Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/43729
Title in Portuguese: Efeitos da instabilidade pluviométrica sobre a previsão da produção de lavouras de sequeiro em áreas sujeitas à desertificação (ASD) no semiárido do estado do Ceará: casos de Irauçuba e Tauá
Author: Costa Filho, João da
Advisor(s): Lemos, José de Jesus Sousa
Keywords: Agricultura familiar
Secas
Produção de alimentos
Nordeste brasileiro
Agricultura de sequeiro
Precipitação (Meteorologia) - Irauçuba
Precipitação (Meteorologia) - Tauá
Issue Date: 2019
Citation: COSTA FILHO, J. Efeitos da instabilidade pluviométrica sobre a previsão da produção de lavouras de sequeiro em áreas sujeitas à desertificação (ASD) no semiárido do estado do Ceará: casos de Irauçuba e Tauá. 2019. 100 f. Dissertação (Mestrado em Economia Rural) - Centro de Ciências Agrárias, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2019.
Abstract in Portuguese: A degradação dos recursos naturais com impactos ambientais não é um fato recente. Desde períodos mais remotos, a história da humanidade registra que o meio ambiente passa por processos de destruição, o que só tem se intensificado ao longo do tempo. Essa agressão à natureza desencadeia vários danos aos recursos naturais, dentre outros,o fenômeno da “desertificação”. No semiárido brasileiro, esse fenômeno é bastante evidente em algumas áreas. Outra característica bem peculiar desse ecossistema é a instabilidade pluviométrica que possui relação direta com a produção agrícola. Esta pesquisa buscou analisar como esse binômio formado por instabilidade pluviométrica e desertificação influencia na produção das lavouras de feijão, mandioca e milho, cultivadas em regime de “sequeiro” nos Municípios de Irauçuba e Tauá. Esses municípios estão situados nas Áreas Sujeitas à Desertificação (ASD) no semiárido cearense. Os objetivos específicos da pesquisa são: A- Desenhar modelos de comportamento de flutuação das precipitações anuais de chuvas dos municípios de Irauçuba e Tauá, comparativamente ao que acontece no Estado do Ceará no período que se estende de 1974 a 2017; B - Avaliar a instabilidade/estabilidade das variáveis, bem como as evoluções das variáveis: área colhida, produtividade, preço médio, produção e valor da produção de feijão, mandioca e milho em cada um dos regimes pluviométricos identificados na pesquisa nos Municípios de Irauçuba e Tauá no mesmo período; C – Desenhar modelos probabilísticos de antevisão das variáveis que são definidoras da produção de agricultura de sequeiro nas ASD do Semiárido Cearense no período sob investigação; D - Avaliar o efeito da pluviometria sobre essas previsões. A pesquisa utiliza dados coletados junto à FUNCEME e ao IBGE, e cobre o período de 1974 a 2017. Os procedimentos metodológicos utilizados estão segmentados de acordo com os objetivos específicos a que se propõem. Assim, utilizam-se os coeficientes de variação (CV) para medir a instabilidade/estabilidade dos diferentes tipos de clima que a pesquisa caracterizará para os municípios selecionados no estudo. Os CV também serão utilizados como medidas de instabilidade/estabilidade das produtividades da terra, áreas colhidas e preços médios das lavouras, avaliados dentro de cada um dos regimes pluviométricos que serão identificados na pesquisa. Estimam-se taxas geométricas de crescimento das produtividades da terra. Para fazer previsões das variáveis endógenas, o trabalho utiliza modelos ARIMA desenvolvidos por Box e Jenkins (1976). Para avaliar o impacto das chuvas sobre as previsões das variáveis endógenas a pesquisa utiliza modelo de regressão loglinear que avalia as chuvas impactando os ruídos gerados nas previsões ou impactando diretamente as previsões. Os resultados confirmam instabilidades pluviométricas nos dois municípios estudados. Mostram que há diferenças estatísticas entre os regimes pluviométricos definidos para cada município. A pesquisa confirma a hipótese central que de as variações pluviométricas impactam a previsão de variáveis endógenas na produção de feijão, mandioca e milho em Irauçuba e Tauá, sobretudo sobre a produtividade da terra.
Abstract: The degradation of natural resources with environmental impacts is not a recent subject. From earliest times, records the hist over time. This assault on nature causes severe damage to natural resources. Among others, the phenomenon of "desertification". In the Brazilian semiarid, this phenomenon is quite evident in some areas. Another peculiar feature semi-arid ecosystem is the rainfall instability that has a direct relationship in agricultural production. This study sought to examine how this binomial formed by rainfall instability and desertification influences the production of bean crops, manioc and corn grown on a "dry land" in the municipalities of Irauçuba and Tauá. These municipalities are situated in Areas Subject Desertification (ASD) in Ceará State semi arid region. The specific objectives of the research are: A- Draw models which capture behavior of annual rainfall in the municipalities of Irauçuba and Taua, compared to what happens in the state of Ceará in the period extending from 1974 to 2017; B - Evaluate the instability / stability of the variables as well as the evolution of the variables harvested area, yield per hectare, average price of beans, cassava and corn in each of the rainfall regimes identified in the survey in the municipalities of Irauçuba and Taua in the same period; C - Draw probabilistic models previews of variables that are defining the production of upland farmer in ASD of Ceará Stet semiarid region in the period under investigation; D - To evaluate the effect of rainfall on these forecasts. The research uses data collected by the FUNCEME and the IBGE, and covers the period from 1974 to 2017. The methodological procedures used are segmented according to the especificam objectives of the research. Thus, we use the coefficients of variation (CV) to measure the instability / stability of different types of weather that the search feature to municipalities selected in the study. CV will also be used as measures of instability / stability of productivity of the land, harvested areas and average prices of crops, evaluated within each of the rainfall regimes that will be identified in the survey. To make predictions of the endogenous variables the work used ARIMA models developed by Box and Jenkins (1976). To assess the impact of the rains on the estimates of endogenous variables the research uses regression model that evaluates the rains impacting the noises generated in the forecast or directly impacting forecasts. The results confirm rainfall instabilities in both municipalities. Show that there are statistical differences between the defined rainfall regimes for each municipality. The research confirms the central hypothesis that rainfall variations impact the forecasting of endogenous variables in the production of beans, cassava and maize in Irauçuba and Taua, especially on land productivity.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/43729
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:DEA - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_dis_jcostafilho.pdf1,69 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.