Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/3014
Título: Gallegos, gombadres e negócios: os imigrantes libaneses na Praça Mercantil da cidade de Fortaleza-CE (1890 – 1930)
Título em inglês: Gallegos, gombadres and business: the lebanese immigrants in the square of the city of merchantability Fortaleza-Ce (1890 - 1930)
Autor(es): Franklin, Ruben Maciel
Orientador(es): Neves, Frederico de Castro
Palavras-chave: Imigrantes - Fortaleza(CE) - 1890-1930
Libaneses - Fortaleza(CE) - Condições econômicas - 1890-1930
Libaneses - Fortaleza(CE) - Condições sociais - 1890-1930
Libaneses - Fortaleza(CE) - Identidade étnica - 1890-1930
Lebanese immigrants, commerce, Fortaleza-Ce
Fortaleza-Ce
Comércio
Imigrantes Libaneses
Data do documento: 2011
Citação: Franklin, R. M.; Neves, F. C. (2011)
Resumo: Este trabalho pretende analisar a constituição de redes de sociabilidades entre imigrantes libaneses em Fortaleza nos últimos anos do século XIX e início do XX; momento em que o crescimento comercial abria diversas oportunidades para investimentos e comerciantes adentravam importantes ramos mercantis, como tecidos, sapatarias, padarias, consignações e/ou joalherias. Portanto, um contexto favorável para os imigrantes (re)venderem mercadorias e abrirem suas próprias lojas. Com a noção de redes migratórias, a investigação corre os laços associativos que permitiram aos libaneses deslocar-se através de contatos mantidos entre patrícios. Neste sentido, o comércio ambulante parece ter sido a principal atividade inicial destes sujeitos, quando muitos se estabeleciam, conseguiam enriquecer e, muitas vezes, ajudavam os recém-chegados. Tal movimento ateve-se ainda as motivações que permearam a escolha dos imigrados pelas ocupações urbanas e pelo tipo de especialização profissional: fazendas e miudezas. Neste intuito, procurei desenvolver questões sobre a organização social destes imigrantes na Praça mercantil de Fortaleza, ressaltando o papel das redes comerciais nas quais passaram a atuar e os meios pelos quais buscaram negociar suas posições dentro da hierarquia comercial local.
Abstract: This research intend to analyze the constitution of sociability networks between Lebanese immigrants in the Fortaleza, state of Ceará in Brazil, in the last years of the nineteenth century and beginning of the twentieth, when the growth of the commerce was opening a lot of possibilities for investments and a lot of traders were interesting in important sectors, for example: dresses, shoes and others jewel accessories. So, favorable contexts for the immigrants sell merchandises and get their own stores. The notion of migration networks helps us to study the associative binds where the Lebanese dislocated through of contacts sustained between patricians. In this way, the peddler was the principal activity of these fellows, when some of them enriched and helped fellow countryman/woman recently arrived. This movement was still linked the motivations about the choices of the Lebanese for the urban occupations and for the kind of professional specialization: cloths and sundries. Afterward, I also looked for to create some questions about social organization these immigrants in the commerce and how they negotiated their positions inside local hierarchy.
Descrição: FRANKLIN, Ruben Maciel. Gallegos, gombadres e negócios: os imigrantes libaneses na Praça Mercantil da cidade de Fortaleza-CE (1890 – 1930). 2011. 248 f. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal do Ceará, Departamento de História, Programa de Pós-Graduação em História Social, Fortaleza-CE, 2011.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/3014
Aparece nas coleções:PPGH - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2011_Dis_RMFranklin.pdf6,3 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.