Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/26277
Title in Portuguese: Análise textural e geoquímica dos sedimentos do talude Continental do Oeste do Ceará.
Title: Textural and geochemical analysis of the sediments of the Continental coast of the West of Ceará.
Author: Lima Neto, Inácio Ocinaí de
Advisor(s): Freire, George Satander Sá
Keywords: Talude Continental
Testemunho
Ceará
Issue Date: 2017
Citation: LIMA NETO, I. O. (2017)
Abstract in Portuguese: Esta pesquisa foi realizada no talude continental da região de Acaraú, a 80 km da costa, com profundidades entre 60 e 2550 m. Seu objetivo principal foi à caracterização sedimentar e geoquímica do talude através dos Testemunhos SIS100, SIS103, SIS105, SIS 400 e SIS108, quanto a textura, cor, composição química e mineralógica, na busca de auxiliar na classificação dos sedimentos das zonas submersas. Os estudos foram baseados em referencial bibliográfico e utilizadas metodologias de descrição de amostras de fundo marinho, através de análise granulométrica, geoquímica por Espectroscopia de Energia Dispersiva, Fluorescência e Difração de Raio X. A geologia do talude continental faz parte da margem passiva, tendo sua evolução ocorrida no período de rifteamento da bacia oceânica, sendo modelado pela atuação do tectonismo, das variações do nível médio do mar, da deposição fluvial, das marés correntes oceânicas, ondas, entre outros. Considerando-se a variedade de colorações, temos uniformidade entre os três primeiros testemunhos (nos primeiros 8cm) apresentando cor cinza amarelada mesmo distantes e com diferentes profundidades pode-se inferir num único evento de sedimentação para estes três, em relação à segunda porção do testemunho SIS 105, e nos SIS 460 e SIS 108, por apresentarem cores diferentes tanto no mesmo testemunho como nos demais, assim, considera-se eventos distintos característicos para cada uma das cores encontradas pelo fato de não ter outra continuação nos demais testemunhos. Com relação ao diagrama triangular os testemunhos SIS 100, SIS 103 e SIS 460, apresentaram semelhança quanto à classificação de Lama arenosa e baixos valores de cascalho, e classificou-se como Silte argiloso tanto níveis da amostra SIS 105 como a SIS 108 no todo. Após o estudo no teor de CaCO3 destes, os quatro primeiros apresentaram valores acima de 91%, sendo o SIS 108 o mais distinto desses, apresentando teor máximo de 10%.A mineralogia encontrada, com o auxílio da Difratometria de Raio X, foi: wollastonita, aragonita, calcita, quartzo, goethita, illita-montmorilonita, muscovita, margarita e rutilo. A partir dos dados obtidos no Microscópio Eletrônico de Varredura foram notados diferentes minerais na superfície da gipsita, sendo eles o Cobre nativo de ambiente redutor, a monazita detrítica, a pirita formada em ambiente marinho redutor e o rutilo detrítico.Os resultados geraram uma maior base nos estudos sobre o mar profundo e sua dinâmica.Esta pesquisa foi realizada no talude continental da região de Acaraú, a 80 km da costa, com profundidades entre 60 e 2550 m. Seu objetivo principal foi à caracterização sedimentar e geoquímica do talude através dos Testemunhos SIS100, SIS103, SIS105, SIS 400 e SIS108, quanto a textura, cor, composição química e mineralógica, na busca de auxiliar na classificação dos sedimentos das zonas submersas. Os estudos foram baseados em referencial bibliográfico e utilizadas metodologias de descrição de amostras de fundo marinho, através de análise granulométrica, geoquímica por Espectroscopia de Energia Dispersiva, Fluorescência e Difração de Raio X. A geologia do talude continental faz parte da margem passiva, tendo sua evolução ocorrida no período de rifteamento da bacia oceânica, sendo modelado pela atuação do tectonismo, das variações do nível médio do mar, da deposição fluvial, das marés correntes oceânicas, ondas, entre outros. Considerando-se a variedade de colorações, temos uniformidade entre os três primeiros testemunhos (nos primeiros 8cm) apresentando cor cinza amarelada mesmo distantes e com diferentes profundidades pode-se inferir num único evento de sedimentação para estes três, em