Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/41580
Title in Portuguese: A escolha da profissão
Author: Oliveira, Francisco Mauro Justa de
Advisor(s): Ferreira, Gláucia Maria de Menezes
Keywords: Escolha
Educação
Adolescência
Issue Date: 2012
Citation: OLIVEIRA, Francisco Mauro Justa de. A escolha da profissão. 2012. 37f. – TCC ( Monografia) – Universidade Federal do Ceará, Faculdade de Educação, Centro de Treinamento e Desenvolvimento, Curso de Especialização em Docência do Ensino Superior, Fortaleza (CE), 2012.
Abstract in Portuguese: O presente trabalho estuda, de forma aprofundada, questões tangentes ao momento da escolha da profissão entre estudantes adolescentes que estão concluindo o ensino médio e estão se preparando para enfrentarem seu primeiro vestibular para ingressarem no ensino superior. Esse estudo foi feito para atender a inquietação do autor quanto à escolha profissional de adolescentes que estavam concluindo o ensino médio e levar esse questionamento ao mais diferenciado público com a intenção de rever conceitos, buscando melhorias no processo de escolha da profissão. Discute ainda o momento da escolha profissional e suas implicações para os projetos futuros na vida dos adolescentes. As concepções de adolescentes sobre “vocação” ainda são estereotipadas, contudo eles crêem que a escolha profissional é um processo que inicia ainda na infância, por isso mesmo a presença da família se torna importante e em muitos casos influencia diretamente na escolha da profissão. A palavra vocação tem sua origem do latim vocatio, que significa chamado interior. Inicialmente, o conceito esteve ligado ao cristianismo paulino, inspirando o conceito religioso, ou seja, seria uma dádiva divina, onde o indivíduo já tinha uma missão pré-determinada em sua vida. Hoje é considerado um termo pedagógico cujo significado indica uma propensão para exercer qualquer profissão ou atividade, essa modificação se deu a partir dos ideais da Revolução Francesa, que pregava a igualdade entre os homens. A vocação pode ser considerada semelhante à aptidão, mas apresenta um caráter mais subjetivo por ser uma atração que o sujeito sente por determinada forma de atividade. Atualmente, desprezando-se o aspecto religioso, o orgânico explica as diferenças individuais e sociais, portanto, a escolha profissional é um fenômeno determinado com características histórico-culturais e depende das condições em que as pessoas vivem de suas vontades e aptidões. Por fim, podemos afirmar que a existência de uma grande variedade de informações na sociedade moderna, deixa nos jovens uma sensação de incerteza e insegurança na hora de escolher que profissão seguir, por isso é importante que eles sejam orientados não apenas por familiares e amigos, mas também por profissionais especializados em orientação vocacional/ profissional. A pesquisa se apoiou em teorias sócio-históricas da área de Orientação vocacional/ profissional e o nosso trabalho buscou atender ao questionamento principal que motivou o estudo que é saber “como é feita a escolha profissional”.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/41580
metadata.dc.type: TCC
Appears in Collections:EDES - Monografias

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2012_tcc_fmjoliveira.pdf380,56 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.