Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/2705
Título: Estudo da toxicidade induzida por fosfolipase A2 isolada do veneno de Crotalus durissus terrificus em rim isolado de rato e em túbulos proximais isolados de coelho
Título em inglês: Study of toxicity induced by phospholipase A2 isolated from Crotalus durissus terrificus snake venom on isolated rat kidney and on isolated rabbit proximal tubules
Autor(es): Amora, Daniela Nascimento
Orientador(es): Monteiro, Helena Serra Azul
Palavras-chave: Toxicidade
Rim
Ácidos Graxos não-Esterificados
Data do documento: 2008
Citação: AMORA, D. N. (2008)
Resumo: Apesar de muito se discutir sobre os efeitos citotóxicos dos venenos ofídicos, pouco ainda é conhecido sobre os mecanismos de ação sobre as diversas células, e em especial, sobre as células renais. No caso particular da citotoxicidade dos venenos crotálicos, tem-se postulado a participação de diversos metabólitos da hidrólise de lipídios de membrana, e, mais recentemente, da disfunção mitocondrial. O presente trabalho teve como objetivo estudar o efeito da fosfolipase A2 (FLA2) isolada do veneno da Crotalus durissus terrificus sobre rim isolado de rato assim como estudar a toxicidade e as alterações da função mitocondrial induzidas pelas FLA2s de pâncreas de porco (PFLA2) e de veneno da C. d. terrificus (VSFLA2) em suspensões de túbulos proximais (TP). No rim isolado foi observado aumento no fluxo urinário, no ritmo de filtração glomerular (RFG) e na pressão de perfusão (PP) enquanto ocorreram decréscimos nos percentuais de transporte total de sódio (%TNa+), de potássio (%TK+) e de cloreto (%TCl-). Na análise histopatológica foi observada a deposição de material proteináceo nos túbulos de rins perfundidos com FLA2. No estudo de suspensões de TP tratadas com PFLA2 e com VSFLA2 foi observado que estas induziram injúria celular, sugerida pelo aumento na liberação de lactato desidrogenase (LDH), promoveram aumentos nos níveis de ácidos graxos não esterificados (AGNE) e diminuíram o potencial de membrana mitocondrial (ΔΨm), sem, no entanto, alterar os níveis de ATP. Em relação ao ΔΨm, a PPFLA2 não produziu efeitos nas concentrações mais elevadas, apesar de ter aumentado, significativamente, na menor concentração. As concentrações mais elevadas da FLA2 crotálica, entretanto, induziram um decréscimo significativo no ΔΨm. A adição de BSA reverteu completamente os efeitos das FLA2s sobre o ΔΨm. No estudo da permeabilidade mitocondrial de transição (PMT) foi observado que a PFLA2 e a VSFLA2 promoveram a liberação da safranina O e, por entanto, induziu a formação de PMT, apesar da leve edema mitocondrial produzido. Conclui-se que as fosfolipases A2 de pâncreas de porco e do veneno da C. d. terrificus produziram um efeito citotóxico em preparações de túbulos proximais evidenciado pelo aumento na liberação de LDH, além de promoverem alterações no potencial mitocondrial de membrana, o que sugere alteração da função mitocondrial por essas enzimas. Em rim isolado, foi observado que a FLA2 crotálica promoveu alterações da função renal.
Abstract: Although the increasing interest on biological effects of snake venoms, their cytotoxic as well as their nephrotoxic mechanisms are still unknown. In the particular case of crotalic venoms, it has been postulated the participation of several metabolites from membrane phospholipids hydrolysis and more recently, mitochondrial dysfunction. The present work investigated the renal effects promoted by the phospholipase A2 (PLA2) isolated from Crotalus durissus terrificus venom in the isolated rat kidney. Addition of PLA2 increased UF, GFR and PP, while reducing %TNa+, %TK+ and %TCl-. The histological analysis showed a mild amount of a proteinaceous substance in the renal tubules of kidneys perfused with PLA2. In the present study also showed that the phospholipase A2 isolated from porcine pancreas (PPLA2) and from C d terrificus snake venom (SVPLA2) produced cellular injury suggested by the increase in LDH release and increased nonesterified fatty acid (NEFA) levels from rabbit proximal tubules in suspension. Furthermore, the SVPLA2 induced a decrease in mitochondrial membrane potential (ΔΨm) assessed by both JC-1 uptake and safranin O uptake. PPLA2 produced no effects on ΔΨm with the highest concentrations, and an unexpected increase in the group treated with the lowest concentration. Addition of BSA completely reversed the effects induced by phospholipases on ΔΨm. It was observed no changes in cell ATP levels. Finally, to determine whether mitochondrial membrane permeability was affected by PPLA2 and SVPLA2, we measured the change safranin O uptake to assess both changes in mitochondrial volume and in ΔΨm. The latter was affected by both PLA2s although small alterations in the mitochondrial volume were observed. We conclude that the treatment of proximal tubule suspensions with porcine or crotalic PLA2s disturbed the membrane integrity as well as the mitochondrial function. Furthermore, crotalic PLA2 altered renal function in the isolated rat kidney preparation.
Descrição: AMORA, Daniela Nascimento. Estudo da toxicidade induzida por fosfolipase A2 isolada do veneno de Crotalus durissus terrificus em rim isolado de rato e em túbulos proximais isolados de coelho. 2008. 123 f. Tese (Doutorado em Farmacologia) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Medicina, Fortaleza, 2008.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/2705
Aparece nas coleções:DFIFA - Teses defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2008_tese_dnamora.pdf3,23 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.