Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/5078
Título: Distribuição espacial do superpastejo de ovinos e caprinos no Brasil
Autor(es): Bezerra, Francisco Gilney Silva
Aguiar, Karine Rocha
Rodrigues, Maria Ivoneide Vital
Lima, Patrícia Verônica Pinheiro Sales
Palavras-chave: Caprinos
Degradação ambiental
Ovinos
Data do documento: 2009
Editor: Congresso da Sociedade Brasileira de Economia, Administração e Sociologia Rural - SOBER, 47
Citação: BEZERRA, F. G. S. ; AGUIAR, K. R. ; RODRIGUES, M. I. V. ; LIMA, P. V. P. S. (2009)
Resumo: Este trabalho teve por objetivo analisar a distribuição espacial dos estados brasileiros quanto ao superpastejo de ovinos e caprinos. Para tanto foram utilizados dados secundários referentes aos indicadores densidade do rebanho, efetivo do rebanho e taxa de crescimento. Os indicadores citados foram agregados em um Índice de Pressão Animal (IPA) o qual permitiu a hierarquização dos estados. A partir de uma análise de agrupamento pelo método das k-médias houve a formação de três grupos de estados quanto ao superpastejo. Os resultados apontaram os estados da região Norte como os menos susceptíveis aos danos causados pelo superpastejo enquanto os estados nordestinos apresentam maiores níveis de superpastejo de ovinos e caprinos sendo, portanto, mais propensos às conseqüências negativas do manejo inadequado da atividade, de modo especial a degradação ambiental. Políticas de desenvolvimento local devem ser direcionadas para capacitar os produtores nordestinos a realizar um manejo adequado do rebanho e minimizar os danos ambientais provocados pela ovinocaprinocultura.
Abstract: This study aimed to analyze the spatial distribution of the Brazilian states super grazing as the sheep and goats. For this we used secondary data on indicators of cattle density, effective of herd and the actual growth rate. The indicators cited were collet in an index of Pressure Animal (IPA) which allowed the ranking of states. From an analysis of clustering by the method of k-means was the formation of three groups of states as to super grazing. The results showed the states of northern region as the least susceptible to damage by super grazing while northeastern states have higher levels of super grazing of sheep and goats and thus more prone to the negative consequences of inadequate management of the activity, in particular the degradation environment. Local development politics should be directed to enable producers to undertake a northeastern management of the effective of herd and minimize the environmental damage caused by sheep and goats raising.
Descrição: BEZERRA, Francisco Gilney Silva; AGUIAR, Karine Rocha; RODRIGUES, Maria Ivoneide Vital; LIMA, Patrícia Verônica Pinheiro Sales. Distribuição espacial do superpastejo de ovinos e caprinos no Brasil. In: CONGRESSO DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO E SOCIOLOGIA RURAL - SOBER, 47., 2009, Porto Alegre. Anais... Brasília: Sober, 2009. v. 1
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/5078
ISSN: 0103-2003
1806-9479
Aparece nas coleções:DEA - Trabalhos apresentados em eventos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2009_eve_pvpslimad.pdf305,58 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.