Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/4123
Título: Impacto de uma tecnologia de informação e comunicação na prevenção e tratamento de úlceras por pressão em pacientes críticos
Título em inglês: Impact of information technology and communication in the prevention and treatment of pressure ulcers in critical patients
Autor(es): Araújo, Thiago Moura de
Orientador(es): Caetano , Joselany Afio
Palavras-chave: Úlcera por Pressão
Avaliação em Saúde
Capacitação em Serviço
Data do documento: 2012
Citação: ARAÚJO, T. M. (2012)
Resumo: A avaliação do impacto de intervenções educativas surge para identificar a efetividade de programas, softwares, curso e treinamentos que envolvam profissionais e sujeitos com necessidades de capacitação. O curso Úlcera por Pressão Online, utilizado nesta tese, trata-se de uma tecnologia de informação e comunicação desenvolvida para capacitar profissionais de enfermagem sobre a prevenção e tratamento de úlcera por pressão (UP) em pacientes nas diversas esferas de cuidado. A UP, além de ser um problema de saúde pública mundial, provoca a realização de estudos que buscam formas de minimizar esse problema, além de ser um indicador de qualidade da assistência de enfermagem adotado em instituições de saúde. Foi objetivo desta tese avaliar o impacto de uma intervenção educativa a partir de uma tecnologia de informação e comunicação sobre prevenção e tratamento de UP em uma unidade de terapia intensiva de um hospital universitário de Fortaleza/CE. Trata-se de um estudo quase experimental, com abordagem antes e depois, realizado no período de setembro de 2011 a junho de 2012. Participaram da pesquisa 94 pacientes (47 antes e 47 depois) e nove enfermeiras do setor. O estudo foi dividido em três fases: pré-intervenção, intervenção e pós-intervenção. Foram utilizados para coleta de dados formulários com variáveis clínicas e sociais dos pacientes; dados referentes à assistência de enfermagem na prevenção e tratamento de UP; a escala de avaliação de risco de Braden; questionário com variáveis sociais das enfermeiras; e o questionário de avaliação de conhecimento sobre UP de Pieper e Mott (1995). Os dados foram organizados no Programa Excel e analisado no Programa estatístico SAS, com a utilização dos Testes t de Student, Exato de Fisher, Qui-quadrado corrigido de Yates, T de Wilcoxon e U de Wilcoxon-Mann-Whitney para análise estatística. A pesquisa obteve a aprovação do Comitê de Ética em Pesquisa da instituição com protocolo nº 098.09.11. Os resultados apontaram similaridade entre os grupos pré e pós-intervenção em relação às características sociais e fatores clínicos avaliados (p˂0,05), exceto no item readmissão que só esteve presente na primeira fase. A avaliação de risco, a descrição da pele e a descrição de medidas preventivas apresentaram melhor porcentagem no grupo pós-intervenção, mas sem diferença estatisticamente significante (p=0,839; p=0,865; p=0,723, respectivamente). A maioria dos pacientes do grupo pré-intervenção (53,19%) apresentou UP; essa superioridade também ocorreu em relação à presença de UP na admissão na UTI, com diferença significante em relação ao grupo pós-intervenção (p=0,046). A prevalência de UP na UTI diminuiu de 36,23% para 27,36%; e a incidência de 31,91% para 19,14% depois da intervenção educativa. A maioria dos pacientes do grupo pré-intervenção apresentou risco elevado de desenvolver UP (57,44%) e o grupo pós-intervenção, risco moderado (51,06%). Entre as nove enfermeiras, a maioria já tinha realizado curso sobre UP (55,56%) e curso na modalidade EAD (55,56%). O número de acertos de questões sobre prevenção foi superior no grupo pós-intervenção com 81,93%, sendo também esse grupo o que apresentou maior porcentagem de acertos nas questões relacionadas ao estadiamento da UP (93,20%). A diferença no número de acertos e de pontos entre os grupos apresentou diferença significante (p˂0,05). Concluiu-se que a intervenção educativa gerou impacto na diminuição da prevalência e incidência de lesões na UTI e na aquisição de conhecimento das enfermeiras, principalmente, relacionado ao estadiamento das lesões.
Abstract: Educational interventions impact assessment appears to identify the effectiveness of programs, software, courses and trainings that involve professionals and individuals who present capacity needs. The Pressure Ulcer Online Course used in this thesis is an information and communication technology (ICT) developed to qualify nursing professionals to prevent and treat Pressure Ulcer (PU) in patients in all care situations. The PU, besides being a worldwide health problem, assembles studies that search ways of minimizing this problem, and it is a quality nursing assistance indicator adopted by health institutions. The objective of this thesis was to evaluate the impact of an educational intervention using an information and communication technology on prevention and treatment of pressure ulcer at an Intensive Care Unit of a Teaching Hospital in Fortaleza/CE. This is a quasi-experimental study with a before and after approach carried out from September 2011 to June 2012. 94 patients (47 patients before and 47 patients after) and 09 nurses from the ICU have participated in the research. The study has been divided into three phases: pre-intervention, intervention, and post-intervention. In order to collect data, we used questionnaires for patients’ social and clinic variables; data regarding nursing assistance for PU prevention and treatment; Braden scale for assessing pressure ulcer risk; questionnaire for nurses’ social variables; and the Pieper’s and Mott’s (1995) questionnaires to evaluate the nurses’ knowledge of PU. Data was organized using Microsoft Excel and analyzed using the Statistic Software SAS. Statistical analyses were carried out using the Student’s t-test, Fisher’s Exact test, and Yates’ corrected Chi-square test, Wilcoxon T test, and Wicoxon-Mann-Whitney U test. The ethical committee of the institution has approved this research under protocol number 098.09.11. Results have pointed out similarity between the pre and post-intervention groups regarding social characteristics and clinical factors (p˂0.05) that have been analyzed, excepting the readmission item, which was present only in the first phase. Risk assessment, skin description and prevention measures description have shown better percentage in the post-intervention group, but there was no statistically significant difference (p=0.839; p=0.865; p=0.723, respectively). Most patients from the pre-intervention group (53.19%) have presented PU; this superiority has also happen regarding PU presence at the patient’s admission to hospital with significant difference related to the post-intervention group. PU prevalence at the IUC has decreased from 36.23% to 27.36% and incidence has reduced from 31.91% to 19.14 after the educational intervention. Most patients from the pre-intervention group have presented high risk for developing PU (57.44%) and the post-intervention group has present moderate risk (51.06%). Most of the nine nurses have already taken a course on PU (55.56%) and an online course (55.56%). Number of correct answers about prevention was higher in the post-intervention group, which showed a percentage of 81.93% correct answers. This group was also the one presenting the greatest percentage in questions about PU staging (93.20%). Difference on the number of correct answers and points between the groups have presented significant difference (p<0.05). We concluded that the educational intervention has impacted on the decrease of lesions prevalence and incidence at the IUC and on the nurses knowledge acquisition, mainly, regarding lesions staging.
Descrição: ARAÚJO, Thiago Moura de. Impacto de uma tecnologia de informação e comunicação na prevenção e tratamento de úlceras por pressão em pacientes críticos. 2012. 190 f. Tese (Doutorado em Enfermagem) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem, Fortaleza, 2012.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/4123
Aparece nas coleções:DENF - Teses defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2012_tese_tmaraujo.pdf4,47 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.