Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/35060
Title in Portuguese: Reincidência criminal: uma análise do risco em internos do sistema prisional
Title: Criminal recidivism: an analysis of risk in inmate of prisional system
Author: Sousa, Roger Silva
Advisor(s): Santos, Walberto Silva dos
Keywords: Reincidência
Reincidência penitenciária
Risk-Need-Responsivity
Avaliação
Recidivism
Reincarceration
Risk-Need-Responsivity
Assessment
Issue Date: 2018
Citation: Sousa, R. S.; Santos, W. S. (2018)
Abstract in Portuguese: A prisão como uma instituição busca a reintegração social e a prevenção da reincidência, por meio de políticas sociais que procuram prevenir a exclusão social e a vulnerabilidade vivenciada pelos detentos. A personalidade, o histórico criminal, o suporte social para o crime e as cognições antissociais, entre outras, desempenham papel central na conduta criminal. A reincidência, por sua vez, é compreendida como indicador do sucesso/insucesso da reintegração, porquanto se espera que o egresso do sistema prisional seja reintegrado à sociedade, e não volte a cometer novos crimes. Assim, a presente pesquisa objetiva avaliar o risco de reincidência criminal em internos do sistema penitenciário, especificamente traçar e comparar o perfil dos indivíduos reincidentes e não reincidentes, elaborar um índice de avaliação do risco de reincidência, bem como comparar o risco de reincidência entre homens e mulheres. Para tanto, serão utilizados os dados do Censo Penitenciário do Ceará, que contou com 12.040 participantes de estabelecimentos prisionais. Os dados foram coletados por meio de dois instrumentos, um básico e outro ampliado. O questionário básico objetivou levantar o perfil biossociodemográfico da população penitenciária, enquanto o instrumento ampliado incluiu variáveis psicológicas, sendo esse respondido por uma amostra representativa da população. A partir desses dados foram realizadas análises de estatística descritiva, teste de comparação de médias, além da criação de um índice de avaliação do risco de reincidência. Os resultados delinearam o perfil dos indivíduos que apresentavam histórico de reincidência penitenciária e permitiram a comparação com aqueles que não apresentavam reincidência penitenciária. A avaliação do risco de reincidência proporcionou a classificação dos participantes em função do risco, e posterior comparação entre os níveis. Desse modo, espera-se influenciar uma série de políticas voltadas para a população penitenciária, além de movimentar a comunidade científica, principalmente a brasileira, para a investigação e intervenção no tocante a reincidência criminal.
Abstract: Prison as an institution aims social reintegration and the prevention of recidivism through social politics that search the prevention of social exclusion and the state of vulnerability. The personality, the criminal history, the social support for the crime and antisocial cognitions, among others, are central to the development of criminal conduct. Recidivism is seen as an indicator of success or failure of reintegration, therefore it is expected that the individual who left the prison gets reintegrated to society, not going back to commit another felony. Towards, this research aims to evaluate the risk of recidivism in inmates, specifically attempting to build and compare the recidivists and non-recidivists’sprofile; to elaborate an index of evaluation of the risk of recidivism as well as to compare the risk of recidivism among men and women. To reach these purposes, data of the penitentiary census of Ceará is being used, counting with 12.040 participants in prison institutions. The data was collected by two instruments, a basic one and an extended one. The basic questionnaire aimed to make a survey of the biological, social and demographical profile of the inmates, whilst the extended aimed to trace the psychological and social profile of the incarcerated individual, as it was answered by a representative sample of the population. With this data analyses of descriptive statistics were done, also a test of average comparisons, as well as the development of an index of evaluation of the risk of recidivism. The results outlined the profile of individuals with a history of reentry and allowed comparison with those who did not present reentry. The recidivism risk assessment allowed the classification of the participants according to the risk, and subsequent comparison between the levels. Thus, it is hoped to influence a series of policies focused at the penitentiary population, besides moving the scientific community, mainly the Brazilian scientific community, to the investigation and intervention in the recidivism.
Description: SOUSA, Roger Silva. Reincidência criminal: uma análise do risco em internos do sistema prisional. 2018. 145f. Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-graduação em Psicologia, Fortaleza (CE), 2018.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/35060
Appears in Collections:PPGP - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_dis_rsilvasousa.pdf1,95 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.