Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/40382
Title in Portuguese: Perfil epidemiológico dos traumas maxilofaciais em pacientes atendidos num hospital de ensino na região norte do estado do ceará
Title: Epidemiological profile of maxillofacial traumas in patients attended at a teaching hospital in the northern region of the state of Ceará
Author: Alves, Rodrigo Lemos
Advisor(s): Barbosa, Francisco César Barroso
Keywords: Epidemiologia
infecção hospitalar
Issue Date: 27-Feb-2019
Citation: ALVES, R.L.Perfil epidemiológico dos traumas maxilofaciais em pacientes atendidos num hospital de ensino na região norte do estado do ceará. 2019. 59 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde, Universidade Federal do Ceará, Sobral, 2019.
Abstract in Portuguese: O trauma tem se tornado um problema de saúde pública mundial. Os traumas faciais apresentaram uma incidência crescente, principalmente devido ao aumento dos acidentes automobilísticos e da violência urbana. São muito comuns em serviços de emergência em todo o mundo e assumem um papel de destaque nos atendimentos a pacientes politraumatizados. Este trabalho teve como objetivo avaliar o perfil epidemiológico dos pacientes com trauma maxilofacial atendidos pela Equipe de Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial da Santa Casa de Misericórdia de Sobral/ CE no período entre Janeiro de 2003 e Dezembro de 2017. O estudo avaliou 1.087 prontuários de pacientes que foram submetidos a tratamento cirúrgico das fraturas maxilofaciais no hospital que é referência em saúde de alta complexidade na região Norte do Estado do Ceará. Dos prontuários avaliados, houve uma prevalência estatisticamente significante de pacientes do gênero masculino e na faixa etária de 20 a 39 anos de idade (p<0,05). O acidente motociclístico foi o agente etiológico mais prevalente , estando significativamente associado a vítimas com até 39 anos de idade (p<0,05). A fratura do tipo simples foi predominante e o osso mais acometido foi a mandíbula, seguido do osso zigomático. Pacientes com fraturas múltiplas permaneceram mais tempo hospitalizados e apresentaram maior frequência de infecção nosocomial (p<0,05). A taxa de infecção hospitalar encontrada neste estudo foi de 4,2% e os principais microrganismos responsáveis foram Staphylococcus sp. Desta forma, conclui-se que homens adultos jovens foram os mais acometidos, sendo a fratura de mandíbula a mais prevalente e, dentre os fatores etiológicos, o acidente motociclístico. Portanto, esses dados reforçam a importância do serviço de Cirurgia Bucomaxilofacial como parte da equipe dos hospitais de emergência e podem servir para os órgãos públicos conscientizarem a população sobre a casuística, principalmente através de campanhas preventivas.
Abstract: Trauma has become a global public health problem. Facial traumas showed an increasing incidence, mainly due to the increase of auto accidents and urban violence. They are very common in emergency services around the world and play a prominent role in the care of polytrauma patients. The objective of this study was to evaluate the epidemiological profile of patients with maxillofacial trauma treated by the Team of Oral and Maxillofacial Surgery and Traumatology of Santa Casa de Misericórdia de Sobral / CE between January 2003 and December 2017. The study evaluated 1,087 medical records of patients were submitted to surgical treatment of maxillofacial fractures in the hospital that is a reference in high complexity health in the northern region of the State of Ceará. From the medical charts evaluated, there was a statistically significant prevalence of male patients and the age group 20 to 39 years old (p <0.05). Motorcycle accident was the most prevalent etiological agent, being significantly associated with victims up to 39 years of age (p <0.05). The simple type fracture was predominant and the most affected bone was the mandible, followed by the zygomatic bone. Patients with multiple fractures remained longer hospitalized and had a higher frequency of nosocomial infection (p <0.05). The hospital infection rate found in this study was 4.2% and the main responsible microorganisms were Staphylococcus sp. Thus, it is concluded that young adult men were the most affected, with mandible fracture being the most prevalent and, among etiological factors, the motorcycle accident. Therefore, these data reinforce the importance of the service of Bucomaxillofacial Surgery as part of the team of emergency hospitals and can serve for public agencies to make the population aware of the casuistry, mainly through preventive campaigns
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/40382
Appears in Collections:PPGCS - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_dis_rlalves.pdfALVES, R.L.Perfil epidemiológico dos traumas maxilofaciais em pacientes atendidos num hospital de ensino na região norte do estado do ceará. 2019. 59 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Campus de Sobral, Universidade Federal do Ceará, Sobral, 20194,01 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.