Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/39585
Title in Portuguese: Relação do equilíbrio, cinesiofobia e medo de cair com a mobilidade em idosos da comunidade: um estudo transversal
Title: Balance, kinesiophobia and fear of falling in relation to mobility in the community elderly: a cross-sectional study
Author: Matoso, Amanda Ellen Rodrigues
Moreira, Mayle Andrade
Advisor(s): Moreira, Mayle Andrade
Keywords: Saúde do Idoso
Idoso
Equilíbrio Postural
Medo
Limitação da Mobilidade
Issue Date: 6-Dec-2018
Citation: MATOSO, A. E. R.; MOREIRA, M. A. Relação do equilíbrio, cinesiofobia e medo de cair com a mobilidade em idosos da comunidade: um estudo transversal. 2018. Artigo. (Graduação em Fisioterapia) - Faculdade de Medicina, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2018.
Abstract in Portuguese: Objetivo: Descrever os aspectos socioeconômicos, assim como avaliar as relações entre equilíbrio, cinesiofobia e medo de cair com a mobilidade em idosos da comunidade. Métodos: Idosos acima de 60 anos foram avaliados. Os participantes foram questionados quanto a dados socioeconômicos e demográficos, sobre exercício físico regular e quantidade de quedas no último ano (questionário estruturado) e avaliada a mobilidade (Timed Up and Go test), o equilíbrio (escala de equilíbrio funcional de BERG), o medo de cair (Falls Efficacy Scale) e a cinesiofobia (Tampa Scale for Kinesiophobia). O teste de correlação de Spearman foi utilizado para as análises das relações de equilíbrio, medo de cair e cinesiofobia com a mobilidade, com o nível de significância de 5%. Resultados: Foram avaliados 39 idosos e foi observada uma correlação negativa moderada (r = -0,51; p = 0,001) entre o equilíbrio e a mobilidade. Entretanto, não houve significância estatística entre cinesiofobia e medo de cair quanto à mobilidade (p > 0,05). Conclusão: Existe relação entre o equilíbrio e a mobilidade, entretanto não foi possível observar a relação do medo de cair e cinesiofobia com mobilidade. O presente estudo permite traçar um perfil das condições de saúde de idosos, bem como observar a relação de cada fator com a mobilidade, possibilitando a melhoria das ações de promoção, prevenção e reabilitação nessa população. Sugere-se a realização de estudo com amostra ampliada para análises mais complexas.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/39585
metadata.dc.type: Artigo de Periódico
Appears in Collections:FISIOTERAPIA - Artigos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_art_aermatoso.pdf187,1 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.