Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/31152
Title in Portuguese: Fatores determinantes no desempenho social corporativo das empresas brasileiras de capital aberto
Author: Lopes, Rossana Débora dos Santos
Advisor(s): Soares, Rômulo Alves
Keywords: BM&F Bovespa
ISE
Issue Date: 2017
Citation: LOPES, Rossana Débora dos Santos. Fatores determinantes no desempenho social corporativo das empresas brasileiras de capital aberto. 36 f. TCC (graduação em Ciências Atuárias ) - Universidade Federal do Ceará, Faculdade de Economia, Administração, Atuária e Contabilidade, Fortaleza-CE, 2017.
Abstract in Portuguese: O número de empresas que investiam em ações sociais no ano de 2012 era de 68% das empresas com investimentos no mercado de ações. Estes modelos de investimentos passaram a ser um dos indicadores buscados pelas corporações para se destacar de seus concorrentes. E como sinalização para o mercado de que a Governança Corporativa é bem implementada pelas empresas, vários índices são utilizados para que isso ocorra. Como exemplo, encontra-se o Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE), instrumento deste trabalho, que é divulgado no mercado financeiro com o objetivo de atrair mais investidores para as empresas que tem esse indicador. Este trabalho teve como objetivo principal identificar os fatores que diferenciam as empresas que aderem ao ISE e as que não o fazem. Para isto foram analisadas 46 empresas das quais metade não fazia parte do ISE da BM&F Bovespa. Utilizando-se de técnicas estatísticas como análise de regressão logística e árvore de decisão verificou-se que a idade da empresa e a emissão de ADR são os fatores que mais contribuem para um corporação aderir ao ISE e que as empresas que estão dentro deste indicador tem um faturamento três vezes maior do que as que não estão.
Abstract: The number of companies that invested in social actions in 2012 was 68% of companies with investments in the stock market. These investment models have become one of the indicators sought by corporations to stand out from their competitors. And as signage for the market of which Corporate Governance is well implemented by companies, several indexes are used for this to occur. As an example, the Corporate Sustainability Index (ISE), an instrument of this work, is disclosed in the financial market with the objective of attracting more investors to the companies that have this indicator. This work had as main objective to identify the factors that differentiate the companies that adhere to the ISE and those that do not. For this, 46 companies of which half were not part of the ISE of BM & F Bovespa were analyzed. Using statistical techniques such as logistic regression analysis and decision tree it was verified that the age of the company and the issuance of ADR are the factors that contribute most to a corporation to join the ISE and that the companies that are within this indicator has a turnover three times higher than those that are not
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/31152
metadata.dc.type: TCC
Appears in Collections:CIÊNCIAS ATUARIAIS - Monografias

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_tcc_rdslopes.pdf777,2 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.