Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/48683
Title in Portuguese: Ensino de nanotecnologia no ensino médio por meio de diferentes metodologias teórico-práticas
Title: Nanotechnology teaching in high school through different theoretical-practical methodologies
Author: Sampaio, Rafael Andrade
Advisor(s): Fechine , Pierre Basílio Almeida
Co-advisor(s): Cruz, Antonio Alvernes Carneiro
Keywords: Nanotecnologia
Ensino de química
Metodologias de ensino-aprendizagem
Issue Date: 2017
Citation: SAMPAIO, Rafael Andrade. Ensino de nanotecnologia no ensino médio por meio de diferentes metodologias teórico-práticas. 2017. 85 f. TCC (Licenciatura em Química) – Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2017.
Abstract in Portuguese: Desinteresse, desconcentração e dificuldades em manter a atenção dos discentes são reclamações comuns dos educadores das áreas de ciências naturais. Teorias pedagógicas e textos governamentais de orientação curricular defendem que os conceitos científicos devem ser apresentados a partir da ótica cotidiana do aluno para evitar estes problemas. Outros também defendem uma diminuição das barreiras disciplinares a fins de que o estudante consiga enxergar uma conexão entre o conteúdo científico e o seu dia-a-dia, aumentando o interesse pela disciplina. A partir disso, várias pesquisas educacionais começaram a surgir buscando mais inovação no ensino de química. Algumas atividades propostas defendem o uso de temas que alimentem a curiosidade dos alunos em entender como processos modernos funcionam, pois estes podem formar uma visão mais positivista da química. A nanotecnologia se encaixa perfeitamente nesta proposta, não só por suas vastas aplicações nas mais diversas áreas, mas também por ser uma novidade para a maioria dos estudantes. Em decorrência disso, foi feito um estudo que utilizou a nanotecnologia como tema de cativo em aulas de química para seis turmas de segundo ano do ensino médio. Neste estudo, diferentes metodologias baseadas na combinação de dois métodos teóricos e dois métodos práticos foram estudadas de modo a comparar o seu desempenho de acordo com a concepção de nanotecnologia adquirida pelos alunos e pela aceitação destes pelo tema. Percebeu-se que metodologias que levam à transgressão de barreiras educacionais ocasionadas pela forte disciplinaridade do ensino básico estimulam o desenvolvimento de um raciocínio mais fundamentado e voltado à aplicações cotidianas, além de tornarem o estudante mais interessado no tópico e passar-lhe a sensação de conexão do conteúdo em sala de aula com seu dia-a-dia. Percebeu-se, também, que o ato de realizar questionamentos interpretativos e investigativos durante os procedimentos experimentais em aulas laboratoriais, ao invés de realiza-los apenas após o término das práticas, auxilia na interpretação dos fenômenos ocorridos durante o experimento, desde que a atividade experimental seja precedida de aulas teóricas que demonstrem maior aplicabilidade de conteúdos e atraiam o interesse dos estudantes.
Abstract: Lack of interest, problems of concentration, and difficulties in keeping students' attention are common complaints that come from educators in the natural sciences. Pedagogical theories and government curricular orientation documents defend that the scientific concepts must be presented from the students’ daily perspective to overcome these problems. Ones also defend a reduction of disciplinary frontiers in order for the student to see a connection between scientific content and daily life, increasing the students’ interest for the subject. Due to it, several educational researches started to seek innovation in chemistry teaching. Some of the proposed activities defend the use of educational themes that feed the students' curiosity in understanding how modern processes work, because they make a more positive view of chemistry. Nanotechnology fits perfectly in this proposal, not only because of its vast applications in diverse areas, but also for being a novel theme for most students. Because of this, a study using nanotechnology as a captive topic in chemistry classes was done. In this study, different methodologies based on the combination of two theoretical and two experimental methods were analyzed in order to compare their performance when applied to six sophomore high school chemistry classes. The methodologies were analyzed according to the conception of nanotechnology acquired by the students and their acceptance by the nanotechnology theme. It was found that methodologies that lead to the transgression of disciplinary frontiers stimulate the development of a better-grounded and everyday-applied reasoning, besides making the student more interested in the topic and giving them the feeling that the classes were connected with their daily lives. It was also noticed that the act of asking interpretive and investigative questions during the experimental procedures in laboratory classes, instead of asking them after the procedures were done, helps in the interpretation of the phenomena occurred during the experiment, as long as theoretical classes that demonstrate applicability of content and attract students’ interest precede the experimental activity.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/48683
metadata.dc.type: TCC
Appears in Collections:QUÍMICA-LICENCIATURA - Monografias

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2017_tcc_rasampaio.pdf2,93 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.