Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/5443
Título: Estimação de curvas de indiferença de acessibilidade urbana via modelos ordenados e krigagem
Autor(es): Silva, Abel Brasil Ramos da
Orientador(es): Marinho, Emerson Luís Lemos
Palavras-chave: Acessibilidade
Krigagem
Data do documento: 2013
Citação: SILVA, Abel Brasil R. da (2013)
Resumo: O processo de urbanização, crescimento das cidades e estruturação urbana ocorrido nas últimas décadas nas grandes cidades brasileiras vem colocando a questão da acessibilidade como fator relevante na qualidade de vida da população. Neste contexto, analisar rigorosamente o nível de acessibilidade e o bem-estar dos indivíduos a partir do momento que deixam suas residências até o ponto de execução de atividades ou satisfação de consumo torna-se uma questão de grande importância científica ainda pouco explorada de maneira rigorosa. Nesta dissertação buscamos analisar e modelar acessibilidade considerando uma perspectiva teórica baseada na metodologia da maximização da utilidade e na estimação de modelos econométricos. Para tanto, este estudo está dividindo em dois eixos de pesquisa: o primeiro, analisa a acessibilidade com o uso de modelos ordenados generalizados através de uma base inédita de micro dados geo-referenciados coletada na cidade de Fortaleza, Brasil. Os resultados mostram que variáveis como renda, posse de automóveis, distância, entre outras, são importantes para explicar a acessibilidade dos indivíduos. O segundo eixo de análise propõe e desenvolve, de maneira pioneira, uma superfície de utilidade espacial através de técnicas de krigagem. Os resultados mostram que a distância entre o domicílio e o ponto de destino possui uma relação bastante heterogênea com a acessibilidade, revelando um padrão espacial influenciado pela desigualdade econômica da cidade. Esse resultado coloca em dúvida suposições simplistas tradicionais que assumem uma relação linear ou polinomial entre distância e acessibilidade.
Abstract: The process of urbanization, growth of cities and urban structuring in recent decades among large Brazilian cities revealed the issue of accessibility as a relevant factor in quality of life. In this sense, analyzing the level of accessibility and welfare of individuals from where they leave their homes up to the point of execution of activities or consumer satisfaction becomes a matter of great scientific importance, yet to be explored in rigorously way. Thus, in this dissertation we analyze and model urban accessibility considering a theoretical perspective based on the methodology of utility maximization and estimation of econometric models. Therefore, this study is divided into two lines of research. The first one analyzes the accessibility using generalized ordered models through a new geo-referenced micro data set collected in the city of Fortaleza, Brazil. Our results show that variables such as income, car ownership, distance, and others are important for explaining accessibility of individuals. The second line of inquiry proposes and develops, in a pioneering way, a surface of spatial utility by means of Kriging techniques. The results point to the fact that the distance between home and destination has a very heterogeneous relationship with accessibility, revealing a spatial pattern greatly influenced by the prevailing economic inequalities all over the city. This result puts into question simplistic traditional assumptions that assume a linear or polynomial relation between distance and accessibility.
Descrição: SILVA, Abel Brasil Ramos da. Estimação de curvas de indiferença de acessibilidade urbana via modelos e krigagem. 2013. 86 f. Dissertação (mestrado) - Programa de Pós Graduação em Economia, CAEN, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza-CE, 2013.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/5443
Aparece nas coleções:CAEN - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2013_dissert_abrsilva.pdf9,89 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.