Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/5303
Título: Análise da cadeia produtiva do biodiesel tendo como insumo a mamona (Ricinus communis L.): um estudo de caso na Região dos Inhamuns - Ce
Autor(es): Oliveira, Antônio Dimas Simão de
Mayorga, Maria Irles de Oliveira
Mera, Ruben Dario Mayorga
Casimiro Filho, Francisco
Palavras-chave: Cadeia produtiva
Mamona
Biodiesel
Data do documento: 2005
Editor: Congresso Brasileiro de Plantas Oleaginosas, Óleos, Gorduras e Biodiesel, 2
Citação: OLIVEIRA, A. D. S. ; MAYORGA, M. I. O. ; MERA, R. D. M. ; CASIMIRO FILHO, F. (2005)
Resumo: A mamoneira (Ricinus communis L.) é uma cultura explorada industrialmente em função do óleo contido em suas sementes. Os grandes consumidores no mercado nacional são as indústrias químicas e de lubrificantes. O Biodiesel extraído da mamona vem oportunamente contribuir para suprir a demanda crescente por óleo petroquímico, não renovável, com preços de mercado com base oligopolística e com características químicas que determinam uma maior poluição do meio ambiente através das emissões de dióxido de carbono (CO2). Dadas as perspectivas que a cultura da mamona vem apresentando como aporte para a inclusão social, devido ao programa Biodiesel dos Governos Federal e Estadual, torna-se importante um estudo voltado para a análise da cadeia produtiva, da mamona, nos aspectos ambientais, sociais e econômicos do seu cultivo. Assim, o presente projeto propõe a elaboração de um diagnóstico, baseado na cadeia produtiva da mamona, que será desenvolvido visando promover ações que contribuam com a viabilidade ambiental, social e econômica da produção do biodiesel no Estado do Ceará, em especial a região dos Inhamuns. A metodologia utilizada será a desenvolvida para o Programa de Cadeias Produtivas Agroindustriais do sistema SEBRAE. O trabalho tomará por referência conceitual o enfoque sistêmico de produto (commodity systems approach – CSA), que enfatiza o caráter sistêmico das cadeias produtivas agroindustriais. O presente trabalho combina o uso de informações secundárias, com a realização de entrevistas, por processo de amostragem intencional. Os resultados encontrados mostram que o preço médio para a mamona, praticado na Região dos Inhamuns, é um pouco acima do preço mínimo estabelecido para o programa de biodiesel, pelo Governo. A produtividade da mamona e em conseqüência a renda média dos produtores, não condizem com as estabelecidas para o programa. A área de plantio com mamona aumentou no último ano, mais de 80%. Cem por cento dos produtores que cultivam a mamoneira, na Região dos Inhamuns, afirmam que a cultura assegura um incremento na renda dos mesmos. O biodiesel reduz em torno de 78% das emissões de CO2 (dióxido de carbono) e 20% das emissões de enxofre, sendo dessa forma, ambientalmente mais viável. A região tem potencial para a venda de créditos de carbono, sendo dessa forma um incremento na renda dos produtores. Os dados de inclusão social são insuficientes para se inferir uma conclusão, fazendo-se necessário o acompanhamento desses produtores por mais um ou dois anos.
Descrição: OLIVEIRA, Antônio Dimas Simão de; MAYORGA, Maria Irles de OLiveira; MERA, Ruben Dario Mayorga; CASIMIRO FILHO, Francisco. Análise da cadeia produtiva do biodiesel tendo como insumo a mamona (Ricinus Communs L): um estudo de caso na Região dos Inhamuns-CE. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE PLANTAS OLEAGINOSAS, ÓLEOS, GORDURAS E BIODIESEL, 2., Varginha, 2005. Varginha : Universidade Federal de Lavras, v. 1. 2005. p. 706-710
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/5303
Aparece nas coleções:DEA - Trabalhos apresentados em eventos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2005_eve_miomayorgaa.pdf506,12 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.