Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/26069
Title in Portuguese: A Crise da Razão em Adorno
Title: The Crisis of Reason in Adorno
Author: Capistrano Filho, João
Advisor(s): Chagas, Eduardo Ferreira
Keywords: Crise
Razão
Crítica adorniana
Reason
Crises
Issue Date: 2006
Citation: Capistrano Filho, J.; Chagaas, E. F. (2006)
Abstract in Portuguese: O objetivo desse trabalho é demonstrar como se dá A Crise da Razão em Adorno. Como ponto de partida verificamos a concepção de objeto em Adorno em que ele dá primazia ao objeto incluindo o sujeito como parte deste. A crítica adorniana, nesse sentido, volta-se contra os conceitos impostos pela sociedade dirigida pelo capital que deságuam no princípio da identidade, ou seja, todo pensamento deve identificar um ente do real de acordo com os interesses do capitalismo. O capital através do princípio da identidade ocultaria as contradições sociais existentes entre os indivíduos particulares para esconder a sua verdadeira face que é a de um sistema de contradições. Ocultar as contradições faz parte do jogo de dominação do sistema capitalista. A dominação exercida pelo capital seria, segundo Adorno, uma herança da antiga forma mítica de dominação. O homem teria dissolvido o antigo mito pelo desenvolvimento da tecnica, mas não dissolveu o sistema de dominação do velho mito que é o sistema de dominação da natureza a qual o mito representava. A humanidade destruiu o mito antigo, mas racionalizou a sua forma de dominação que se manifesta no feroz domínio sobre a natureza e o próprio homem e que Adorno chama de razão instrumental.
Abstract: The aim of that work is to demonstrate how The Crisis of Reason in Adorno occurs. First of all, we verify the conception of the object in Adorno when he give the primacy to the object including the subject like a part of that. The adornian criticism , in that sense, goes against the society controlled by the capital that drain in principle of the identity, that is, every thought has to identify a being of the real according to the interests of capitalism. The capital through the principle of the identity would hide the existent social contradictions among the private individuals in order to hide its true face of a system of the contradictions. Hiding the contradictions is an element of the game of the domination of the capitalist system. The domination exerted by the capital would be an heirdom of the ancient mythic form of the domination according to Adorno. Man would have dissolved the system of the domination of the ancient myth that is the system of the natural domination that the myth used to represent. The humanity destroyed the ancient myth but racionalized its form of domination that it is manifested in the ferocious dominion about the nature and the own man that Adorno names the instrumental reason.
Description: CAPISTRANO FILHO, João. A Crise da Razão em Adorno. 2006. 134f. – Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-graduação em Filosofia, Fortaleza (CE), 2006.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/26069
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:PPGFILO - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2006_dis_jcapristanofilho.pdf710,81 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.