Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/35228
Title in Portuguese: Simulações de sustentabilidade e de competitividade da soja no Matopiba
Author: Feitosa, Milena Monteiro
Advisor(s): Lemos, José de Jesus Sousa
Keywords: Expectativas Racionais
Produção de Alimentos
Agricultura Familiar
Agronegócio
Vulnerabilidade
Competitividade
Issue Date: 2018
Citation: FEITOSA, M.M. Simulações de sustentabilidade e de competitividade da soja no Matopiba. 2018.72 f. Dissertação (Mestrado em Economia Rural) - Centro de Ciências Agrárias, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2018.
Abstract in Portuguese: Nas três últimas décadas a soja tem sido um dos grãos mais produzidos e consumidos no mundo. Os Estados Unidos, Brasil e Argentina seguem como grandes produtores mundiais da commodity. No Brasil, especificamente, na região do MATOPIBA, composta pelos estados do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia, se observa um grande avanço na produção deste grão, entrando em áreas ainda não exploradas ou pela aquisição das áreas dos agricultores familiares, provocando impactos sociais e ambientais. Nessa perspectiva, o presente trabalho objetivou simular a capacidade de sustentabilidade econômica da produção de soja naquela região, caso não fosse estabelecido um limite máximo para ocupação dessa lavoura. A pesquisa também avalia a expectativa de capacidade de competição da produção de soja na região do MATOPIBA, vis a vis, a produção observada nos demais estados brasileiros e nos Estados Unidos da América entre os anos de 1990 e 2016. De maneira específica a pesquisa buscou: aferir a sustentabilidade econômica da produção de soja na região do MATOPIBA no período de 1990 a 2016. Os dados utilizados na pesquisa são de natureza secundária e retirados da Produção Agrícola Municipal (PAM), Alice Web e Departamento de Agricultura dos EUA. Para a estimação do índice de sustentabilidade (ISUS) foi usado o método de Análise Fatorial, com a técnica de decomposição em componentes principais. Foi usado também, o método proposto por Box e Jenkins (1976), para formular as expectativas de competição da produção de soja na região do MATOPIBA. E, por fim, a pesquisa estimou curvas de tendência para alcançar o último objetivo sobre o avanço das áreas cultivadas com soja sobre as áreas das lavouras alimentares na região de estudo. Diante dos resultados obtidos na pesquisa, observou-se grande avanço da produção da soja no Cerrado. Com as simulações feitas de estabilização das áreas com soja nos quatro estados do MATOPIBA (Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia), observou-se que haveria um potencial de sustentabilidade através do crescimento do rendimento da cultura. Os resultados mostraram também que a formação de expectativa de competição da soja no MATOPIBA / EUA positiva, o mesmo não acontecendo no Brasil, onde se verificou que a atual capacidade de competição da soja produzida naquela região mostrou evolução negativa de expectativa de competitividade. Por fim a pesquisa confirma que o crescente avanço das áreas de soja no MATOPIBA se dá mediante a substituição das lavouras antes pertencentes aos agricultores familiares.
Abstract: In the last three decades soya has been one of the most produced and consumed grain in the world. The United States, Brazil and Argentina follow as major world producers of the commodity. In Brazil, specifically in the region of MATOPIBA, composed of the states of Maranhão, Tocantins, Piauí and Bahia, we see a major breakthrough in the production of grain, entering areas not yet explored or the acquisition of the areas of family farmers, causing social and environmental impacts. In this perspective, the present study aimed to simulate economic sustainability capacity of soybean production in that region, if it were not established a ceiling for occupation of this crop. The survey also evaluates the expected soybean production competition capacity in MATOPIBA region comparing the production observed in other Brazilian states and in the United States between the years 1990 and 2016. Specifically the survey sought: assess the economic sustainability of soybean production in MATOPIBA region from 1990 to 2016. The data used in this research are secondary in nature and removed from the Municipal Agricultural Production (PAM), Alice web and the US Department of Agriculture. For estimation of the sustainability index (ISUS) was used factorial analysis method with the technique of principal component decomposition. It was also used, the method proposed by Box and Jenkins (1976) to make soy production expectations in competition of MATOPIBA region. And finally, the survey estimated trend curves to achieve the ultimate goal of progress in the areas cultivated with soybeans on the areas of food crops in the study area. Considering the results obtained in the study, there was breakthrough of the soybean production in MATOPIBA. With simulations of stabilizing areas with soy MATOPIBA the four states (Maranhão, Tocantins, Piauí and Bahia), it was observed that there was a potential sustainability through the growth of crop yield. The results also showed that the formation of soy competition expected in MATOPIBA / US is positive, this is not happening in Brazil, where it was found that the current soybean competitive capacity produced in that region showed a negative evolution of expectations of competitiveness.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/35228
Appears in Collections:DEA - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_dis_mmfeitosa.pdf2 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.