Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/22567
Título: Avaliação de fluxo, pH e glicose salivares e experiência de cárie em crianças com e sem diabetes mellitus tipo 1: estudo longitudinal
Título em inglês: Evaluation of salivary flow, pH and glucose and caries experience in children with and without diabetes mellitus type 1: longitudinal study
Autor(es): Martins, Renata Asfor Rocha Carvalho
Orientador(es): Ribeiro, Thyciana Rodrigues
Palavras-chave: Diabetes Mellitus
Pré-Escolar
Cárie Dentária
Data do documento: 17-Fev-2017
Citação: MARTINS, R. A. R. C. ; RIBEIRO, T. R. (2017)
Resumo: O Diabetes Mellitus tipo 1 (DM1) corresponde ao diabetes associado à destruição, quase total, das células beta pancreáticas, que resulta em uma deficiência absoluta de insulina. A incidência do DM1 tem aumentado principalmente entre crianças pré-escolares, tendo um crescimento de 5,4% em grupos de 0 a 4 anos. A cavidade oral é acometida por algumas manifestações clínicas causadas pelo DM1 e a cárie pode ser destacada. O objetivo do presente estudo, que é inédito, foi avaliar pH, fluxo e glicose salivares e experiência de cárie em crianças com e sem Diabetes Mellitus tipo 1. Foram selecionadas 39 crianças, de ambos os sexos, com idade de 2 a 10 anos com DM1 e 56 crianças pareadas quanto a sexo e idade para compor o grupo controle. Os voluntários foram selecionados em dois centros de referência para o tratamento de diabetes e no curso de Odontologia da Universidade Federal do Ceará. A coleta de dados ocorreu em 3 períodos pré-determinados: consulta inicial (T0), após 6 (T6) e 12 meses (T12) da consulta inicial. Inicialmente, foi realizada anamnese. Em seguida, através do Sistema Internacional de Avaliação e Detecção de Cáries (ICDAS), foi realizado o exame clínico. O ICDAS permite a inclusão de novas ferramentas de avaliação de cárie que podem ajudar na tomada mais acertada de decisões na prática clínica, bem como servir para investigação clínica e epidemiológica. Foi coletada saliva não estimulada, posteriormente centrifugada e o sobrenadante liofilizado. Os resultados mostraram diferenças significativas ao comparar o fluxo salivar dos dois grupos em T0 e T6. A concentração de glicose na saliva foi mais alta no grupo dos diabéticos em todos os períodos, contudo, ao comparar T0 e T6, e T6 e T12, não foram expressas diferenças significantes. Na comparação de pH entre os períodos, uma correlação estatisticamente significante foi encontrada. Pacientes diabéticos apresentaram maior severidade de cáries quando comparados ao grupo sem diabetes. Em conclusão, os resultados do presente estudo são particularmente importantes para obtenção de êxito com a utilização da saliva para estudos com pacientes com Diabetes Mellitus tipo 1, apesar de outros estudos serem necessários para que se possa afirmar a existência de relação entre as variáveis e sua aplicabilidade no que diz respeito ao diagnóstico precoce e prognóstico do Diabetes.
Abstract: Diabetes Mellitus type 1 (DM1) corresponds to diabetes associated with almost complete destruction of pancreatic beta cells, which results in an absolute insulin deficiency. The incidence of DM1 has increased mainly among preschool children, with increase of 5.4% in groups of 0 to 4 years old. The oral cavity is affected by some clinical manifestations caused by DM1 and caries can be highlighted. The aim of the present study, which is unprecedent, is to evaluate pH, salivary flow and glucose and caries experience in children with and without diabetes mellitus type 1. Thitry-nine children, both gender, aged 2 to 10 years with DM1 were selected and 56 children matched for gender and age to compose the control group. The volunteers were selected at two reference centers for the treatment of diabetes and at Dentistry college of Federal University of Ceará. Data were collected in 3 pre-determined periods: initial consultation (T0), after 6 (T6) and 12 months (T12) of the initial consultation. Initially, anamnesis was performed. Then, through the International System of Evaluation and Detection of Caries (ICDAS), the clinical examination was performed. The ICDAS allows the inclusion of new risk assessment tools that can help in making better decisions in clinical practice, as well as serving clinical and epidemiological research. Non-stimulated saliva was collected, then centrifuged and the supernatant lyophilized. The results showed significant differences in the treatment of the two groups in T0 and T6. The concentration of glucose in the saliva was higher, there was no group of diabetics in all periods, with the same result, and T6 and T12 did not have significant expressions. In the comparison of pH between the periods, a statistically significant correlation was found. Diabetic patients presented higher caries severity when compared to the group without diabetes. In conclusion, the results of the present study are particularly important for the successful use of the saliva for studies with patients with type 1 diabetes mellitus, although other studies are needed so to evaluate the possibility of relationship between variables and their applicability, with regard the early diagnosis and prognosis of Diabetes.
Descrição: MARTINS, R. A. R. C. Avaliação de fluxo, pH e glicose salivares e experiência de cárie em crianças com e sem diabetes mellitus tipo 1: estudo longitudinal. 2017. 63 f. Dissertação (Mestrado em Odontologia) - Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2017.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/22567
Aparece nas coleções:DCOD - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2017_dis_rarcmartins.pdf3,83 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.