Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/32755
Title in Portuguese: Análise da dinâmica industrial da Região Nordeste: 1990-2010
Author: Sales, Maria Leiliane de Sousa
Advisor(s): Amaral Filho, Jair do
Keywords: Indústrias
Planejamento regional
Issue Date: 2013
Citation: SALES, Maria Leiliane de Sousa. Análise da dinâmica industrial da Região Nordeste: 1990-2010. 2013. 70 f. TCC (graduação em Ciência Econômicas) - Universidade Federal do Ceará, Faculdade de Economia, Administração, Atuária e Contabilidade, Fortaleza-CE, 2013.
Abstract in Portuguese: Diante das transformações ocorridas na economia brasileira a partir da década de1990 sabe-se que a região Nordeste também foi atingida, principalmente no que se refere a sua estrutura produtiva, ao mercado de trabalho, e a sua dinâmica industrial. Então, fezse uma abordagem sobre o contexto histórico da dinâmica industrial da região Nordeste e tentou-se demonstrar os mecanismos que impulsionaram essa dinâmica durante o período de 1990 a 2010, tendo, como elementos, os incentivos fiscais, as transferências financeiras (constitucionais e previdenciárias) e os projetos/programas federal e estadual implantados em cada estado da região Nordeste, cuja atenção concentrou-se nos estados da Bahia, Ceará e Pernambuco. A fim de verificar a dinâmica industrial da região foi utilizado o número de empregos formais gerados pela Indústria de Transformação, obtidos através da Relação anual de informações sociais-RAIS. Para identificar essa dinâmica, tanto regional como setorial, usou-se o método Diferencial-Estrutural. Além disso, calculou-se o coeficiente de reestruturação para verificar se ocorreram mudanças na estrutura produtiva dos estados. Os resultados mostram que Ceará e Paraíba apresentam-se como os mais dinâmicos no primeiro período de 1990 a 2000, e, no segundo (2000 a 2010), Bahia e Ceará. Dentre os setores mais dinâmicos dos respectivos estados destacou-se a Indústria de calçados e a Indústria têxtil, no primeiro período e Indústria de calçados e Indústria química durante o segundo período. Com o coeficiente de reestruturação constatou-se que os estados nordestinos não apresentaram mudanças significativas nas suas estruturas produtivas durante os dois períodos analisados. Para concluir, constatou-se que os mecanismos mencionados contribuíram para a dinâmica industrial da região, visto pelo número de empregos formais gerados nos estados do nordeste. Já que, os incentivos fiscais tem a capacidade de atrair novos empreendimentos que, por sua vez, geram mais empregos formais e diversifica a pauta produtiva. E, os projetos de iniciativas governamentais procuram atuar nos setores considerados mais estratégicos para cada estado. Vale ressaltar, que os estados da região que mais contribuíram para esse dinamismo (Ceará, Paraíba e Bahia) são os que se apresentaram especializados em setores mais intensivos em mão-de-obra. Portanto, o dinamismo observado na Região Nordeste no período considerado refere-se à geração de empregos formais.
Abstract: Given the changes occurring in the Brazilian economy from the decade From 1990 it is known that the Northeast was also hit, particularly with regard to its production structure to the labor market, and its industrial dynamics. So, it was an approach to the historical context of industrial dynamics in the Northeast and tried to demonstrate the mechanisms that drove this dynamic during the period from 1990 to 2010, having as elements, tax incentives, financial transfers (constitutional and social security) and the projects / programs federal and state implanted in every state in the Northeastern region, whose attention was concentrated in the states of Bahia, Ceará and Pernambuco. In order to verify the dynamic industrial region was used the number of formal jobs generated by the Manufacturing Industry, obtained through the annual ratio of social information-RAIS. To identify this dynamic, both regional and sectoral used the method-Structural Differential. In addition, we calculated the coefficient of restructuring to verify that changes have occurred in the productive structure of the states. The results show that Ceará and Paraíba present themselves as the most dynamic in the first period from 1990 to 2000, and the second (2000-2010), Bahia and Ceará. Among the most dynamic sectors of the respective states they emphasized the footwear industry and the textile industry, in the first period and footwear industry and chemical industry during the second period. With the coefficient of restructuring found that the northeastern states showed no significant change in their productive structures during the two periods. In conclusion, it was found that the mechanisms mentioned contributed to the industrial dynamics of the region, as the number of formal jobs created in the northeastern states. Since the tax incentives have the ability to attract new businesses that, in turn, generate more jobs and diversify the formal agenda productive. And the designs of government initiatives seek to act in the most strategic sectors considered for each state. It is noteworthy that the states in the region that have contributed to this dynamism (Ceará, Paraíba and Bahia) are those who had specialized in the sectors most intensive hand labor. Therefore, the dynamics observed in the Northeast during the period considered refers to the generation of formal.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/32755
metadata.dc.type: TCC
Appears in Collections:CIÊNCIAS ECONÔMICAS - Monografias

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2013_tcc_mlssales.pdf1,38 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.