Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/31939
Title in Portuguese: Avaliação da qualidade de vida e sua correlação com função sexual, dor e depressão em mulheres com endometriose: estudo caso-controle
Title: Evaluation of quality of life and its correlation with sexual function, pain and depression in women with endometriosis: a case-control study
Author: Marinho, Manuela Cavalcante Portela
Advisor(s): Bezerra, Leonardo Robson Pinheiro Sobreira
Co-advisor(s): Augusto, Kathiane Lustosa
Keywords: Endometriose
Qualidade de Vida
Depressão
Comportamento Sexual
Dor
Issue Date: 15-Jan-2018
Citation: MARINHO, M. C. P. Avaliação da qualidade de vida e sua correlação com função sexual, dor e depressão em mulheres com endometriose: estudo caso-controle. 2018. 64 f. Dissertação (mestrado em Ciências Médico-Cirúrgicas) - Faculdade de Medicina, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2018.
Abstract in Portuguese: Introdução: A endometriose é uma doença crônica que afeta mulheres em idade reprodutiva, cujas apresentações clássicas incluem dor pélvica crônica e infertilidade, condições que podem prejudicar significativamente o bem-estar físico, mental e social; causando estresse psicológico, baixa autoestima e depressão, o que reduz a qualidade de vida dessas pacientes. Objetivo: Avaliar o efeito da endometriose sobre a qualidade de vida, correlacionando com a função sexual e a ocorrência de sintomas álgicos e de depressão em mulheres acometidas pela doença. Métodos: Trata-se de um estudo observacional, exploratório, de base hospitalar, do tipo caso-controle, envolvendo mulheres com e sem endometriose, desenvolvido no ambulatório de dor pélvica crônica (DPC) e endometriose da Maternidade Escola Assis Chateaubriand (MEAC). Foram utilizados como instrumentos de coleta de dados os questionários Short Form Health Survey (SF-36), Female Sexual Function Index (FSFI), inventário de depressão de Beck (IDB) e de dor (Mc Gill), além da ficha de avaliação padronizada do serviço de DPC e endometriose, que inclui a Escala visual analógica (EVA). Resultados: Na avaliação da qualidade de vida geral, utilizando o SF-36, foi encontrado diferenças estatisticamente significativas em todos os 8 domínios do questionário, mostrando uma pior qualidade de vida nas mulheres com endometriose. A piora da qualidade de vida de acordo com a pontuação do SF-36 apresentou uma correlação diretamente proporcional a menores pontuações dos questionários de função sexual, maiores pontuações do questionário de depressão e da escala multidimensional de dor. Conclusão: Mulheres com endometriose apresentam uma maior deterioração na QV quando comparadas às mulheres sem endometriose. O impacto da endometriose na QV está associado a uma maior disfunção sexual, maior grau de depressão e a um maior impacto em alguns componentes relacionados a dor.
Abstract: Introduction: Endometriosis is a chronic disease that affects women of reproductive age, whose classic presentations include chronic pelvic pain and infertility, which can significantly impair physical, mental and social well-being; causing psychological stress, low self-esteem and depression, which reduces the quality of life of these patients. Objective: To evaluate the effect of endometriosis on quality of life, correlating with sexual function and the occurrence of pain and depression symptoms in women affected by the disease. Methods: This is an observational, exploratory, hospital-based, case-control study involving women with and without endometriosis, developed at the Chronic Pelvic Pain (CPP) Clinic and Endometriosis at the Assis Chateaubriand Maternity School (ACMS). The data were collected using the Short Form Health Survey (SF-36), the Female Sexual Function Index (FSFI), the Beck inventory (BI) and pain questionnaire (McGill), as well as the standardized evaluation form of the CPP and endometriosis service, which includes the Visual Analogue Scale (VAS). Results: In the evaluation of the general quality of life using the SF-36, statistically significant differences were found in all 8 domains of the questionnaire, showing a worse quality of life in women with endometriosis. The worsening of the quality of life according to the SF-36 score presented a correlation directly proportional to lower scores of the sexual function questionnaire, higher scores of the depression questionnaire and the multidimensional pain scale. Conclusion: Women with endometriosis present a greater deterioration in QoL when compared to women without endometriosis. The impact of endometriosis on QoL is associated with increased sexual dysfunction, a greater degree of depression and a greater impact on some components related to pain. Key words: Endometriosis. Quality of life. Depression. Sexual function. Pain.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/31939
Appears in Collections:DCIR - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_dis_mcpmarinho.pdf3,74 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.