Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/22635
Título: A coexistência como resistência: um esboço na definição de coletivo a partir das práticas artísticas de três grupos em Fortaleza, Ce
Título em inglês: The coexistence as resistance: an investigation on the concept of collective from the artistic practice of three groups in Fortaleza, Ce
Autor(es): Hissa, Celina Cavalvante
Orientador(es): Paula, Silas José de
Palavras-chave: Arte contemporânea – Ceará
Performance (Arte) – Ceará
Artes visuais – Ceará
Collective
Friendship
Data do documento: 2015
Citação: Hissa, C. C. Paula, S. J. (2015)
Resumo: A presente dissertação investiga o conceito de coletivo a partir de uma investigação sobre a atuação de três grupos artísticos em Fortaleza na primeira década do século XX, são eles: Transição Listrada, Balbucio e Alumbramento. Fundada na hipótese de que o fazer coletivo transborda para as obras, a dissertação não se limita a investigar as obras isoladamente e aceita o convite para analisar os processos que às originam. O conceito de igualdade (RANCIÈRE), amizade política (AGAMBEN) e ação (ARENDT), regem nossa dissertação que entende o fazer coletivo como algo da ordem política, do agir e da coexistência e que por isso atua como um modo de resistência ao sistema atual.
Abstract: This dissertation investigates the concept of collective from an investigation into the actions of three artistic groups in Fortaleza in the first decade of the twentieth century , they are: Transição Listrada, Balbucio and Alumbramento. Founded on the assumption that the collective to overflowing for the works , the dissertation is not limited to investigating the works alone and accepts the invitation to analyze the processes that give rise to . The concept of equality (RANCIÈRE), political friendship (AGAMBEN) and action (ARENDT), guide our thesis that understands the collective as something of the political order, of action and of co-existence and therefore as a resistance so the current system.
Descrição: HISSA, Celina Cavalvante. A coexistência como resistência: um esboço na definição de coletivo a partir das práticas artísticas de três grupos em Fortaleza, Ce. 2015. 138f. – Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-Graduação em Comunicação Social, Fortaleza (CE), 2015.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/22635
Aparece nas coleções:PPGCOM - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2015_dis_cchissa.pdf8,6 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.