Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/53349
Title in Portuguese: O jogo como parceiro da ação pedagógica de ensino e avaliação nos anos iniciais do ensino fundamental.
Author: Silva, Olívia Coelho da
Advisor(s): Ribeiro, Ana Paula de Medeiros
Keywords: Jogo.
Interdisciplinaridade.
Avaliação.
Conteúdos atitudinais.
Issue Date: 2020
Citation: SILVA, Olívia Coelho da. O jogo como parceiro da ação pedagógica de ensino e avaliação nos anos iniciais do ensino fundamental. 2020. 196f. Tese (Doutorado) – Universidade Federal do Ceará, Faculdade de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação Brasileira, Fortaleza (CE), 2020.
Abstract in Portuguese: Atualmente, defende-se que o ensino deve ser atraente para o aluno e que os materiais didáticos utilizados sejam lúdicos e desafiadores. Entretanto, as crianças de 4º e 5º anos do Ensino Fundamental têm apresentado carência de ações mais efetivas e inovadoras para a melhoria da aprendizagem, tornando-se um terreno fértil para iniciativas de pesquisas e intervenções. Diante desse contexto, esta pesquisa teve como objetivo geral desenvolver e testar um kit pedagógico contendo um jogo que articula os conhecimentos linguísticos e outras áreas do conhecimento, manuais de orientação e instrumento de avaliação, para alunos de 4º e 5º anos do Ensino Fundamental. Para isso, foi realizada uma pesquisa de campo com 36 crianças e cinco professoras de uma escola municipal de Fortaleza, para captar informações por meio das técnicas de entrevistas e observações, que auxiliaram no desenvolvimento do jogo, bem como na fase de teste. O jogo Descobrindo Fortaleza, desenvolvido durante a pesquisa, foi pensado numa perspectiva pedagógica, para estimular atitudes de respeito e cooperação em interação com os conteúdos escolares relacionados aos componentes curriculares de Língua Portuguesa, História e Geografia, e, para isso, utiliza-se o tema transversal Patrimônio Cultural de Fortaleza. Alinhado com a proposta de Macedo, Petty e Passos (2000), o jogo pedagógico com regras favorece a aprendizagem de conhecimentos e relações sociais no contexto escolar. Os dados de natureza qualitativa oriundos da coleta em campo foram analisados valendo-se da Análise de Conteúdo (BARDIN, 2011). As conclusões da pesquisa foram: apesar de estar clara a importância da ludicidade na sala de aula, não foi possível presenciar a ludicidade na prática pedagógica de todas as professoras; foi possível presenciar a articulação de algumas professoras para contemplar a interdisciplinaridade; ausência de uma avaliação sistemática com relação aos conteúdos atitudinais; as professoras, no geral, observavam e avaliavam os conteúdos referentes às disciplinas; as crianças demonstraram não ter dificuldade com a dinâmica do jogo; o jogo favoreceu que emergissem situações que exigiram das crianças estratégias para resolver problemas; nas falas das crianças, foi possível encontrar a presença do lúdico no processo de ensino e aprendizagem estimulado pelo jogo; o instrumental de autoavaliação foi desenvolvido para ser submetido em qualquer conteúdo escolar após uma atividade com jogos pedagógicos, pois estimula a reflexão do sujeito participativo e ativo da ação da aprendizagem; as atividades com jogos pedagógicos necessitam de uma forma sistemática de avaliar os efeitos nas crianças relacionados às aprendizagens, como conteúdos atitudinais e conceituais; desse modo, o instrumental de autoavaliação desenvolvido pela pesquisadora, validado após a experiência das crianças com o jogo, alimenta a prática reflexiva do professor sobre sua ação e permite às crianças perceberem-se e expressarem-se dentro do processo. Diante de todos os aspectos expostos neste estudo, pode-se dizer que a tese proposta foi atendida, qual seja: o jogo pode ser um grande aliado na ação pedagógica de ensino e de avaliação se trouxer uma proposta interdisciplinar e materiais complementares que auxiliem o professor na condução do ensino de conteúdos e de avaliação da aprendizagem.
Abstract: Currently, it is argued that teaching should be attractive to the student and that the teaching materials used are playful and challenging. However, children in the 4th and 5th grades have shown a lack effective and innovative actions to improve learning, becoming a fertile ground for research and intervention initiatives. Given this scenario, the research aimed to develop and trial a pedagogical kit containing a game that articulated linguistic knowledge, guidance manuals and assessment instrument, for students in the 4th and 5th grades respectively. For this, a field research was carried out with 36 children and five teachers from a school in the municipal network of Fortaleza to capture information through the techniques of interviews and observations that helped in the development of the game, as well as in the product testing phase. The game Descobrindo Fortaleza developed during the research was thought from a pedagogical perspective to stimulate attitudes of respect and cooperation in interaction with the school contents related to the curricular components of Portuguese Language, History and Geography and for that it used the transversal theme Cultural Patrimony of Fortaleza. In line with Macedo's proposal, Petty and Passos (2000), the pedagogical game with rules favors the learning of knowledge and social relationships in the school context. Qualitative data from field collection were analyzed using Content Analysis (BARDIN, 2011). The conclusions of the research were: conception of the game which is the importance of playfulness in the classroom is clear, it was not possible to witness playfulness in the pedagogical practice of all teachers; it was possible to witness the articulation of some teachers to contemplated interdisciplinarity; absence of a systematic assessment regarding attitudinal contents; the teachers, in general, observed and evaluated the contents related to the content; the children demonstrated that they had no difficulty with the dynamics of the game; the game favored the emergence of situations that demanded strategies from the children to resolve problems; the children's speeches it was possible to find the presence of the playful person in the teaching and learning process stimulated by the game; the self-assessment script makes it possible to be submitted in any school content after an activity with educational games, as it stimulates the reflection of the participatory and active subject of the learning action; that activities with pedagogical games need a systematic way to assess the effects on children related to learning, such as attitudinal and conceptual contents; the self-assessment tool developed by the researcher, validated after the children's experience with the game, it feeds that the teacher's reflective practice on his action and allows children to perceive and express themselves within the process. In view of all the aspects exposed in this study, it can be said that the proposed thesis has been met, which is that the game can be a great ally in the pedagogical action of teaching and assessment if it brings an interdisciplinary proposal and complementary materials that assist the teacher in conducting content teaching and learning assessment.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/53349
metadata.dc.type: Tese
Appears in Collections:PPGEB - Teses defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2020_tese_ocdasilva.pdf3,13 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.