Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/40407
Title in Portuguese: Estimativas de repetibilidade e predições de ganhos genéticos em clones de cajueiro-anão.
Title: Estimates of repeatability and genetic predictions in dwarf cashew clones.
Author: Machado, Ingrid Pinheiro
Advisor(s): Silva, Júlio César do Vale
Co-advisor(s): Vidal Neto, Francisco das Chagas
Keywords: Anacardium occidentale L
Medidas repetidas
Valor de melhoramento
Seleção de clones
REML/BLUP
Issue Date: 2019
Citation: MACHADO, Ingrid Pinheiro. Estimativas de repetibilidade e predições de ganhos genéticos em clones de cajueiro-anão. 2019. 59 f. Dissertação (Mestrado em Agronomia/Fitotecnia) – Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2018.
Abstract in Portuguese: Os clones de cajueiro (Anacardium occidentale L.) do tipo anão têm possibilitado grande impulso à cajucultura no Nordeste do Brasil, devido à maior produtividade, precocidade e uniformidade, tanto da castanha quanto do pedúnculo, além de apresentarem menor porte em relação ao tipo comum, facilitando a colheita manual e a retenção de frutos. Tendo em vista a importância do cajueiro, o principal desafio do melhoramento genético corresponde à geração de clones que propiciem a maximização da produção de amêndoas, bem como o aproveitamento do pedúnculo, de forma a atender às necessidades da indústria e dos consumidores. Pelo fato do cajueiro ser uma planta perene, uma das principais limitações para a disponibilização de novas cultivares é o tempo gasto para o seu desenvolvimento. Assim, o coeficiente de repetibilidade é um parâmetro imprescindível ao melhorista, pois permite determinar quantas observações fenotípicas devem ser feitas para que a seleção de genótipos seja feita de forma acurada, otimizando tempo e recursos. Como as espécies perenes exigem avaliações mais duradouras e a perda de informações é comum, tem-se buscado metodologias mais eficientes de seleção, como o procedimento REML/BLUP, a fim de aumentar a acurácia seletiva e obter maiores ganhos genéticos. Assim, objetivou-se nesse trabalho i) verificar a existência de variabilidade genética em uma população de cajueiro-anão para alguns caracteres agronômicos; ii) inferir sobre o tipo de interação entre clones de cajueiro-anão e safras; iii) estimar os coeficientes de repetibilidade e os ganhos com a seleção para os caracteres mais relevantes do cajueiro-anão e iv) identificar clones com potencial genético para dar continuidade no processo de obtenção de novas cultivares. O experimento foi conduzido no Campo Experimental de Pacajus, pertencente à Embrapa Agroindústria Tropical. O delineamento utilizado foi o de blocos ao acaso, com 35 tratamentos (33 clones de cajueiro-anão + 2 testemunhas comerciais), oito repetições e uma planta por parcela. Adotou-se o espaçamento de 8 metros entre linhas e 6 metros entre plantas. Os caracteres analisados foram altura de planta (AP), diâmetro da copa (DC), produtividade de castanha (PROD), peso médio de castanha (PMC), porcentagem de castanha furadas (%CF) e ocorrência de doenças, como reação a antracnose (ANT), ao mofo preto (MP), presença de oídio na inflorescência (OI) e presença de oídio na castanha (OC). Utilizou-se o REML/BLUP para predição dos valores genéticos e estimação dos parâmetros genéticos. Os clones apresentaram variabilidade genética para a maioria dos caracteres avaliados; detectou-se ausência de interação entre clones e safras; observou-se que são suficientes duas medições, para produtividade de castanha, e três medições para peso médio de castanha, altura de planta e diâmetro de caule; e os clones 12, 13, 16, 19, 25, 26 e 31 devem ser indicados para darem continuidade ao processo de obtenção de cultivares.
Abstract: The cashew clones (Anacardium occidentale L.) of the dwarf type have allowed a great boost to cashews in Northeast Brazil, due to the higher productivity, precocity and uniformity of both the chestnut and peduncle, besides being smaller in relation to the common type, facilitating manual harvesting and fruit retention. Considering the importance of cashew, the main challenge of genetic improvement corresponds to the generation of clones that maximize the production of almonds, as well as the use of the peduncle, to meet the needs of industry and consumers. Because cashew is a perennial plant, one of the main limitations for the availability of new cultivars is the time it takes to develop them. Thus, the repeatability coefficient is an essential parameter for the breeder, since it allows determining how many phenotypic observations must be made in order to select genotypes accurately, optimizing time and resources. Since perennial species require more long-term evaluations and information loss is common, more efficient selection methodologies, such as the REML / BLUP procedure, have been sought in order to increase selective accuracy and obtain greater genetic gains. Thus, the objective of this work was to verify the existence of genetic variability in a dwarf cashew population for some agronomic characters; ii) to infer about the type of interaction between clones of dwarf cashew and vines; iii) to estimate the repeatability coefficients and the selection gains for the most relevant characters of the dwarf cashew; and iv) to identify clones with genetic potential to continue the process of obtaining new cultivars. The experiment was conducted at the Experimental Field of Pacajus, belonging to Embrapa Agroindústria Tropical. The experimental design was a randomized block design with 35 treatments (33 dwarf cashew clones + 2 commercial controls), eight replications and one plant per plot. The spacing of 8 meters between rows and 6 meters between plants was adopted. The analyzed traits were plant height (AP), crown diameter (DC), chestnut productivity (PROD), mean brown weight (PMC), nut percentage (% CF) and disease occurrence, as an anthracnose reaction (ANT), black mold (MP), presence of powdery mildew on inflorescence (OI) and presence of powdery mildew on chestnut (OC). The REML / BLUP was used to predict the genetic values and to estimate the genetic parameters. The clones presented genetic variability for most of the evaluated characters; there was no interaction between clones and crops; it was observed that two measurements are sufficient for chestnut yield and three measurements for average weight of chestnut, plant height and stem diameter; and clones 12, 13, 16, 19, 25, 26 and 31 should be indicated to give continuity to the cultivar cultivation process.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/40407
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:PPGFIT - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_dis_ipmachado.pdf971,55 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.