Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/41135
Title in Portuguese: Análise das questões de Física propostas nos livros didáticos que participaram do PNLD em conflito com o que é cobrado no ENEM
Author: Lopes, Leiliane Alves
Advisor(s): Reis, Saulo Davi Soares e
Keywords: Física
Ensino
Aprendizagem
Livros didáticos
Issue Date: 2018
Citation: LOPES, L. A. Análise das questões de Física propostas nos livros didáticos que participaram do PNLD em conflito com o que é cobrado no ENEM. 2018. 37 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Física) - Centro de Ciências, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2018.
Abstract in Portuguese: A discrepância entre as questões propostas nos livros didáticos que participaram do Programa Nacional do Livro Didático de 2015 e as situações-problema que fazem parte da prova do Exame Nacional do Ensino Médio – ENEM revelam algumas deficiências no ensino público brasileiro. Este trabalho tem como objetivo analisar a relação causa-consequência entre os resultados ruins alcançados por estudantes do Ensino Médio público regular na edição de 2017 do ENEM e o condicionamento gerado pelos exercícios sugeridos nos livros didáticos adotados por eles, considerando o que teóricos da educação como David P. Ausubel e Daniel Gil definem por Aprendizagem por Memorização e o que consta nos critérios de avaliação do PNLD. Os resultados disponibilizados pelo Inep para o ENEM 2017 mostraram que cerca de 90% da amostra considerada não foi capaz de responder corretamente os itens que pediam uma interpretação física prévia do problema apresentado. No entanto, os itens que pediam apenas a leitura dos gráficos ou a substituição de fórmulas, chegavam a 52% de acertos entre os mesmos estudantes. Sendo os livros de física adotados nesse período (2015-2017) permeados por exercícios que priorizam a aplicação de fórmulas, é possível concluir que tais livros exercem de fato influência no aprendizado significativo de física no Brasil.
Abstract: The discrepancy between the questions proposed in schoolbooks enlisted in the 2015 National Schoolbook Program and the problem situations that compose the National High School Exam - ENEM reveal some deficiencies in Brazil’s public education. The aim of this work is to analyze the cause-effect relationship between the bad results performed by regular public high school students on the exame assessment and the conditioning brought about by exercises found in school books used by them, taking into consideration what education theorists like David P. Ausubel and Daniel Gil define as Memory Learning and what is stated in the PNLD evaluation criteria. The 2017 ENEM results – made available by Inep – showed around 90% of the sample considered was not able to answer correctly items that required a previous physical interpretation of a given problem. Those items that required only reading a graph or substitution into formulae, however, were scored correctly by up to 52% of the same students. Since physics textbooks adopted in this time span (2015-2017) are full of exercises that prioritize formula application, it is possible to conclude that such books do exert an influence in the meaningful learning of physics in Brazil.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/41135
metadata.dc.type: TCC
Appears in Collections:FÍSICA - LICENCIATURA - Monografias

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2018_tcc_lalopes.pdf1,13 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.