Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/2346
Título: Participação dos hormônios tireoideanos no desenvolvimento de hiperreatividade induzida pelo desafio antigênico com ovalbumina em traquèias isoladas de ratos sensibilizados
Título em inglês: Putative involvement of the thyroid hormones in hyperreactivity development induced by antigenic challenge with ovalbumin on ovalbumin-sensitized rat isolated tracheae
Autor(es): Bezerra, Fernanda Carvalho
Orientador(es): Magalhães , Pedro Jorge Caldas
Palavras-chave: Hormônios Tireóideos
Ovalbumina
Metimazol
Data do documento: 2005
Citação: BEZERRA, F. C. (2005)
Resumo: Com o objetivo de verificar a influência dos hormônios tireoideanos no desenvolvimento de hiperreatividade traqueal, ratos machos (200 - 250 g) eutireóideos, hipotireóideos (propiltiouracil [PTU] - v.o. 0,05% p/v, durante 4 semanas) ou hipertireóideos (L- tiroxina [T4] - 0,5 mg/kg s.c., por 7 ou 9 dias) foram sensibilizados à ovalbumina (OVA) e, 14 dias depois, desafiados através da inalação de OVA (1 mg/ml, seguida de 5 mg/ml, 15 min cada). O sacrifício dos animais para a realização dos experimentos ocorreu 24 h após o desafio antigênico por anestesia com hidrato de cloral (400 mg/Kg). A traquéia isolada foi montada em cubas contendo 10 ml de Krebs-Henseleit modificado (37 oC, 5% de CO2 em O2). Foram obtidas curvas concentração-efeito (CCE) para cloreto de potássio (KCl), carbacol (CCh) ou serotonina (5-HT). Também foram realizadas CCE ao Ca2+ em preparações estimuladas por KCl, CCh ou 5-HT e mantidas em solução sem Ca2+. A reapresentação do antígeno promoveu significativo aumento (p < 0,05, two-way ANOVA) da resposta máxima (RM) das CCE ao KCl de 0,96 ± 0,10 gF para 1,53 ± 0,11 gF (n = 7), ao CCh de 1,98 ± 0,06 gF para 2,92 ± 0,07 gF (n = 7) e à 5-HT de 1,64 ± 0,14 gF para 2,41 ± 0,15 (n = 6) nos tecidos obtidos de animais sensibilizados ou desafiados, respectivamente. As traquéias também apresentaram aumento (p < 0,05, two-way ANOVA) da RM ao Ca2+ quando estimuladas com KCl de 0,54 ± 0,06 gF para 0,86 ± 0,07 gF (n = 6), com CCh de 1,20 ± 0,14 gF para 1,77 ± 0,14 gF (n = 6) ou com 5-HT de 0,59 ± 0,10 gF para 1,15 ± 0,05 gF (n = 6) nos tecidos obtidos de animais sensibilizados ou desafiados, respectivamente. O hipotireoidismo não alterou significativamente a RM induzida por KCl e CCh, enquanto que aquela induzida pela 5-HT foi reduzida de 1,64 ± 0,14 gF nos animais eutireóideos para 0,34 ± 0,07 gF nos animais hipotireóideos (p < 0,001, two-way ANOVA). Após desafio, a 5-HT produziu 0,56 ± 0,11 gF (n = 7) no tecido hipotireóideo (p < 0,001, two-way ANOVA). O hipotireoidismo aboliu o desenvolvimento de hiperreatividade para KCl e CCh. Ocorreu um aumento na CE50 nas CCE obtidas ao CCh de 0,49 x 10-6M para 4,65 x 10-6M (P < 0,05, two-way ANOVA ). O desafio reduziu a CE50 novamente para 1,53 x 10-6M (n = 6, p<0,05, two-way ANOVA). As traquéias de animais hipotireóideos desafiados apresentaram diminuição da RM ao Ca2+ quando estimuladas com KCl, CCh e 5-HT. Ocorreu aumento na CE50 nas CCE ao Ca2+ em traquéias desafiadas e estimuladas com CCh de 5,77 x 10-4 M para 22,50 x 10-4 M (n = 6, p<0,01 two-way ANOVA). O hipertireoidismo promoveu um significativo aumento na RM das CCE apenas ao KCl (0,96 ± 0,10 gF no controle versus 1,58 ± 0,15 no tecido hipertireóideo). Não houve desenvolvimento de hiperreatividade após o desafio antigênico (RM = 1,87 ± 0,14 gF). Ocorreu diminuição da CE50 ao CCh de 0,67 x 10-4 M no controle para 0,14 x 10-4 M após tratamento com T4. Os resultados mostram que há envolvimento dos hormônios tireoideanos no desenvolvimento de hiperreatividade em traquéia de rato, induzida após reapresentação do antígeno a animais previamente sensibilizados.
