Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/2820
Título: As orações pseudo-relativas modalizadoras: aspectos formais e funcionais
Título em inglês: The modalizadoras pseudo-relative conjuncts: formal and functional aspects
Autor(es): Trindade, Ana Paula Silva Vieira
Orientador(es): Nogueira, Márcia Teixeira
Palavras-chave: Funcionalismo
Estratégias de Relativização
Articulação de Orações
Modalização
Língua portuguesa – Orações pseudo-relativas modalizadoras
Língua portuguesa – modalidade
Funcionalismo (Linguística)
Análise linguística
Blogs
Functionalism
Revitalizing Strategies
Sentence Articulations
Modal Actions
Data do documento: 2009
Editor: http://www.teses.ufc.br
Citação: Trindade, A. P. S. V.; Nogueira, M. T. (2009)
Resumo: Este trabalho tem por objetivo refletir sobre os aspectos sintáticos, semânticos e discursivos associados ao uso de orações pseudo-relativas com marcas de modalidade. Inicialmente, procuramos verificar se, nas gramáticas tradicionais, anteriores e posteriores à NGB, e em gramáticas descritivas de língua portuguesa, bem como na pesquisa linguística sobre as orações relativas, há referência ao tipo de construção que designamos como orações pseudo-relativas modalizadoras. A partir desse levantamento bibliográfico inicial, constatamos que essa construção parece ter sido negligenciada por gramáticos e linguistas, pois quase inexiste alusão a ela. Com orientação teórica funcionalista, procuramos, então, proceder a uma análise qualitativa sobre as propriedades da construção pseudo-relativa modalizadora. A análise de ocorrências colhidas, sobretudo em blogs disponíveis na Internet, revelou-nos que a construção pseudo-relativa modalizadora: a) exibe uma relação de encaixamento; b) constitui-se com verbos de Ação, Processo ou Estado; c) apresenta verbos que, em geral, são de cognição e elocução que funcionam como predicados encaixadores de proposições com valores de modalidade epistêmica e evidencialidade; d) tem associado, frequentemente, ao Argumento 1 desses verbos o traço [+ Exp]; e) parece propensa a ocorrer em passagens de Fundo; f) tem, em geral, no SN antecedente, um referente dado ou pelo menos identificável pelo interlocutor. A partir dessa análise qualitativa do fenômeno, pretendemos fornecer contribuições para possíveis pesquisas acerca do fenômeno que aqui designamos de pseudo-relativa modalizadora.
Abstract: This work intends to reflect about the syntactic, semantic and discursive aspects associated to the use of pseudo relative sentences with modal remarks. To begin with, we tried to verify if, in traditional grammars, former and latter ones to NGB, and in descriptive grammars of the Portuguese language, as well as in the linguistic research about the relative sentences, there is a reference to the kind of construction we labeled as pseudo relative modal sentences. From this initial bibliographical overview, we saw that this construction seems to have been neglected by grammarians and linguists, because there is almost no allusion to it. With functionalist theorical guiding, we sought, then, to proceed a qualitative analysis about the properties of the pseudo relative modal construction. The analysis of the observed facts, mainly in blogs available on Internet, revealed us that the pseudo relative modal construction a) shows an embedding relation; b) is formed with Action, Process or State verbs; c) it shows verbs that, in general, are cognition and elocution ones, working as matrix predicates carrying propositions with epistemic modality and evidentiality values; d) it hás associated, frequently, to the Argument 1 of these verbs the trace [+ Exp]; e) apparently tends to occur in background excerpts; f) it has, usually, in the former SN, a referred data or at least, identifiable by the interlocutor. From this qualitative analysis of the phenomenon, we intend to provide contributions to possible research about the phenomenon we name here pseudo relative modal.
Descrição: TRINDADE, Ana Paula Silva Vieira. As orações pseudo-relativas modalizadoras: aspectos formais e funcionais. 2009. 122f.Dissertação (Mestrado em Linguística) – Universidade Federal do Ceará, Departamento de Letras Vernáculas, Programa de Pós-Graduação em Linguística, Fortaleza-CE, 2009.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/2820
Aparece nas coleções:PPGL - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2009_dis_apsvtrindade.pdf623,56 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.