Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/22593
Título: Métodos de previsão e determinação de módulo dinâmico de misturas asfálticas aplicadas em rodovias brasileiras
Título em inglês: HMA dyanamic modulus predictive and determination methods aplied to brazilian mixtures
Autor(es): Gouveia, Beatriz Chagas Silva
Orientador(es): Soares, Jorge Barbosa
Palavras-chave: Transportes
Mistura asfáltica
Rigidez
Pavimentos de asfalto - Medição de desempenho
Data do documento: 31-Out-2016
Citação: GOUVEIA, B. C. S. (2016)
Resumo: O módulo dinâmico de uma mistura asfáltica é a propriedade mais utilizada em países avançados como parâmetro de rigidez para o dimensionamento de estruturas de pavimentos asfálticos, e ainda tem sido utilizada como um indicador de previsão de desempenho. Apesar de bem estabelecido internacionalmente, ainda não há, no Brasil, normatização de ensaio para a determinação do módulo dinâmico, e ele não é considerado nos métodos empíricos oficiais de dimensionamento. Tendo consciência da importância do conhecimento deste indicador de rigidez das misturas, esta pesquisa se propôs a validar modelos de previsão encontrados na literatura a partir de parâmetros conhecidos de misturas típicas, de maneira que essa propriedade possa ser determinada e conhecida com uma boa aproximação. Ainda que seja determinado através de um modelo, espera-se que seja facilitada a aplicação, no Brasil, de métodos mecanístico-empíricos de dimensionamento de estruturas de pavimentos que considerem o comportamento viscoelástico dos materiais asfálticos. Para validar os modelos semi-empíricos, foram realizados ensaios laboratoriais para caracterização de 6 misturas asfálticas, com a determinação do módulo dinâmico. Foram incluídos, ainda, dados secundários de 18 misturas. Realizadas as validações dos modelos existentes, foi proposta a calibração de um dos modelos testados, resultando numa equação simplificada e bem ajustada aos dados analisados.
Abstract: The dynamic modulus is a fundamental property that defines stiffness of Hot-Mix Asphalt (HMA), and is a primary material property that serves as an input in mechanistic-empirical pavement design methods. Although well-established worldwide, the dynamic modulus, |E*|, does not have a standard yet in Brazil. Official design methodologies for both new and rehabilitation pavements do not consider this property. As a new national pavement design methodology is under construction, |E*| may be considered as the stiffness parameter of HMA. However, the experimental test to determine |E*| is still not compatible with most national facilities. So the objective of this research is to verify alternative methodologies to the traditional laboratory test. An alternative is to determine |E*| master curve through empirical equations, such as Witczak 1-40D and Hirsch models. In the pursuit of this objective, lab tests were performed on 6 HMA mixtures to evaluate the |E*| according to AASHTO T 342-11. All 6 mixtures, as well as 18 mixtures from secondary data, had their |E*| master curves modeled through Hirsch, Witczak 1-40D, and other equations from the open literature. Experimental master curves were compared to the modeled master curves, in order to test their accuracy. A calibration of one of the evaluated predictive equations was then proposed, which resulted in a simplified equation, well-adjusted to the analyzed data.
Descrição: GOUVEIA, Beatriz Chagas Silva. Métodos de previsão e determinação de módulo dinâmico de misturas asfálticas aplicadas em rodovias brasileiras. 2016. 97 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Transportes)–Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2016.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/22593
Aparece nas coleções:DET - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2016_dis_bcsgouveia.pdf4,17 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.