Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/39602
Title in Portuguese: Da formulação dos conceitos aos reforços dos preconceitos
Title: From the formulation of concepts to the strengths of preconceptions
Author: Gonçalves, Sebastião Rodrigues
Keywords: Modo de produção
Política econômica
Relações sociais
Produção cultural
Issue Date: 2018
Publisher: Revista Dialectus
Citation: GONÇALVES, Sebastião Rodrigues. Da formulação dos conceitos aos reforços dos preconceitos. Revista Dialectus, Fortaleza (CE), ano 5, n. 13, p. 78-99, ago./dez. 2018.
Abstract in Portuguese: Este artigo visa analisar, entre tantos outros conceitos, os de superioridade e inferioridade relativos aos processos de legitimação da subordinação entre os nativos e os europeus, desde um processo histórico latino-americano. Para tanto, o ensaio aqui examina o caráter ideológico, portanto, liberal burguês de expropriação do capital e sua lógica perversa, que, em certos momentos, também assume o valor de crença religiosa. É tendo em vista esse quadro que a ideologia da superioridade encontrou, por exemplo, no aparato bélico, estratégias militares dos colonizadores espanhóis, portugueses, ingleses e franceses, reforçando, na consciência dos povos nativos e africanos, esse conceito hegemônico, expressão, portanto, de uma “verdade” universal. A formulação desse conceito é perceptível ainda nos dias atuais (2018) na política, na educação, nas escolas, na universidade e nas relações de trabalho. Esse ponto de vista se apresenta como uma concepção de mundo e permanece petrificada na consciência, inclusive na das vítimas dessa concepção. A superação dessa concepção poderá começar quando este sistema econômico for superado, numa relação dialética entre a produção da existência humana, bem como na relação com as novas políticas econômicas e com a formulação de novas relações socioculturais que superem a concepção imperativa da subserviência.
Abstract: This article aims to analyze, among many other concepts, those of superiority and inferiority related to the processes of legitimation of the subordination between natives and Europeans, from a Latin American historical process. To this end, the essay here examines the ideological, therefore, bourgeois-liberal character of expropriation of capital and its perverse logic which, at times, also assumes the value of religious belief. It is in view of this picture that the ideology of superiority found, for example, in the war apparatus military strategies of the Spanish, Portuguese, English and French colonizers reinforcing in the consciousness of native and African peoples as a hegemonic concept the expression of a universal “truth”. The formulation of this concept is still noticeable today (2018) in politics, education, schools, university and labor relations. This point of view presents itself as a conception of the world and remains petrified in consciousness, including the victims of that conception. The overcoming of this conception may begin when this economic system is overcome, in a dialectical relationship between the production of human existence, as well as in relation to the new economic policies and the formulation of new socio-cultural relations that surpasses the imperative conception of subservience.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/39602
ISSN: 2317-2010
Appears in Collections:PPGFILO - Artigos publicados em revistas científicas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_art_srgonçalves.pdf305,05 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.