Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/24883
Title in Portuguese: Mosaico de resistências: os conflitos por terra no espaço cearense (1995 – 2010)
Title: Resistance mosaic: the conflicts by earth in cearense space (1995 - 2010)
Author: Pinto, Luana Elis Oliveira
Advisor(s): Oliveira, Alexandra Maria de
Keywords: Conflito por terra
Governo FHC
Governo Lula
Ceará
Issue Date: 2016
Citation: PINTO, L.E.O. (2016)
Abstract in Portuguese: As reflexões da presente pesquisa giram em torno dos conflitos por terra no Ceará no interstício de 1995 a 2010 e têm por objetivo central compreender como este fenômeno, a partir da ação reguladora / mediadora do Estado, em distintas conjunturas, se estabeleceu através de avanços e recuos de sua espacialização, promovendo mudanças no espaço agrário. Para este entendimento, a análise será realizada a partir o recorte temporal que compreende os governos de Fernando Henrique Cardoso, entre 1995 até 2002 e de Luís Inácio Lula da Silva, entre 2003 a 2010. O trabalho segue à luz da teoria crítica, tendo como pressuposto teórico norteador o entendimento das transformações do capitalismo no campo brasileiro através do desenvolvimento desigual e combinado (OLIVEIRA, 2001). Nos apoiamos nas proposições de natureza metodológica qualitativa e quantitativa do tipo de pesquisa documental, uma vez que essa abordagem nos permitiu uma maior aproximação com o objeto da pesquisa – os conflitos por terra no Ceará – por meio do levantamento bibliográfico, revisão em livros, teses, dissertações, periódicos, análise e interpretação de fontes secundárias, como o caderno “Conflitos no Campo Brasil” (CPT), dados oficiais e levantamento de artigos de jornais para a construção de um banco de dados problematizado ao longo deste trabalho. Estes governos resguardaram contornos políticos específicos, mas se aproximaram pela ausência de uma política de reforma agrária que solucionasse o grave problema da concentração da estrutura fundiária, sintomaticamente atestado pela pujança dos conflitos por terra.
Abstract: The reflections of this research revolve around the land conflicts in Ceará between 1995 and 2010 and have as main objective to understand how this phenomenon is established through advances and retreats of their spatial distribution, promoting changes in the agricultural space from the regulatory action / mediator the state, in different circumstances. For this understanding, the analysis will be carried out from the time frame comprising the governments of Fernando Henrique Cardoso, from 1995 to 2002 and Luis Inacio Lula da Silva, between 2003-2010.The work follows in the light of critical theory, with the theoretical assumption guiding the understanding of capitalist transformation in the Brazilian countryside through the combined and uneven development (OLIVEIRA, 2001).We support the propositions of qualitative and quantitative methodological nature of the type of documentary research, since this approach allowed us to get closer to the object of the research - the land conflicts in Ceará - through literature, review books, theses, dissertations, periodicals, analysis and interpretation of secondary sources such as "Conflitos no Campo Brasil" book, official data and survey of newspaper articles to build a database questioned throughout this work.These governments maintained specific political boundaries, but approached the absence of a land reform policy that would address the serious problem of concentration of land ownership, symptomatically attested by the strength of the land conflicts.
Description: PINTO, Luana Elis Oliveira. Mosaico de resistências: os conflitos por terra no espaço cearense (1995 – 2010). 2016. 103f. Dissertação (Mestrado em Geografia)-Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2017.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/24883
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:DGR - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2016_dis_leopinto.pdf2,91 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.