Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/43334
Title in Portuguese: Intervenções de terapia de comportamento temporomandibular transtornos: uma revisão sistemática
Title: Interventions of temporomandibular behavior therapy disorders: a systematic review
Author: Mouta Neto, José Ângelo
Advisor(s): Chaves, Helíada Vasconcelos
Co-advisor(s): Elias, Liana Rosa
Keywords: Temporomandibular
Dor Orofacial
Dor Crônica
Terapia Comportamental
Revisão Sistemática
Issue Date: 24-Aug-2017
Citation: MOUTA NETO, J.A. Intervenções de terapia de comportamento temporomandibular transtornos: uma revisão sistemática. 2017. 78 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde, Universidade Federal do Ceará , Sobral, 2017.
Abstract in Portuguese: A disfunção temporomandibular engloba um grupo de condições neuromusculares e musculoesqueléticas envolvendo as articulações temporomandibulares, músculos mastigatórios e todos os tecidos associados; é a principal cause de dor não dental na região orofacia l. As dores orofaciais são condições altamente prevalentes e debilitantes que envolvem a cabeça, o rosto e o pescoço. Eles podem ser definidos como dor no rosto, boca e / ou maxilar e envolvem disfunção temporomandibular, dor facial atípica, neuralgia facial e outros. A incidência de disfunção temporomandibular é de 4% ao ano, o que é considerado bastante elevado. Uma das indicações terapêuticas comuns para dor orofacial é a terapia comportamental, um conjunto de intervenções psicológicas destinadas a produ zir novos comportamentos que têm o resultado de alívio ou redução de dor. O presente estudo teve como objetivo buscar as evidências da terapia comportamental no alívio de dor para os casos de disfunção temporomandibular. Uma revisão sistemática de ensaios clínicos randomizados foi utilizada como método. As seguintes bases de dados foram incluídas: Pubmed, PsycINFO, LILACS, Scielo, IBECS, CUMED, BBO Odontologia, MedCarib e Homeoindex, bem como literatura cinza (literatura não oficialmente publicada) nas bases de dados OpenGrey e ClinicalTrials.gov. Foram incluídos ensaios clínicos randomizados de intervenções de terapia comportamental para dor orofacial que produziram alívio ou redução de dor. O protocolo para esta revisão sistemática foi elaborado com base no PRISMA-P e registrado na plataforma PROSPERO (número de registro: CRD42017069948). Os resultados indicaram que existem 26 ensaios clínicos randomizados (ECR) sobre terapia comportamental para Disfunção Temporomandibular, 4 ECRs sobre bruxismo, 2 sobre dor idiopática persistente e 1 sobre síndrome de ardência bucal. A maioria das intervenções de Terapia Comportamental foram Terapia Cognitivo-Comportamental (n = 18), seguido por Técnicas de Relaxamento (n = 6), Biofeedback (n = 5) e Reversão de Hábito (n = 3) . Os resultados são heterogêneos, porém demonstram a eficácia das intervenções comportamentais para as dores orofaciais, especialmente da Terapia Cognitivo -Comportamental para DTM. Conclui-se que intervenções de terapia comportamental são importantes para dor orofacial, especialmente para DTM, e podem ser adotadas por profissionais de saúde como forma de aprimorar o atendimento e manejo de sintomas de dor .
Abstract: Temporomandibular disorders, which are the major cause of non -dental pain in orofacial region, encompasses a group of musculoskeletal and neuromuscular conditions involving temporomandibular joints (TMJ), masticatory muscles, and all associated tissues. Orofacial pains are highly prevalent and debilitating conditions involving the head, face and neck. They can be defined as pain in the face, mouth and/or jaw and involve temporomandibular dysfunction, atypical facial pain, facial neuralgia, and others. The incidence of temporomandibular dysfunction i s 4% per a nnum, which is considered quite high. One of the common therapeutic indications for orofacial pain is behavior therapy, a set of psychological interventions aimed at producing new behaviors that have the outcome of relief or reduction of pain. The present study had as objective to seek the evidences of the behavioral therapy in pain relief for the cases of temporomandibular disorders. A systematic review of randomized clinical trials was used as method. We searched the databases Pubmed, PsycINFO, LILACS , Scielo, IBECS, CUMED, BBO -Odontologia, MedCarib and Homeoindex, as well as gr ey literature (literature not officially published) on databases OpenGrey and ClinicalTrials.gov. We included randomized clinical trials of behavioral therapy interventions for orofacial pain that produced relief or reduction of pain. The protocol for this systematic review was elaborated based on PRISMA-P and registered in PROSPERO (registration number: CRD42017069948). The results indicated that there are 26 randomized clinical trials (RCTs) on behavioral t herapy for Temporomandibular Dysfunction, 4 RCTs on bruxism, 2 on persistent idiopathic pain and 1 on oral burning syndrome. The majority of Behavior Therapy interventions were CognitiveBehavioral Therapy (n = 18), followed by Relaxation Techniques (n = 6), Biofeedack (n = 5) and Habit Reversal (n = 3). Results are heterogeneous, but demonstrate the efficacy of behavioral interventions for orofacial pain, especially Cognitive -Behavioral Therapy for TMD. It is concluded that behavior therapy interventions are important for orofacial pain, especially for TMD, and may be provided by health professionals as a way to improve care and management of pain symptoms.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/43334
Appears in Collections:PPGCS - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_dis_jamoutaneto.pdfMOUTA NETO, J.A. Intervenções de terapia de comportamento temporomandibular transtornos: uma revisão sistemática. 2017. 78 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Campus de Sobral, Universidade Federal do Ceará , Sobral, 2017628,19 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.