Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/53098
Title in Portuguese: Desafios perigosos do Youtube: considerações sobre o risco transformado em espetáculo
Title: Dangerous Youtube challenges: considerations about the risk transformed into a spectacle
Author: Miranda, Luisa Maria Freire
Advisor(s): Miranda, Luciana Lobo
Keywords: Risco-espetáculo
Desafios do youtube
Brincadeiras Perigosas
Mídias Digitais
Issue Date: 2020
Citation: MIRANDA, Luisa Maria Freire. Desafios perigosos do Youtube: considerações sobre o risco transformado em espetáculo.2020. 174f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-graduação em Psicologia. Fortaleza (CE), 2020.
Abstract in Portuguese: A evolução das tecnologias da informação e comunicação (TICS) e a crescente popularização das mídias digitais têm gerado profundas transformações na maneira como as pessoas se relacionam e decidem se enunciar na contemporaneidade. Neste contexto, o youtube se apresenta como um emblemático dispositivo de exposição de conteúdos online através do compartilhamento de vídeos produzidos por seus próprios usuários. Em meio a uma infinidade de vídeos hospedados por esta plataforma, estão os desafios do Youtube (DY) - vídeos, em sua maioria caseiros, que trazem como proposta central o registro de uma prática intitulada como “desafio". Alguns dos DY propõem a realização de uma forma de brincadeira perigosa, consistindo em atividades que, apesar do seu caráter lúdico e de entretenimento, podem resultar em riscos à saúde ou mesmo levar à morte de seus praticantes. Sendo estes, em sua maioria, crianças e adolescentes. Diante disto, o trabalho em tela tem por objetivo problematizar os DY como materialidade de uma modalidade de risco que, dentre outros elementos, traz como corolário modos de enunciação pautados na exposição online de práticas de risco como forma de entretenimento. Interrogamos, com isso, se o conceito de risco-espetáculo apresentado por Spink (2002) se configura um caminho possível para se pensar a forma de risco presente nessas produções. No que concerne à dimensão teórico-metodológica utilizada, lançamos mão da Análise do discurso foucaultiana, bem como de autores como Fischer, Spink, Hall, Miranda, Sampaio, Sibilia que embasamento de nossas discussões. O material de nossa análise é composto por cinco desafios: do desmaio; da canela; do fogo; do desodorante e da camisinha, que estão presentes, cada um deles, em dois vídeos - um que apresentou o maior número de visualizações na data pesquisada e outro que apresentou a menor quantidade de visualizações - totalizando a quantidade de 10 vídeos analisado. Além disso, os 20 comentários mais recentes de cada vídeo foram apresentados no sentido de visibilizar a forma de interação dos internautas com os criadores dos vídeos. A investigação dos materiais elencados foi feita com base nos aspectos formais e estruturais das gravações, bem como nos seus comentários, que serviram de categorias de análise dos desafios do youtube. Através deles, concluímos que os vídeos apresentam características comuns ao campo enunciativo do risco-espetáculo, tais como: a forma de diálogo com os espectadores semelhante ao formato televisivo; a explanação do passo-a-passo para realização dos desafios; a qualificação da prática como algo que apresente risco, mas também que é fonte de diversão; o pedido por curtidas e compartilhamentos do vídeo. Assim, o risco presente nessas práticas se articula em torno de alguns aspectos como: a busca por visibilidades (online) e formas de entretenimento que se dão através de um corpo colocado em sofrimento e sob risco iminente de mutilação, ocasionando, em virtude disso, mortes e acidentes.
Abstract: The evolution of the information and communication technologies (ICT) and the growing popularization of digital media have generated profound changes in the way people relate and decide to enunciate themselves in the contemporary world. In this context, YouTube is considered as an emblematic device for displaying online content by sharing videos produced by its own users. Amid an infinity of videos hosted by this platform, there are the Youtube challenges (YC) - videos, mostly homemade, that bring as a central proposal the registration of a practice called “challenge”. Some of the YC propose the execution of a kind of dangerous play, consisting of activities that, despite their playful and entertaining character, can result in health risks or even lead to the death of their practitioners, who are mostly children and adolescents. This research aims to problematize YC as materiality of a risk modality that, among other elements, brings as corollary modes of enunciation guided by the online exposure of risk practices as a form of entertainment. We therefore questioned whether the concept of risk-spectacle presented by Spink (2012) is a possible way to think about the form of risk present in these productions. Regarding the theoretical-methodological dimension used, we choose the Foucault's Analysis of discourse, as well as authors such as Fischer, Spink, Hall, Miranda, Sampaio, Sibilia, which underpinned our discussions. The material in our analysis consisted of five challenges: fainting challenge; cinnamon challenge; challenge fire; aerosol challenge and condom challenge, which are presented, each of them, in two videos - one with the highest number of views on the surveyed date and the other with the lowest number of views - totaling the number of 10 videos analyzed. In addition, the 20 most recent comments of each video were presented in order to make visible how Internet users interact with the videos creators. The investigation of the listed materials was made based on the formal and structural aspects of the recordings, as well as on their comments, which served as categories for analyzing the challenges of youtube. Through them, we conclude that the videos presented characteristics related to the risk-spectacle enunciative field, such as: the form of dialogue with viewers similar to the television format; the explanation of the step-by-step to carry out the challenges; the qualification of the practice as something that presents risk, but also that is a source of fun; the request for likes and shares of the video. Thus, the risk presented in these practices is articulated around some aspects such as: the search for visibility (online) and forms of entertainment that occur through a body placed in suffering and under imminent risk of mutilation, causing, as a result, deaths and accidents.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/53098
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:PPGP - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2020_dis_lmfmiranda.pdf50,53 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.