Abstract: In other to verify the influence of thyroid hormones on the tracheal hyperreactivity development, euthyroid, hypothyroid (propiltiouracil [PTU] - p.o. 0.05% w/v, 4 weeks) or hyperthyroid (L-tiroxine [T4] – 0.5 mg/kg s.c.,7 or 9 days) male rats (200 - 250 g) were sensitized to ovalbumine (OVA) and, 14 days later, challenged with OVA inhalation, (1 mg/ml, followed by 5 mg/ml, 15 min each). Animals sacrifice was carried out 24 later by means of anaesthesia with chloral hydrate (400 mg/Kg). Isolated trachea was mounted in 10 ml bath chamber filled with modified Krebs-Henseleit (37 oC, 5% de CO2 em O2). Concentration-effect curves (CEC) were carried out for potassium chloride (KCl), carbachol (CCh) or serotonin (5-HT). CEC to Ca2+ added in tissues maintained in Ca2+-free medium stimulated with KCl, CCh or 5-HT also were carried out. Antigenic challenge produced significant increase (p < 0.05, two-way ANOVA) of the maximal response (Emax) of the CCE for KCl from 0.96 ± 0.10 gF to 1.53 ± 0.11 gF (n = 7), for CCh from 1.98 ± 0.06 gF to 2.92 ± 0.07 gF (n = 7) and for 5-HT from 1.64 ± 0.14 gF to 2.41 ± 0.15 (n = 6) in tissues obtained from sensitized or challenged animals, respectively. Tracheae also showed increase on the Emax to Ca2+ (p < 0.05, two-way ANOVA) when stimulated with KCl from 0.54 ± 0.06 gF to 0.86 ± 0.07 gF (n = 6), with CCh from 1.20 ± 0.14 gF to 1.77 ± 0.14 gF (n = 6) or with 5-HT from 0.59 ± 0.10 gF to 1.15 ± 0.05 gF (n = 6) on sensitized or challenged tissues, respectively. The hypothyroidism did not modify significantly the KCl- or CCh-induced Emax, while the 5-HT-induced contractile effect was reduced from 1.64 ± 0.14 gF in euthyroid tissues to 0.34 ± 0.07 gF in hypothyroid tissues (p < 0.001, two-way ANOVA). After challenge, 5-HT produced in hypothyroid tissues a contraction corresponding to 0.56 ± 0.11 gF (n = 7, p < 0.001, two-way ANOVA). Hypothyroidism prevented hyperreactivity development for KCl and CCh. It was observed an increased EC50 value in CCE for CCh from 0.49 x 10-6M to 4.65 x 10-6 M (p < 0,05, two-way ANOVA). After challenge, CE50 value was reduced to 1.53 x 10-6 M (n = 6, p < 0,05, two-way ANOVA). Tracheae from challenged hypothyroid animals showed decreased Emax to Ca2+ when they were stimulated with KCl, CCh and 5-HT. It was observed an increased EC50 value in CCE to Ca2+ in challenged tissues stimulated with CCh from 5.77 x 10-4 M to 22.50 x 10-4 M (n = 6, p < 0.01, two-way ANOVA). Hyperthyroidism significantly increased Emax of the KCl-induced CCE (0.96 ± 0,10 gF in control versus 1.58 ± 0.15 on hyperthyroid tissue). Hyperreactivity was not showed after antigenic challenge (Emax = 1.87 ± 0.14 gF). It was observed a reduction of the EC50 value to CCh from 0.67 x 10-4 M in control to 0.14 x 10-4 M after T4 treatment. Our results show that there is a putative thyroid hormones involvement in hyperreactivity development on rat trachea, after an antigenic challenge.
Descrição: BEZERRA, Fernanda Carvalho. Participação dos hormônios tireoideanos no desenvolvimento de hiperreatividade induzida pelo desafio antigênico com ovalbumina em traquèias isoladas de ratos sensibilizados. 2005. 140 f. Dissertação (Mestrado em Farmacologia) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Medicina, Fortaleza, 2005.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/2346
Aparece nas coleções:DFIFA - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2005_dis_fcbezerra.pdf5,93 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.