Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/44799
Title in Portuguese: Ocorrência de ações e práticas sustentáveis da pesca na comunidade pesqueira de Mundaú-CE
Title: Occurence of actions and pratices sustainable of fishing in the Mundau-CE fisheries community
Author: Pereira, Paula Naiane Braga
Advisor(s): Marinho, Reynaldo Amorim
Keywords: Pesca responsável
Desenvolvimento sustentável
Pescador artesanal
Título
Issue Date: 2017
Citation: PEREIRA, Paula Naiane Braga. Ocorrência de ações e práticas sustentáveis da pesca na comunidade pesqueira de Mundaú-CE. 2017. 114 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento e Meio Ambiente) - Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2017.
Abstract in Portuguese: As águas marinhas do Brasil representam grande fonte produtora de alimentos e geradora de emprego e renda. Estudos demonstram que a produção pesqueira marítima no estado do Ceará vem enfrentando uma queda acentuada. Variadas razões podem estar desencadeando a atual crise produtiva do setor pesqueiro cearense. Dentre estas razões, destaca-se o excesso de esforço de pesca sobre uma determinada espécie, a utilização de aparelhos de pesca ilegais, o intenso uso de redes de arrasto em locais próximos à costa e os malefícios oriundos das diversas ocupações inadequadas de áreas litorâneas do Ceará. Tendo por base este viés, a pesquisa objetivou analisar a ocorrência de ações sustentáveis da pesca na comunidade pesqueira de Mundaú, em Trairí - Ceará. Foram realizadas atividades de Diagnóstico Rural Participativo (DRP), procurando abranger grupos representativos da comunidade. Para obter as características socioeconômicas e da pesca na região, foram utilizadas entrevistas estruturadas e semiestruturadas. Com as oficinas foram obtidos resultados que indicaram a precarização nos serviços básicos à comunidade, ausência de políticas públicas eficientes e indícios de ações que vão de encontro à sustentabilidade do meio que subsidia a pesca. Os participantes observaram com criticidade as necessidades de sua área, auxiliando no despertar consciente para uma gestão sustentável do ambiente. Foram entrevistados 106 pescadores do sexo masculino, com média de idade de 47 anos, a maioria sem escolaridade. A canoa é a embarcação mais utilizada nas pescarias, há predominância de embarcações de até cinco metros de comprimento, com autonomia de até um dia. A maioria dos pescadores é proprietária de seus aparelhos de pesca, onde prevalece o uso da rede de espera, linha de mão e caçoeira. Pescam cinco dias por semana, de nove a treze horas por dia. As espécies mais pescadas foram serra (Scomberomorus brasiliensis), sardinha (Opisthonema oglinum), ariacó (Lutjanus synagris) e lagosta (Panurilus argus) e (Panulirus laevicauda). Foi reportado que a melhor época para a pesca na região vai de outubro a dezembro. A melhor profundidade para a pesca relatada é de 50 a 80 metros, e o fundo predominante dos locais de pesca foi o cascalho biogênico. Durante as pescarias o armazenamento do pescado era feito em gelo. Os projetos e cursos de capacitação para pescadores foram considerados de pouquíssimo acesso, assim como a fiscalização da pesca na região. A maioria dos pescadores está filiada à colônia de pescadores e afirmou que os jovens não se interessam pela pesca. O turismo na região foi considerado positivo para a movimentação da economia. Esta pesquisa demonstrou que as técnicas de DRP são efetivas na identificação de problemas na comunidade. A atuação de políticas públicas como agentes norteadores de promoção de educação, conscientização,fiscalização e acompanhamento, é imprescindível para que a comunidade pesqueira de Mundaú encontre as diretrizes para uma gestão adequada dos recursos ambientais e pesqueiros.
Abstract: The marine waters of Brazil represent a big source of food and generate employment and income. Studies show that the maritime fishing production in the state of Ceará has been facing a sharp fall. Various reasons may be triggering the current productive crisis of the fishing sector of Ceará. Among these reasons stands out an excessive fishing effort on a particular species, the use of illegal to the fishing materials, the intensive use of trawls near the coast and the damages from the various inadequate occupations in coastal areas of Ceará. Based on this bias, this study aims to analyze the occurrence of sustainable fishing practices in the fishing community of Mundaú, in Trairí - Ceará. Participatory Rural Diagnostic (RPD) activities were carried out, seeking to include representative groups of the community. To obtain the socio-economic and fishing characteristics of the region, structured and semi-structured interviews were used. With the workshops, results were obtained indicating precariousness in basic services to the community, absence of efficient public policies and evidence of actions that go against the sustainability of the environment that subsidizes fishing. The participants observed critically the needs of their area, helping in the conscious awakening towards a sustainable management of the environment. 106 male fishermen were interviewed, with an average age of 47 years, the most of them unschooled. The canoe is the most used boat in fishing, there is predominance of boats of up to five meters in length, with autonomy of up to one day. Most fishermen are owners of their fishing gear, where the use of the fishing waiting network, hand line and “caçoeira” prevails. They fish five days a week, from nine to thirteen hours a day. The most fished species are sawfish (Scomberomorus brasiliensis), sardines (Opisthonema oglinum), ariacó (Lutjanus synagris) and lobster (Panurilus argus) and (Panulirus laevicauda). The best time for fishing in the region is from October to December. The best depth for reported fishing is 50 to 80 meters, and the predominant bottom of the fishing sites was biogenic gravel. During the fishing the storage of the fish is made in ice. The projects and training courses for fishermen are considered scarcely accessible, as is the inspection of fishing in the region. Most fishermen are affiliated with the fishermen's colony and said that young people are not interested in fishing. Tourism in the region is considered positive for the movement of the economy. This research demonstrated that RPD techniques are effective in identifying problems in the community. The performance of public policies as guiding agents for the promotion of education, awareness, supervision and monitoring, it is essential for the fishing community of Mundaú to find the guidelines for an adequate management of environmental and fishing resources.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/44799
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:PRODEMA - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_dis_pnbpereira.pdf3,62 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.