Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/47838
Title in Portuguese: Minha casa não é minha, e nem é meu este lugar: memória e narrativas de resiliência de crianças em instituições de acolhimento
Title: My house is not mine, neither this place: Memories and narratives of resilience on childrens residential institutions
Author: Monte, Bárbara Castelo Branco
Advisor(s): Germano, Idilva Maria Pires
Keywords: Narrativa
Memória
Resiliência
Instituição de acolhimento
Issue Date: 2015
Citation: MONTE, Bárbara Castelo Branco. "Minha casa não é minha, e nem é meu este lugar": memória e narrativas de resiliência de crianças em instituições de acolhimento. 2015. 108f.- Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-graduação em Psicologia, Fortaleza (CE), 2015.
Abstract in Portuguese: Dadas algumas características das instituições de acolhimento e também de certas políticas que o Estado brasileiro adotou historicamente, nem sempre é possível garantir o direito da criança de conhecer eventos da sua história de vida ou de contá-la noutros termos, para além do que se narra no cotidiano da instituição. A falta ou precariedade de registros sobre a história pessoal e familiar das crianças pode afetar a construção da memória autobiográfica, a formação da identidade infantil e sua capacidade de superar o sofrimento relacionado à sua história familiar e institucional. Essas considerações nos fazem questionar quais histórias se contam, como se contam e o que se deixa contar em contextos de acolhimento. Como as histórias contadas às crianças e pelas crianças podem favorecer processos de resiliência, fortalecendo os acolhidos para lidarem com as adversidades da vida? É no sentido de responder a esta questão que esta pesquisa foi desenvolvida a partir do Projeto de Extensão Liga de Cores do Núcleo Cearense de Estudos e Pesquisa Sobre a Criança em uma unidade de acolhimento da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social do Estado do Ceará. O Projeto de Extensão Liga de Cores consistiu na implantação da ferramenta de intervenção institucional Fazendo a Minha História. Esta metodologia foi criada pelo Instituto Fazendo História com o objetivo de promover meios de expressão para que os acolhidos possam entrar em contato com o seu passado, registrar suas histórias de vida e construir projetos para o futuro.
Abstract: Due to some characteristics of the host institutions as well as certain policies that the Brazilian government has taken historically, it is not always possible to guarantee the child's right to know events of his/her life story or tell it in other words, beyond what is narrated on the institution’s quotidian. The lack or precariousness of records on personal and family history of the children may affect the construction of autobiographical memory, the formation of children's identity and their ability to overcome the suffering related to their family and institutional history. These considerations make us question what stories to tell, how to tell them and what is left to tell in contexts of hosting. How the stories told to children and by children can favor resilience processes, strengthening those who are welcomed to deal with life's adversities?It is in order to answer this question that this research was developed from the extension projectLiga de Cores do Núcleo Cearense de Estudos e Pesquisa sobre a Criança (League of Colors of Studies and Research on Child of the State of Ceará). This extension project consisted in the implementation of the institutional intervention Fazendo a Minha História (Making My History). This methodology was created with the purpose of promoting means of expression, so that the welcomed can get in touch with their past, record their life stories and build projects for the future.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/47838
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:PPGP - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2015_dis_bcbmonte.pdf1,86 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.