Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/28433
Título: Tradição e modernidade na produção poética de Roberto Pontes
Autor(es): Silva, Fernanda Maria Diniz da
Orientador(es): Martins, Elizabeth Dias
Palavras-chave: Residualidade
Poesia
Roberto Pontes
Tradition
Modernity
Data do documento: 2017
Citação: Silva, F. M. D. ; Martins, E. D. (2017)
Resumo: Esta tese tem por objetivo analisar a produção poética de Roberto Pontes a partir da sua relação com a tradição e a modernidade. É ele um dos fundadores do Grupo SIN de Literatura, que em 2017 chega ao cinquentenário. Autor de grande importância na literatura brasileira, sua obra poética é composta pelos livros: Contracanto (1968), Lições de Espaço (1971), Temporal (1976), Memória Corporal (1982), Verbo Encarnado (1996, 2014), Breve Guitarra Galega (2002), Hierba Buena/Erva Boa (2007), 50 Poemas Escolhidos pelo Autor (2010; 2014), Lições de Tempo/ Lecciones de Tiempo (2012) e Os Movimentos de Cronos/Los Movimientos de Cronos (2012). Ao longo do nosso trabalho realizamos um estudo de poemas de Pontes, tendo como base a Teoria da Residualidade por ele sistematizada. Para consecução da pesquisa e a elaboração do texto, o método utilizado foi o comparativo. Assim, buscamos subsídios no corpus teórico da Literatura Comparada, ciência propiciadora da visão de interdisciplinaridade necessária à abordagem do texto literário e das confluências históricas, sociais e culturais aí implicadas. A partir do estudo da obra poética do autor, foi possível confirmar que Roberto Pontes reconstruiu literariamente a poética característica da Antiguidade bíblica, do Trovadorismo e da canção épica, adequando a essência desses modos poéticos ao contexto espacial e temporal de sua época, os séculos XX e XXI. Além disso, verificou-se que a metapoesia, a poesia social, a poesia insubmissa, a poesia experimental e a poesia filosófica fazem parte do escopo da produção literária do autor, que tem a virtude de se adequar à natureza da modernidade artística. A obra de que nos ocupamos tem lugar no cenário histórico, político e cultural no qual ocorre a Geração 60 da literatura brasileira, configurada e periodizada por Pedro Lyra, após a consolidação do sincretismo estético adotado em 1967-1968 pelo Grupo SIN de Literatura no Ceará. Por fim, ressalte-se que a produção artística do poeta, natural de Fortaleza, em muito contribui com a humanização da sociedade ao abordar temas universais pertinentes à essência humana, os mesmos da literatura de todos os tempos e espaços.
Abstract: This thesis aims analyze the poetic production of Roberto Pontes onwards its relation to the tradition and the modernity. He is one of the founders of Grupo SIN de Literatura, the group will complete fifty years in 2017. As an important author of Brazilian literature, his poetry is composed by the following books: Contracanto (1968), Lições de Espaço (1971), Temporal (1976), Memória Corporal (1982), Verbo Encarnado (1996; 2014), Breve Guitarra Galega (2002); Hierba Buena/Erva Boa (2007), 50 Poemas Escolhidos pelo Autor (2010; 2014), Lições de Tempo/Lecciones de Tiempo (2012) and Os Movimentos de Cronos/Los Movimientos de Cronos (2012). Throughout this work, it is conducted a study of Pontes‟ poems, based on the Residualidade Theory, developed by him. In order to guide our research and elaborate the text, it was used the comparative method. Therefore, we will search subsidies in the theoretical corpus of the Comparative Literature, science that provides the necessary interdisciplinarity vision to the approach of the literary text and the historical, social and cultural confluences involved. From the study of the poetic author‟s work, it was possible to confirm that Roberto Pontes rebuilt literarily the poetic characteristic of the Biblical antiquity, Troubadours and the epic song, adjusting the essence of these poetic modes to the spatial and temporal context of his time, the twentieth and twenty-first century. In addition, it was verified that the metapoetry, the social poetry, the unsubmissive poetry, the experimental poetry and philosophic poetry belong to the scope of the author‟s literary production, that it has the virtue of adapting to the nature of the artistic modernity. The work in study takes place in the historical, political and cultural setting, in which it occurs the 60s generation of the Brazilian literature, set and divided into periods by Pedro Lyra, after the consolidation of the esthetic syncretism adopted in 1967-1968 by Grupo SIN de Literatura in Ceará. Lastly, it highlights that the poet‟s artistic production, born in Fortaleza, contributed significantly to the humanization of the society when it was discussed universal themes relevant to the human essence, the same ones of all times and spaces.
Descrição: SILVA, Fernanda Maria Diniz da. Tradição e modernidade na produção poética de Roberto Pontes. 2017. 281f. - Tese (Doutorado) - Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-Graduação em Letras, Fortaleza (CE), 2017.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/28433
Aparece nas coleções:PPGLE - Teses defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2017_tese_fmdsilva.pdf.pdf14,27 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.