Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/32773
Title in Portuguese: Validação do instrumento WHODAS 2.0 para dor lombar crônica inespecífica: dados parciais
Title: Validation of the WHODAS 2.0 instrument for nonspecific chronic low back pain: partial data
Author: Menezes, Roberta Mendes de
Nunes, Ana Carla Lima
Moraleida, Fabianna Resende de Jesus
Advisor(s): Moraleida, Fabianna Resende de Jesus
Co-advisor(s): Nunes, Ana Carla Lima
Keywords: Dor Lombar
Estudos de Validação
Classificação Internacional de Funcionalidade, Incapacidade e Saúde
Issue Date: 15-Dec-2017
Citation: Menezes, R. M. ; NUNES, A. C. L. ; MORALEIDA, F. R. J. Validação do instrumento WHODAS 2.0 para dor lombar crônica inespecífica: dados parciais. 2017. Artigo (Graduação em Fisioterapia) - Faculdade de Medicina, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2017.
Abstract in Portuguese: A OMS criou o World Health Disability Assessment Schedule (WHODAS 2.0) voltado para a operacionalização da avaliação dos domínios da CIF. Este instrumento ainda não foi testado em indivíduos com dor lombar crônica (DLC), condição de saúde mais incapacitante mundialmente. Objetivo: Testar a validade de critério, consistência interna e confiabilidade teste-reteste intra-examinador do WHODAS 2.0 versão brasileira para indivíduos com DLC inespecífica. Metodologia: O WHODAS 2.0 versão brasileira, previamente traduzido e adaptado para o português, foi aplicado em uma amostra de indivíduos com DLC atendidos na atenção primária, assim como o Oswestry Disability Index (ODI), Roland Morris Disability Questionnaire, Fear Avoidance Beliefs Questionnaire e a Escala de Avaliação Numérica. Foram testadas as propriedades de medida confiabilidade teste-reteste intra-examinador, validade de critério concorrente, comparando os instrumentos WHODAS 2.0 versão brasileira e ODI e, a consistência interna do WHODAS 2.0. Resultados: A amostra foi composta por 24 participantes com DLC inespecífica. A consistência interna apresentou valores desejados para os domínios de cognição, mobilidade, autocuidado e participação (ρ > 0,8). Quanto aos valores da confiabilidade teste-reteste, todos os domínios apresentaram coeficientes de correlação entre moderado e forte, e em relação a validade de critério apenas um domínio apresentou valor desejado (ρ =0,7 e p < 0,01). Conclusão: Os dados parciais de validação do WHODAS 2.0 apontam para a adequação do instrumento para a amostra estudada, embora os domínios de relação interpessoal e atividades não apresentarem correlação desejada. O estudo final de validação poderá indicar a consistência destas medidas em indivíduos com DLC.
Abstract: The WHO created the World Health Disability Assessment Schedule (WHODAS 2.0) aiming at the operationalization of the evaluation of ICF domains. This instrument has not been tested yet in individuals with chronic low back pain (LBP), most disabling health condition worldwide. Objective: To test the criteria validity, internal consistency and intra-examiner test-retest reliability of the WHODAS 2.0 Brazilian version for individuals with non-specific LBP. Methods: The WHODAS 2.0 Brazilian version, previously translated and adapted to Portuguese, was applied in a sample of individuals with LBP treated in the primary care, as well as the Oswestry Disability Index (ODI), Roland Morris Disability Questionnaire, Fear Avoidance Beliefs Questionnaire and the Numerical Rating Scale. We tested the properties of measure reliability test-retest intra-examiner, concurrent criteria validity, comparing WHODAS instruments 2.0 Brazilian version and ODI and, the internal consistency of the WHODAS 2.0. Results: The sample consisted of 24 participants with non-specific LBP. The internal consistency presented desired values for the domains of cognition, mobility, self-care and participation (ρ > 0.8). Regarding the values of test-retest reliability, all domains had moderate to strong correlation values, and in relation to criteria validity, only one domain had a desired value (ρ = 0.7 and p <0.01). Conclusion: Partial validation data from WHODAS 2.0 point to the adequacy of the instrument for the sample studied, although the domains of interpersonal relationship and activities do not present a desired correlation. The final validation study may indicate the consistency of these measures in individuals with LBP.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/32773
Appears in Collections:FISIOTERAPIA - Artigos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_art_rmmenezes.pdf379,76 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.