Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/48929
Title in Portuguese: As práticas humanizadoras desenvolvidas em resposta às demandas da estratégias Saúde da Família de Sobral
Title: Humanizing practices developed in response to the demands of the sobral family health strategy
Author: Araujo, Maria do Socorro Moreira de
Advisor(s): Lira, Roberta Cavalcante Muniz
Keywords: Estratégia Saúde da Família
Atenção Primária
Issue Date: 19-Nov-2019
Citation: ARAUJO,M.S.M. As práticas humanizadoras desenvolvidas em resposta às demandas da estratégia Saúde da Família de Sobral. 2019. 140 f. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Saúde da Família) Campus Sobral, Universidade Federal do Ceará, Sobral, 2019.
Abstract in Portuguese: A discussão sobre humanização no âmbito da saúde não é uma pauta recente. No Sistema Único de Saúde a discussão deu origem a Política Nacional de Humanização (PNH) em 2003, em um contexto de significativos avanços na saúde pública concorrendo com problemas de diversas ordens. A PNH valoriza atitudes inovadoras que contemplem o diálogo entre pacientes, profissionais e gestores, todavia, sua operacionalização ainda é um desafio. Neste estudo, o objetivo foi conhecer como a Política Nacional de Humanização tem sido efetivada na Estratégia Saúde da Família em Sobral – CE, como também compreender o conhecimento dos profissionais da Estratégia Saúde da Família de Sobral- CE sobre esta política, identificar que ações em humanização são realizadas na Estratégia Saúde da Família Sobral – CE e verificar as dificuldades a prática das ações humanização. Para tanto, realizou-se um estudo qualitativo de abordagem exploratória. O cenário de estudo foram os CSF da sede do município de Sobral, como público alvo composto por enfermeiros e os agentes comunitários de saúde. A coleta dos dados ocorreu nos meses de setembro e outubro de 2018. As técnicas para coleta dos dados foram a entrevista semiestruturada, observação e diário de campo e, para analisá-los, lançou-se mão da técnica de Análise de Conteúdo. Os resultados evidenciam que os CSF possuem estrutura incipiente para realização de ações grupais e que desafiam o atendimento sigiloso, todavia permite o acesso dos usuários e contribui para o bem estar das pessoas naquele espaço. No que concerne ao texto da PNH, a maioria dos profissionais não conhece. As ações realizadas no CSFs que mais apresentam relação com a PNH são: o Acolhimento, as Práticas Grupais, a Roda do Quarteirão e os Conselhos Locais de Saúde. As principais dificuldades postas como desafiadoras para a efetivação da PNH dizem respeito à fragilidade do senso de equipe, a descontinuidade dos fluxos e a ausência de correponsabilização nos usuários. Conclui-se que a ESF de Sobral possui ações que favorecem a Humanização na assistência à saúde, mas a Política Nacional de Humanização ainda se apresenta como uma ferramenta que necessita ser implementada com efetividade para superar os desafios identificados e que viabilize o fortalecimento da equipe, do vínculo e da corresponsabilização.
Abstract: Humanization in healthcare is not a recent agenda. In the Brazilian Unified Health System (SUS), the discussion about a humanized care gave birth to the National Humanization Policy (PNH), back in 2003, when significant advances in our public health system competed with a wide range of problems. PNH valorizes innovative attitudes considering dialogue between patients, professionals and health managers. Nonetheless, its operationalization is still challenging. In this study, our objective was to know how National Humanization Policy has been performed in Family Health Strategy in Sobral – CE, as well as to understand the knowledge of professionals about this politics, identifying which humanized practices are performed as well as what difficulties are found concerning humanization. For our purposes, we developed an exploratory qualitative study. The scenario consisted of the urban Family Health Centers (CSFs) of Sobral, and the target public was composed by nurses and community health agents. Data collection occurred in September and octuber, 2018. Data were collected using a semi-structured interview along with observation and field diary, with posterior Content Analysis. Results showed that the Health Centers have weak structures that challenge assistance confidentiality and do not allow group activities; however, the centers allow patients access and contribute to people‟s well-being. Regarding PNH text, most of the professionals do not know it. The practices performed in the CSFs that are clearly related to the PNH are: Reception, Group Activities, the Quarter Circle, and the Local Health Councils. The main defying difficulties laid involved weak sense of teamwork, flow disruption and the absence of joint responsibility by users. We concluded that the Family Health Strategy in Sobral has actions that favor humanization of health care, but the National Humanization Policy still needs to be implemented effectively, so that the challenges can be overwhelmed and the team work can be reinforced, along with social bonds and joint responsibility.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/48929
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:PPGSF - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2019_dis_msmaraujo.pdfARAUJO,M.S.M.As práticas humanizadoras desenvolvidas em resposta às demandas da estratégia saúde da família de Sobral.2019. 140 f. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Saúde da Família) Campus Sobral, Universidade Federal do Ceará, Sobral,2019.1,56 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.