Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/35471
Title in Portuguese: Influência da velocidade de deformação associada à temperatura em aço 1020
Author: Soares Jr, Tomaz Costa
Advisor(s): Abreu, Hamilton Ferreira Gomes de
Keywords: Ensaio de Tração
Temperaturas Elevadas
Velocidade de Deformação
Issue Date: 2016
Citation: SOARES JR, T. C. (2016)
Abstract in Portuguese: Ensaios de tração em aços na temperatura ambiente são pouco influenciados pela velocidade em que são realizados. Com o aumento da temperatura do ensaio a influência da velocidade de deformação é significativa. Ensaios em temperaturas elevadas são importantes para o estudo da deformação a quente dos materiais, normalmente nessas condições, a resistência diminui e a ductilidade aumenta, a deformação plástica é facilitada, reduzindo assim os esforços nas máquinas e nas peças a serem fabricadas por trabalho a quente. E a velocidade de deformação também afeta esse comportamento. Este trabalho visa estudar a influência da velocidade de deformação associada à temperatura em aço AISI 1020. A base desse estudo será o ensaio de tração, realizado em corpos de prova de seção circular, submetidos a cinco diferentes temperaturas, aplicando três diferentes velocidades de deformação. Neste estudo, serão levantadas as curvas tensão-deformação de engenharia, e obtidos valores de Limite de Escoamento, Resistência a Tração e Alongamento. Nos 15 ensaios realizados, observaram-se valores dessas propriedades, que chegaram a variar de 60 a 650 MPa, de Resistência, e de 36 a 600 MPa, de Escoamento, resultando numa redução drástica da tensão aplicada necessária para a deformação do metal. A propriedade mecânica de Ductilidade também sofreu uma variação, de 3 a 20 % de Alongamento. As curvas medidas serão comparadas com curvas tensão-deformação verdadeiras, calculadas usando a equação de Ludwik-Hollomon. Com estes dados, serão calculados o Expoente de Encruamento (n), o Coeficiente de Resistência (K), e o Coeficiente de Sensibilidade da Taxa de Deformação (m).
Abstract: Tension test on steels at room temperature are litte influenced by the speed at which are performed. With increase test temperature the influence of the strain rate is significant. Tests at elevated temperatures are important for the study of hot deformation of materials, normally under these conditions, the resistance decreases and the ductility increases, the plastic deformation is facilitated, thus reducing the stresses on the machines and parts to be fabricated by hot work. And the deformation speed also affects this behavior. This work aims to study the influence of strain rate associated with temperature in AISI 1020 steel. The basis of this study will be the tensile test, performed on test specimens of circular section, subjected to five different temperatures, applying three different strain rates. In this study, the strainstrain curves of engineering will be built, and obtained values of Yield Strength, Tensile Strength and Elongation. In the 15 tests performed, values of these properties were observed, which ranged from 60 to 650 MPa, of Resistance, and from 36 to 600 MPa, of Flow, resulting in a drastic reduction of the applied tension required for the deformation of the metal. The mechanical property of Ductility also experienced a variation, from 3 to 20% of Elongation. The measured curves will be compared with true strain-strain curves, calculated using the Ludwik-Hollomon equation. With these data, will be calculated the strain-hardening exponent (n), the coefficient of resistance (K) and the strain-rate sensitivity (m).
Description: SOARES JR, Tomaz Costa. Influência da velocidade de deformação associada à temperatura em aço 1020. 2016. 56 f. Monografia (Graduação em Engenharia Metalúrgica)-Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2016.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/35471
metadata.dc.type: TCC
Appears in Collections:ENGENHARIA METALÚRGICA - Monografias

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2016_tcc_tcsoaresjr.pdf1,9 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.