Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/5537
Title in Portuguese: Comunicação verbal e não verbal de mãe cega e com limitação motora durante alimentação da criança
Title: Verbal and nonverbal communication of a blind mother with limited dexterity during infant feeding
Author: Barbosa, Giselly Oseni Laurentino
Wanderley, Luana Duarte
Oliveira, Paula Marciana Pinheiro de
Rebouças, Cristiana Brasil de Almeida
Almeida, Paulo César de
Pagliuca, Lorita Marlena Freitag
Keywords: Pessoas com Deficiência Visual
Cegueira
Comunicação
Issue Date: 2011
Publisher: Acta Paulista de Enfermagem
Citation: BARBOSA, G. O. L. et al. Comunicação verbal e não verbal de mãe cega e com limitação motora durante alimentação da criança. Acta paul. enferm., São Paulo, v.24, n.5, p.663-669. 2011.
Abstract in Portuguese: Analisar a comunicação verbal e não verbal, de mãe cega e com limitação motora com o filho e enfermeira durante alimentação da criança. Métodos: Estudo exploratório, descritivo, tipo estudo de caso, com a bordagem quantitativa realizado no ano de 2009. As entrevistas foram gravadas, filmadas e analisadas por três avaliadores. Resultados: Os resultados da comunicação verbal mostraram a predominância da mãe como destinatária e a utilização da função emotiva nas verbalizações com a criança, e a comunicação não ve rbal mostrou a prevalência da distância íntima entre mãe/filho, da pessoal entre mãe/enfermeira e da postura sentada. Houve pouco co ntato face a face e sobressaíram-se os contatos físicos com a criança. Conclusão: A mãe não sofreu prejuízos verbais no estabelecimento de seu processo comunicativo. A distância facilitou a interação mãe com o bebê e com a profissional.
Abstract: To analyze the verbal and nonverbal communication, of the blind mother with limited dexterity with her son and a nurse during infant feeding. Methods : This exploratory, descriptive case study used a quantitative approach, and was completed in 2009. The interviews were recorded, videotaped and analyzed by three evaluators. Results : The results of verbal communication demonstrated the predominance of the mother as a recipient and the use of emotional function in the verbalizations with the child, and the non-verbal communi cation showed the prevalence of intimate distance between mother / son, personal space between the mother / nurse and the sitting post ure . There was little face to face contact and physical contact with the child stood out. Conclusion : The mother suffered no losses in the establishment of the verbal communication process. The distance facilitated maternal interaction with the baby and with the professional.
Abstract in Spanish: Analizar la comunicación verbal y no verbal, de madre ciega y con limitación motora con el hijo y la enfermera durante la alimentación del niño. Métodos: Estudio exploratorio, descriptivo, tipo estudio de caso, con abordaje cuantitativo realizado en el año 2009. Las entrevistas fueron grabadas, filmadas y analizadas por tres evaluadores. Resultados: Los resultados de la comunicación verbal mostraron el predominio de la madre como destinataria y la utilización de la función emotiva en las verbalizaciones con el niño, y la com unicación no verbal mostró la prevalencia de la distancia íntima entre madre/hijo, de la personal entre madre/enfermera y de la postura sent ada. Hubo poco contacto cara a cara y sobresalieron los contactos físicos con el niño. Conclusión: La madre no sufrió prejuicios verbales en el establecimiento de su proceso comunicativo. La distancia facilitó la interacción de la madre con el bebé y con la profesional.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/5537
metadata.dc.type: Artigo de Periódico
ISSN: 0103-2100
Appears in Collections:DENF - Artigos publicados em revistas científicas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2011_art_golbarbosa1.pdf152,42 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.