Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/31093
Title in Portuguese: O efeito demográfico nos gastos assistenciais da saúde suplementar
Author: Silva Neto, João Gomes da
Advisor(s): Macedo, Alana Katielli Azevedo de
Keywords: Envelhecimento populacional
Plano de saúde
Efeito demográfico
Issue Date: 2014
Citation: SILVA NETO, João Gomes da. O efeito demográfico nos gastos assistenciais da saúde suplementar. 2014. 66 f. TCC (graduação em Ciências Atuárias ) - Universidade Federal do Ceará, Faculdade de Economia, Administração, Atuária e Contabilidade, Fortaleza-CE, 2014.
Abstract in Portuguese: O envelhecimento de uma população causa diversas implicações que atingem diferentes áreas de uma sociedade, na saúde esse processo tem um efeito instantâneo. O principal motivo desse processo, que já é observado em vários países, é a transição demográfica, que causa diversas mudanças na estrutura etária de uma população, com a diminuição dos grupos mais novos e aumento dos mais velhos. No Brasil, esse processo foi mais acelerado, com a redução da taxa de fecundidade e aumento da esperança de vida em poucas décadas. Em paralelo às transformações na população, houve mudanças nos padrões de morbidade, onde as mortes por doenças infecto-parasitárias deram lugar às doenças crônico-degenerativas. Desse modo, essas mudanças resultam num aumento da demanda, principalmente pelos idosos, por serviços de saúde. O objetivo desta monografia é mensurar o impacto do envelhecimento nos gastos com saúde. Para isso utilizou-se um banco de dados com informações reais de uma operadora de planos de saúde. O banco de dados continha as informações dos beneficiários de uma carteira de um plano de contratação individual/familiar, assim como os gastos gerados, no período de 2008 a 2013, utilizando 72 meses. Projetou-se essa carteira e os gastos num horizonte de 20 anos, até 2033. Com o intuito de avaliar apenas o envelhecimento da população, optou-se por utilizar o método com taxas de saída, ou seja, foi considerada que a população a ser projetada é fechada, não considerando nenhuma nova entrada durante a projeção. O estudo mostrou que, apesar da redução nos gastos totais anuais, pela redução da população, apenas a ação do efeito demográfico, principalmente do envelhecimento, foi suficiente para que os gastos per capita aumentassem. Como resultado, foi estimado que o impacto nos custos com o envelhecimento da carteira estudada foi de 183,4% ao período, sendo que 84,6% foi em consequência do efeito demográfico, o que equivale a 5,36% e 3,11% ao ano, respectivamente, além da inflação
Abstract: The aging population causes several implications that reach different areas of a company, in this case health has an instantaneous effect. The main reason of this process, which is already observed in several countries, the demographic transition, which causes several changes in the age structure of a population, with a decrease of younger and older groups increased. In Brazil, this process was accelerated, with the reduction in fertility rates and increased life expectancy in a few decades. In parallel to the changes in the population, there were changes in morbidity patterns, where deaths from infectious and parasitic diseases gave rise to chronic diseases. Thus, these changes result in increased demand, especially by the elderly, for health services. The purpose of this monograph is to measure the impact of aging on health care expenditures. For this we used a database with information from an actual operator of health plans. The database contained the details of beneficiaries of a portfolio of a plan of individual / family engagement, as well as the expenses incurred in the period 2008-2013, using 72 months. It was designed this portfolio and spending in a 20 year period, until 2033. Aiming to evaluate only the aging population, we chose to use the method with rates of output, ie, the population was considered to be designed is closed, not considering any new entries during projection. The study showed that, despite the reduction in total annual spending by reducing the population, only the action of the demographic effect, especially aging, it was enough that the per capita spending increased. As a result, it was estimated that the cost impact of an aging studied portfolio was 183.4% for the period, of which 84.6% was a result of demographic effect, equivalent to 5.36% and 3.11 % per year, respectively, plus inflation.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/31093
metadata.dc.type: TCC
Appears in Collections:CIÊNCIAS ATUARIAIS - Monografias

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2014_tcc_jgsilvaneto.pdf1 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.