Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/59080
Title in Portuguese: Fatores de risco associados à severidade de atropelamentos em áreas urbanas: uma análise categórica temporal
Author: Silva, Mateus Nogueira
Advisor(s): Cunto, Flávio José Craveiro
Keywords: Severidade dos atropelamentos
Pedestres
Modelos categóricos
Heterogeneidade não observada
Variações temporais
Issue Date: 2021
Citation: SILVA, Mateus Nogueira. Fatores de risco associados à severidade de atropelamentos em áreas urbanas: uma análise categóricatemporal. 2021. 86 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Transportes) – Universidade Federal do Ceará, Centro de Tecnologia, Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Transportes, Fortaleza, 2021.
Abstract in Portuguese: A aplicação de medidas para garantir a segurança e priorização dos pedestres requer uma compreensão dos fatores de risco associados às lesões em acidentes de trânsito. Modelos categóricos são comumente empregados para essa finalidade. Essa pesquisa tem como objetivo efetivar uma análise confirmatória a respeito dos fatores que influenciam a severidade de atropelamentos, considerando diferentes agregações dos níveis de severidade, heterogeneidade não observada nos fatores e possíveis variações temporais durante a década de ação pela segurança no trânsito em Fortaleza. Para isso, foi proposto, inicialmente, um modelo teórico a ser confirmado com os aspectos que se acredita ter influência no resultado das lesões. Modelos categóricos com diferentes níveis de agregação da severidade foram estimados para a confirmação do modelo teórico e análise da influência dessa agregação na modelagem. Além disso foi estimado um modelo de parâmetros aleatórios para incorporar uma possível heterogeneidade não observada. Para avaliar possíveis mudanças nos fatores de risco ao longo do tempo foram ainda estimados modelos categóricos para três períodos entre os anos de 2008 e 2019. Os resultados indicaram que a combinação de alguns níveis de gravidade pode levar a diferentes variáveis significativas e, assim, dependendo da especificação da variável resposta, a influência de fatores de risco importantes pode acabar sendo ignorada no modelo. Além disso, o modelo com três categorias de gravidade (leve/moderada, grave e fatal) apresentou o melhor desempenho em termos de ajuste do modelo. Dos fatores investigados apenas a variável referente a idade superior a 60 anos do pedestre obteve um parâmetro aleatório significativo. A heterogeneidade nas observações pode estar associada neste caso, entre outros fatores, à fragilidade física do corpo e a função cognitiva que pode diferir entre os indivíduos desse grupo. Observou-se ainda desse modelo que acidentes ocorridos à noite, com veículos pesados, nos finais de semana e localizados em vias com maior classificação viária estão associados a lesões mais graves. Por fim, a partir da análise temporal ficou evidente uma mudança no perfil da severidade dos acidentes envolvendo pedestres na cidade de Fortaleza ao longo desses 12 anos. Apesar de não ser possível afirmar que essa mudança advém de ações específicas aplicadas à cidade, os resultados aqui apresentados indicam uma melhoria na segurança viária para esses usuários, em consonância com os objetivos da Abordagem dos Sistemas Seguros e da Década de Ação pela Segurança no Trânsito de reduzir as lesões graves e fatais no trânsito.
Abstract: The application of measures to ensure the safety and prioritization of pedestrians requires an understanding of the risk factors associated with injuries in crashes. Categorical models are commonly used for this purpose. This research aims to carry out a confirmatory analysis regarding the factors that influence the severity of being run over, considering different aggregations of severity levels, unobserved heterogeneity in the factors and possible temporal variations during the Decade of Action for Road Safety in Fortaleza. For this, it was initially proposed a theoretical model to be confirmed with the aspects that are believed to have an influence on the outcome of the injuries. Categorical models with different levels of severity aggregation were estimated to confirm the theoretical model and analyze the influence of this aggregation on the modeling. In addition, a model of random parameters was estimated to incorporate a possible unobserved heterogeneity. To assess possible changes in risk factors over time, categorical models were also estimated for three periods between the years 2008 and 2019. The results indicated that the combination of some levels of severity can lead to different significant variables and, thus, depending on of specifying the response variable, the influence of important risk factors may end up being ignored in the model. In addition, the model with three severity categories (mild/moderate, severe and fatal) showed the best performance in terms of adjusting the model. Of the factors investigated, only the variable referring to the pedestrian's age over 60 obtained a significant random parameter. The heterogeneity in the observations may be associated in this case, among other factors, with the physical fragility of the body and the cognitive function that may differ between individuals in this group. It was also observed from this model that crashes that occurred at night, with heavy vehicles, on weekends and located on roads with a higher road classification are associated with more serious injuries. Finally, from the temporal analysis, a change in the profile of the severity of crashes involving pedestrians in the city of Fortaleza was evident over these 12 years. Although it is not possible to state that this change comes from specific actions applied to the city, the results presented here indicate an improvement in road safety for these users, in line with the objectives of the Safe Systems Approach and the Decade of Action for Road Safety to reduce serious and fatal traffic injuries.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/59080
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:DET - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2021_dis_mnsilva.pdf1,14 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.