Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/41584
Title in Portuguese: Planejamento e avaliação na escola: articulação e necessária determinação ideológica
Author: Carvalho, Carlos Manuel Mendes
Advisor(s): Trompieri Filho, Nicolino
Keywords: Avaliação
Ideologia
Planejamento
Issue Date: 2012
Citation: CAVALCANTE, Carlos Manuel Mendes. Planejamento e avaliação na escola: articulação e necessária determinação ideológica. 2012. 32f. – TCC ( Monografia) – Universidade Federal do Ceará, Faculdade de Educação, Centro de Treinamento e Desenvolvimento, Curso de Especialização em Docência do Ensino Superior, Fortaleza (CE), 2012.
Abstract in Portuguese: O presente trabalho demonstra a articulação e necessária determinação ideológica que deve existir entre o planejamento e a avaliação na escola. Para tanto, aborda que há uma ideologia determinante, intrinsecamente, ligada ao ato de planejar, pois o mesmo é carregado de intencionalidade humana. Essa intencionalidade nas ações pedagógicas, previstas no planejamento escolar, pode ser motivado pelo comprometimento ideológico de quem o idealiza, conduzindo o aprendizado do aluno para este fim, em que acredita e formulou suas ideias, partindo de teorias pré-existentes. Ademais, no meio escolar, o planejamento pode ser utilizado como modo de prever a administração de recursos, portanto, acaba sendo influenciado por questões das relações sociais entre escola, professores e alunos, além de influências econômicas, políticas e culturais. Dessa forma, necessita exercer também um papel político dentro da escola. Este trabalho aborda as particularidades de um planejamento educacional, os seus tipos, funções e as etapas de um planejamento escolar, ademais, discorre sobre o conceito de planejamento curricular. Explicita, detalhadamente, as características de um planejamento e os tipos de planos na escola. Versando sobre a articulação entre planejamento e avaliação, apresentam-se, nesse trabalho, os conceitos e ideologias do campo desta última, a sua prática em nossa atualidade, bem como uma proposta de uma avaliação como instrumento de emancipação. Finalizando as colocações desse objeto de estudo, considera-se que o Projeto Político Pedagógico é o primeiro passo dessa articulação, seguido do planejamento de ensino, que encerra em sua idealização, uma previsão da avaliação da aprendizagem a ser aplicada com o alunado. Portanto, conclui-se que não há avaliação da aprendizagem, sem planejamento escolar que a embase ideologicamente. Afirma-se, pois, que planejamento e avaliação na escola devem ser articulados e com determinação ideológica própria que os regule, visando o sucesso da aprendizagem do educando.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/41584
metadata.dc.type: TCC
Appears in Collections:EDES - Monografias

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2012_tcc_cmmcavalcante.pdf138,31 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.