Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/3748
Título: Horta escolar como espaço didático para a educação em ciências
Título em inglês: Vegetable garden in school as a teaching space for science education
Autor(es): Brandão, Gustavo Krysnamurthy Linhares
Orientador(es): Leite, Raquel Crosara Maia
Palavras-chave: Horticultura
Escola pública
Aprendizagem
Data do documento: 2012
Citação: BRANDÃO, G. K. L. (2012)
Resumo: O presente trabalho se propõe a analisar a horta escolar como espaço de aprendizagem na escola pública, com base na interdisciplinaridade, na contextualização, no diálogo, na motivação e na problematização. O objeto de investigação desta pesquisa está organicamente vinculado às atuais configurações sociais e culturais do Brasil contemporâneo marcado por transformações decorrentes da busca de uma educação pública melhor. Aponta como ponto chave de análise do fenômeno investigativo, o contexto histórico de efervescência de políticas que superem a educação bancária criticada por Paulo freire, marcado fortemente por uma confluência entre o projeto participativo e o projeto de ajuste estrutural. Tem o propósito de compartilhar com as instituições escolares, algumas reflexões e conclusões sobre os mecanismos de implantação da horta escolar, enquanto espaço de aprendizagem, nas escolas públicas, bem como identificar os avanços, limites e possibilidades dessa caminhada que contaram com a efetiva participação de representantes dos segmentos envolvidos pais, alunos, professores, funcionários e núcleo gestor da escola, proporcionando o desenvolvimento de uma pedagogia de participação com práticas inovadoras nas relações intra-escola e, desta com a comunidade. O procedimento metodológico compreendeu estudos bibliográficos, documentais e pesquisa de campo de natureza qualitativa no sentido do conhecimento da experiência social dos diversos sujeitos inseridos na implementação da horta escolar na escola pública. O resultado da investigação empírica realizada em duas hortas escolares de escolas públicas no município de Fortaleza revela que a aprendizagem mediada pela interdisciplinaridade, pela motivação, pela contextualização, pela problematização e pelo diálogo se faz com participação de todos e muita dedicação. As hortas escolares por sua vez, são espaços híbridos e dinâmicos, promovendo uma aprendizagem significativa e capaz de superar a lógica da educação bancária, formando cidadão críticos e reflexivos, dentro de um contexto freiriano. A partir das experiências vividas no espaço didático da horta escolar, organizamos um blog, o produto educativo de nossa pesquisa, disponibilizando relatos vividos por professores, alunos, coordenadores, monitores e diretor da escola Y. Tal ferramenta auxiliará na condução e implantação de hortas escolares em outras instituições de ensino.
Abstract: This work has as focus to analizes vegetables gardens in school like some tool to learn in the public school, having as bases interdisciplinarity, in context, in dialog, in motivation and in the problematization. The subject of investigation of this search is organically linked to the social and cultural actual configurations in contemporany Brazil marked by transformations come from the seek of a better public education. It shows as key point of analisys from investigative fenomenum, the historic context of efervecency of politics that overcomes the bank education critisized by Paulo Freire, strongly marked by a confluency between the participative project and the project of estructural adjust. It has the propose of share with institutions school, some reflexions and conclusions about mechanisms of implementation of the school vegetables gardens while place to learn, in public schools, as well as identify the overcomes, limities, possibilities from this purpose that was helped by the efective participation of representants from envolved people. Segments, parents, students, teachers, employees and núcleus manager from school, promoting the development of a participation pedagogy using innovative practical in relations intra-school and, from this with community. The methodologic procedure compreenhended bibliographic studies, documments and searches of fields in qualitative nature in the meaning of knowledge of social experience from several subjecties into the garden vegetables implementation in public school. The result of empiric investigation realized in two garden vegetables schools in public schools in Fortaleza city shows that the learning leaded by the interdisciplinarity, by motivation, by contextualization, by problematization and by dialog can be made with the participation of everybody and dedication. The school vegetables gardens by their turn, are hibrid dynamic places, promoting the significative knowledge and capable of overcome the logic of bank education , forming critics citizen and reflexives, into a freiriano context. From experiences lived in didatic space of the vegetable garden, we organized a blog, the learning product o four research, we show lived situations by teachers, students, coordenators, monitors and by manager of Y school . This tool will improve us to lead the process of implementation of vegetable gardens in another learning institutions.
Descrição: BRANDÃO, Gustavo Krysnamurthy Linhares. Horta escolar como espaço didático para a educação em ciências. 2012. 112 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Ensino de Ciências e Matemática) – Centro de Ciências, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2012.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/3748
Aparece nas coleções:ENCIMA - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2012_dis_gklbrandao.pdf1,64 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.