. F. Estudo do polimorfismo e desenho de cocristais dos anti-helminticos ricobendazol e albendazol. 2016. 80 f. Dissertação (Mestrado em Física) – Centro de Ciências, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2016.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/22550
Aparece nas coleções:DFI - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2016_dis_kfbatista.pdf27,64 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.