relação à segunda porção do testemunho SIS 105, e nos SIS 460 e SIS 108, por apresentarem cores diferentes tanto no mesmo testemunho como nos demais, assim, considera-se eventos distintos característicos para cada uma das cores encontradas pelo fato de não ter outra continuação nos demais testemunhos. Com relação ao diagrama triangular os testemunhos SIS 100, SIS 103 e SIS 460, apresentaram semelhança quanto à classificação de Lama arenosa e baixos valores de cascalho, e classificou-se como Silte argiloso tanto níveis da amostra SIS 105 como a SIS 108 no todo. Após o estudo no teor de CaCO3 destes, os quatro primeiros apresentaram valores acima de 91%, sendo o SIS 108 o mais distinto desses, apresentando teor máximo de 10%.A mineralogia encontrada, com o auxílio da Difratometria de Raio X, foi: wollastonita, aragonita, calcita, quartzo, goethita, illita-montmorilonita, muscovita, margarita e rutilo. A partir dos dados obtidos no Microscópio Eletrônico de Varredura foram notados diferentes minerais na superfície da gipsita, sendo eles o Cobre nativo de ambiente redutor, a monazita detrítica, a pirita formada em ambiente marinho redutor e o rutilo detrítico.Os resultados geraram uma maior base nos estudos sobre o mar profundo e sua dinâmica.
Abstract: This research was carried out on the continental slope of the Acaraú region, 80 km from the coast, with depths between 60 and 2550 m. Its main objective was the sedimentary and geochemical characterization of the slope through the SIS100, SIS103, SIS105, SIS 400 and SIS108, as well as the texture, color, chemical and mineralogical composition, in order to assist in sediment classification of submerged zones. The studies were based on bibliographic references and methodologies were used for the description of seabed samples, by means of granulometric analysis, geochemistry by Dispersive Energy Spectroscopy, Fluorescence and X-Ray Diffraction. The geology of the continental slope is part of the passive margin, its evolution occurred in the period of rift of the ocean basin, being modeled by the tectonic action, the variations of the average level of the sea, the fluvial deposition, ocean currents, waves, between others. Considering the variety of colorations, we have uniformity between the first three samples (in the first 8 cm) showing yellowish gray color even distant and with different depths can be inferred in a single sedimentation event for these three, in relation to the second portion of the testimony SIS 105, and in SIS 460 and SIS 108, because they present different colors both in the same testimony and in the others, thus, it is considered distinct events characteristic for each of the colors found by the fact that there is no continuation in the other testimonies. With respect to the triangular diagram, the SIS 100, SIS 103 and SIS 460, presented similarity to the classification of sandy mud and low values of gravel, and classified as silt clay both levels of the SIS 105 sample and SIS 108 in the whole. After the study on the CaCO3 content of these, the first four presented values above 91%, the SIS 108 being the most distinct of these, presenting a maximum content of 10%. The mineralogy found with the aid of X-ray diffraction was: wollastonite, aragonite, calcite, quartz, goethite, illite-montmorillonite, muscovite, margarite and rutile. From the data obtained in the Scanning Electron Microscope, different minerals were observed on the surface of the gypsum, being the native copper of reducing environment, the detrital monazite, the pyrite formed in a reducing marine environment, and the detrital rutile. The results generated a greater base in the studies on the deep sea and its dynamics.
Description: LIMA NETO, Inácio Ocinaí de. Análise textural e geoquímica dos sedimentos do talude Continental do Oeste do Ceará. 2017. 103 f. Dissertação (Mestrado em Geologia)-Universidade Federal do Ceará, 2017.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/26277
Appears in Collections:DGL - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_dis_iolimaneto.pdf3,71 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.