Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/33731
Title in Portuguese: Afetividade e implicações psicossociais vividas por moradores de uma comunidade ameaçada de desapropriação em Fortaleza
Title: Affectivity and psychosocial implications lived by people of a community threatened of desapropriation in Fortaleza
Author: Pacheco, Fábio Pinheiro
Advisor(s): Bomfim, Zulmira Áurea Cruz
Keywords: Afetividade
Desapropriação
Psicologia Social
Affectivity
Expropriation
Social Psychology
Issue Date: 2018
Citation: PACHECO, Fábio Pinheiro. Afetividade e implicações psicossociais vividas por moradores de uma comunidade ameaçada de desapropriação. 2018. 231f. Dissertação - Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-graduação em Psicologia, Fortaleza (CE), 2018.
Abstract in Portuguese: A construção do espaço urbano de Fortaleza é marcada por processos de segregação socioespacial, expressando-se também pelos casos de desapropriações/remoções de comunidades pobres localizadas, principalmente, em lugares que atraem a especulação imobiliária. As medidas de desapropriação/remoção tendem, normalmente, a considerar como relevantes as análises dos impactos na vida dos moradores relacionadas aos aspectos jurídicos e estruturais das casas, sem considerar as implicações afetivas e psicossociais das pessoas com o seu lugar de moradia. Tendo isso em vista, o objetivo geral do trabalho consistiu em analisar os afetos e as suas implicações psicossociais envolvidas no processo de remoção/desapropriação de uma comunidade. Para seu alcance, buscou-se I) descrever sobre o processo de segregação socioespacial na cidade de Fortaleza, a partir do caso da Vila Vicentina da Estância; II) compreender a afetividade presente na relação pessoa-comunidade; e III) analisar as implicações psicossociais decorrentes dos conflitos advindos do processo de desapropriação. Com base na Psicologia Social e na Psicologia Comunitária latino-americana de base Histórico-Cultural, e suporte da Psicologia Ambiental de vertente transacionalista, a pesquisa foi orientada pelo compromisso ético e político para com a realidade dos moradores da comunidade estudada, com a perspectiva de construção de conhecimento socialmente relevante. Ancorada na abordagem qualitativa, por meio da pesquisa-ação-participante, o pesquisador se inseriu no cotidiano da comunidade durante o processo de desapropriação/remoção, caracterizando este como um momento contínuo em que os moradores se sentem ameaçados pela efetivação da remoção. Para a construção do corpus, utilizou-se como ferramentas principais I) Diário de Campo; II) Instrumento Gerador de Mapas Afetivos, com entrevista acoplada; e III) Círculo de Cultura. A análise de conteúdo foi utilizada no tratamento e na interpretação das informações. Dentre os resultados, a imagem afetiva de contrastes se destacou no mapeamento afetivo, expressando indicadores de pertencimento e de agradabilidade decorrente de vivência duradoura com a comunidade (plano de fundo emocional) que contrasta com indicadores afetivos de insegurança e de destruição, emergentes não da vivência em si com a comunidade, mas das ameaças externas de remoção (plano de frente emocional). Em consequência dessa configuração emocional, os moradores se organizaram em movimento de resistência, composto, em sua maioria, por mulheres acima de 50 anos, que realizam diversas atividades comunitárias, revelando um processo marcado por uma estima de lugar de implicação ativa e potencializadora.
Abstract: The construction of Fortaleza’s urban space is marked by processes of socio-spatial segregation, also expressed by the cases of expropriations/removals of poor communities located mainly in places that draw estate speculation. Expropriation/removal decrees tend to consider the impacts on the life of the residents as relevant analyzes concerning to the legal and structural aspects of the houses, without considering the affective and psychosocial implications from the people regarding their place of residence. Therefore, this research aim was to analyze the feelings and emotions involved in the expropriation/removal process of communities and their psychosocial implications. In order to reach it, we sought to I) discribe the socio-spatial segregation process in the city of Fortaleza, based on the Vila Vicentina da Estância case; II) understand the affectivity present in the person-community relationship; and III) Analyse the psychosocial implications of that conflict in the daily life of the residents. Based on Social Psychology and Community Psychology from Latin America within a Historical-Cultural base, and support from Environmental Psychology from a transactionalist perspective, the research was guided by the ethical and political commitment to the reality of the studied community residents, with the perspective of construction of socially relevant knowledge. Anchored in the qualitative approach, through participatory action research , the researcher inserted himself into the daily life of the community during the expropriation/removal process, characterizing this as a continuous moment in which the residents feel threatened by the effective removal. For the corpus construction, it was used as main tools I) Diário de Campo; II) Affective Maps Generator Instrument, with coupled interview; and III) Culture Circle. Content analysis was used in the treatment and in the interpretation of the collected information. Among the results, the affective image of contrasts was highlighted in the affective mapping, expressing indicators of belonging and pleasantness resulted from a long lived experience with the community (emotional background) that contrasts with insecurity and destruction affective indicators, emerged not from the experience in itself with the community, but from external threats of removal (emotional front plane). As a consequence of this emotional configuration, the residents organized themselves in a resistance movement, composed mostly of women over 50 years old, who perform several community activities, revealing a process marked by an esteem for the place of active and potentioning implication.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/33731
Appears in Collections:PPGP - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_dis_fpacheco.pdf4,2 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.