Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/31290
Title in Portuguese: Dialogando com professores: o celular como analisador da relação professor/mídia/aluno
Title: Researching with teachers: the cell phone as a relationship teacher/media/student analyzer
Author: Ribeiro, Diana Montenegro
Advisor(s): Miranda, Luciana Lobo
Keywords: Professor
Pesquisa-intervenção
Mídia
Teacher
Issue Date: 2017
Citation: Ribeiro, D. M.; Miranda, L. L. (2017)
Abstract in Portuguese: No contexto de relevante influência das novas tecnologias, é importante considerar os efeitos que se produzem no ambiente escolar a partir da relação professor/aluno/mídia. Bruno (2013) aponta que as novas TIC não só afetam os limites do que é vivido no público e no privado, como nos remete a uma maneira diferente de se produzir subjetividade. Crianças e adolescentes que já nasceram em uma era tecnológica frequentam escolas que, muitas vezes, parecem estar seguindo padrões disciplinares da época de sua expansão (SIBILIA, 2012b). Na escola, com a proibição ou restrição do uso do celular em sala de aula, principalmente após o surgimento dos smartphones, espera-se que o aluno aumente sua produtividade (concentração, aprendizagem, resultados). Seguindo o pensamento foucaultiano de que a escola é exemplo de uma instituição própria da sociedade disciplinar e levando em consideração tantas mudanças que já ocorreram nos códigos disciplinares e as novas formas de controle que as mídias ajudam a configurar, como a escola está lidando com essa questão contemporânea? A presente pesquisa de mestrado, através de uma pesquisa-intervenção realizada a partir de um curso de extensão, buscou analisar os posicionamentos dos docentes de uma escola da rede pública de ensino da cidade de Fortaleza acerca do binômio mídia-educação, tendo como analisador o celular. A partir de observações feitas em sala de aula, rodas de conversa, oficinas de fanzine e de vídeo, foram problematizadas as relações de poder e vigilância na escola na atualidade, assim como a judicialização dessa instituição via utilização de práticas jurídicas para proibir o uso do celular em sala de aula. Também foi discutida a possibilidade do uso do celular como ferramenta pedagógica. Além disso, através de um vídeo construído pelos docentes participantes da pesquisa, pode-se perceber a abertura de espaço para outras vozes, um espaço polifônico sem consenso, mas conscientemente heterogêneo como deve ser o espaço escolar.
Abstract: In the context of relevant influence of new technologies, it is important to consider the effects of the teacher / student / media relation at school. Bruno (2013) indicates that the new technologies affect not only the limits of what is lived in the public and in the private, as it brings us to a different way of producing subjectivity. Children and adolescents who were already born in a technological age attend schools that are still following disciplinary standards of the time of their expansion (SIBILIA, 2012b). With the prohibition or restriction of cell phone use in the classroom, especially after the emergence of smartphones, teachers expect students to increase their productivity (concentration, learning, results). Following Foucauld's thinking that school is an example of a disciplinary society's and taking into account so many changes that have already occurred in disciplinary codes and the new forms of control that media help shape, how the school is dealing with this issue contemporary? The present master's research, through an intervention research carried out from an extension course, sought to analyze the positions of the teachers of a public school, located in the city of Fortaleza, about the media-education relationship, having as analyzer the cellular. From observations made in the classroom, talk wheels, fanzine and video workshops, we problematize power relations and surveillance in the school today, as well as the judicialization of this institution occurs from the use of legal practices to prohibit the use of the cell phone in the classroom. The possibility of using the cell phone as a pedagogical tool was also discussed. In addition, through a video constructed by the teachers participating in the research, we perceive the opening of space for other voices, a polyphonic space without consensus, but consciously heterogeneous as the school space should be.
Description: RIBEIRO, Diana Montenegro. Dialogando com professores: o celular como analisador da relação professor/mídia/aluno. 2017. 111f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-graduação em Psicologia, Fortaleza (CE), 2017.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/31290
Appears in Collections:PPGP - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_dis_dmribeiro.pdf2,34 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.