Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/22556
Título: Estudo da Solubilização da Griseofulvina em Micelas dos Brijs 78, 98, 700
Título em inglês: Study of the Solubilization of Griseofulvin in Brijs Micelles 78, 98, 700
Autor(es): Moura, Carolina de Lima e
Orientador(es): Ricardo, Nágila Maria Pontes Silva
Coorientador(es): Ribeiro, Maria Elenir Nobre Pinho
Palavras-chave: Micelas
Solubilização
Griseofulvina
Surfactante
Brij
Data do documento: 2013
Citação: MOURA, C. L. (2013)
Resumo: A preparação de soluções de fármacos pouco solúveis em água é um dos principais problemas encontrados na formulação de tais medicamentos em formas farmacêuticas líquidas. O estudo sobre a utilização de soluções micelares de surfactantes na dissolução de fármacos pouco solúveis em água vem sendo cada vez mais praticado, devido, principalmente, à baixa toxicidade desses carreadores, da eficiência no processo de dissolução e da proteção adicional fornecida ao fármaco. Este trabalho visou encapsular o antifúngico griseofulvina em copolímeros de bloco hidrofílico de poli(óxido de etileno) (Em) e bloco hidrofóbico de poli(metileno)(Cn). Os surfactantes (Brij® 700, Brij® 78, Brij® 98) e a griseofulvina foram obtidos da Aldrich. A concentração micelar crítica (cmc) dos Brijs foi obtida pelo método de solubilização do corante (fluorescência). Os encapsulados da griseofulvina foram obtidos pelo método de dissolução direta e quantificados por UV/Vis e RMN de 1H e caracterizados por tamanho de partícula, espalhamento de luz e raio – X. Foi realizada a liberação controlada de fármaco. Os valores das cmc´s encontrados para o Brij® 78 e 98 são menores que os cmc do Brij® 700. O tamanho de partícula do Brij® 700, fornecido pelo raio hidrodinâmico (rh), é maior que o dos Brijs® 78 e 98, uma vez que o Brij® 700 possui uma porção hidrofílica com 80 unidades a mais que os outros Brijs®. O fármaco não afetou o tamanho de partícula dos polímeros estudados. Os resultados de solubilização da griseofulvina obtidos por RMN de 1H corroboram com os obtidos por UV/Vis. A griseofulvina teve um aumento da solubilidade de até 6,9 vezes o que viabiliza o uso dos Brijs® na encapsulação deste fármaco.
Abstract: The preparation of drug solutions with low solubility in water is one of the main problems found in the preparation of such medicines in aqueous medium. The study about the use of surfactant micellar solutions in the solubilisation of drugs with low solubility in water has been increasingly practiced, mainly due to the low toxicity of these carriers, to the efficiency of the dissolution process and to the additional protection provided to the drug. The objective of this work is to encapsulate the antifungic griseofulvin in poly(ethylene oxide) (Em) hydrophilic block copolymers and poly(methylene) (Cn) hydrophobic block. The copolymers (Brij® 700, Brij® 78, Brij® 98) and the griseofulvin were obtained from Aldrich. The Brijs critical micelle concentration (cmc) was reached through dye solubilisation method (fluorescence). The griseofulvin encapsulates were obtained through the method of direct dissolution and quantified by UV/Vis and 1H NMR and characterized by particle size through light scattering and X-Ray. The controlled release of the drug was carried out. The cmc values found for Brij® 78 and 98 are lower than those for Brij® 700. The size of the Brij® 700 particle, provided by the hydrodynamic radius (rh) is higher than those from Brijs® 78 e 98. The reason is that the hydrophilic portion of the Brij® 700 has 80 units more than Brijs® 78 e 98. The drug did not affect the size of the particle of the polymers. The solubilisation results for griseofulvin obtained through 1H NMR confirm the values obtained through UV/Vis. The griseofulvin had an increase in solubility up to 6.9 times, which makes the use of Brijs® feasible in the encapsulation of this drug.
Descrição: MOURA, Carolina de Lima e. Estudo da Solubilização da Griseofulvina em Micelas dos Brijs 78, 98, 700. 2013. 74 f. Dissertação (Mestrado em Química)-Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2013.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/22556
Aparece nas coleções:DQOI - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2013_dis_clmoura.pdf1,71 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.