Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/5518
Title in Portuguese: Situação da saúde reprodutiva de mulheres em idade fértil e seus determinantes em uma comunidade urbana de baixa renda do município de Fortaleza, Ceará
Title: Situation of reproductive health of women in fertile age and its determinants in a community urban low income the municipality of Fortaleza, Ceará
Author: Falcão, Germana Benevides
Advisor(s): Carvalho , Francisco Herlânio Costa
Keywords: Saúde da Mulher
Neoplasias do Colo do Útero
Detecção Precoce de Câncer
Issue Date: 2012
Citation: FALCÃO, G. B. Situação da saúde reprodutiva de mulheres em idade fértil e seus determinantes em uma comunidade urbana de baixa renda do município de Fortaleza, Ceará. 2012. 106 f. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Medicina, Fortaleza, 2012.
Abstract in Portuguese: O rastreamento para o câncer do colo uterino e o planejamento familiar são práticas preventivas de relevância em saúde da mulher em idade fértil. A atenção básica ainda privilegia o ciclo gravídico-puerperal e a prevenção da neoplasia maligna do colo, ficando o planejamento familiar em segundo plano. Contudo, a despeito da melhor cobertura na realização da citologia cervicovaginal, as taxas de mortalidade pela neoplasia persistem elevadas. Persistem, também, taxas altas de gestação na adolescência, de abortamentos e iniquidades em saúde. O objetivo do projeto foi caracterizar a situação de saúde reprodutiva de mulheres em idade fértil de uma comunidade urbana de baixa renda em Fortaleza, priorizando a realização da citologia e o uso de métodos contraceptivos. Tratou-se de estudo transversal por entrevistas domiciliares com 244 mulheres de 13 a 52 anos. A análise exploratória inicial permitiu estabelecer correlações através do teste do qui-quadrado de Pearson para as variáveis nominais e ANOVA para médias e desvios padrões. Para expressar a magnitude das associações foram calculadas razões de chance (odds ratio) como expressões das razões de prevalência utilizando regressão logística simples e múltipla. Dentre as entrevistadas com atividade sexual e 25 anos ou mais, 90,3% realizaram citologia no máximo a cada três anos, 59,3% anualmente. Correlacionaram-se positivamente à periodicidade anual o trabalho remunerado (OR=2,63; IC95%: 1,49-4,64) e a condição de ter tido no máximo uma gestação (OR=2,60; IC95%: 1,11-6,08). Quanto ao planejamento familiar, pouco mais da metade das mulheres (51,9%) usava algum método e 39,5% delas não foram orientadas por médico ou enfermeiro. Predominou utilização de anticoncepcionais orais (40,4%) e condom (28,7%). A renda familiar de R$ 800,00 ou superior associou-se à maior chance de contracepção orientada por profissional adequado (OR=3,3, IC95%: 1,28-8,54), contrariamente à história de abortamento (OR=0,32, IC95%: 0,13-0,82). Observou-se alta frequência de realização da citologia cervicovaginal, inclusive anualmente e fora da faixa etária recomendada pelo Ministério da Saúde. Houve baixa prevalência de anticoncepção, oferta insuficiente quanto à variedade e elevada proporção de mulheres que não recebeu orientação adequada para o uso de métodos contraceptivos. Renda familiar e abortamento prévio foram fatores associados ao planejamento familiar orientado por profissional adequado, enquanto o trabalho remunerado e o fato de ter tido no máximo uma gestação foram associados à coleta anual de citologia para prevenção do câncer do colo uterino.
Abstract: Cervical cancer screening and family planning are relevant preventive health practices for women of childbearing age. Primary care still privileges gestational period and cervical neoplasia prevention over family planning. Nevertheless, despite improvements on the coverage for cervicovaginal cytology, cervical neoplasia mortality rates show only slight decrease. High rates of teenage pregnancy, abortions and health iniquities persist. The project aimed to portrait the reproductive health situation of childbearing aged women from a low income urban community in Fortaleza, prioritizing cytology procedures and the use of contraceptive methods. This was a cross-sectional study carried out through home interviews with 244 women from the age of 13 to 52 years old. The initial exploratory analysis allowed establishing correlations through the chi-square test for nominal variables and ANOVA for means and standard deviations. Odds ratios as expressions of prevalence ratios were obtained to express the magnitude of the associations using simple and multiple logistic regression. Amongst sexually active women and aged 25 years or more, 90.3% underwent cytology at least every 3 years, and 59.3% did it annually. Cytology annual frequency positively correlated to remunerated employment (OR=2.63; IC95%: 1.49-4.64) and to the condition of having had the maximum of one pregnancy (OR=2.60; IC95%: 1.11-6.08). Regarding family planning, just over half of women (51.9%) used any contraception and 39.5% of them were not guided by doctors or nurses. Oral contraceptives (40.4%) and condom (28.7%) predominated as current contraceptive methods. Family income of R$ 800.00 or above positively correlated with contraception guided by an appropriate professional (OR=3.3, IC95%: 1.28-8.54) and negatively correlated to a history of previous abortion (OR=0.32, IC95%: 0.13-0.82). High rates of cervicovaginal cytology were observed, even annually and out of the age group suggested by the Health Ministry. There was a low rate of contraception, insufficient offer as to methods variety and a high proportion of women who did not received adequate guidance on the use of contraceptive methods. Family income and previous abortion were associated to family planning guided by a qualified professional, whilst remunerated employment and having had the maximum of one pregnancy were associated to annual cytology screening to prevent cervix neoplasia.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/5518
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:DSC - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2012_dis_gbfalcao.pdf1,23 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.