Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/59551
Title in Portuguese: Avaliação dos efeitos antioxidantes e neuroprotetores da naringenina em modelo de discinesia orofacial induzida por haloperidol em ratos
Title: Evaluation of the antioxidant and neuroprotective effects of naringenin in a haloperidol-induced orofacial dyskinesia model in rats
Author: Carvalho, Evaneide Pereira de Sá
Advisor(s): Aguiar, Lissiana Magna Vasconcelos
Co-advisor(s): Cristino Filho, Gerardo
Keywords: Neuroproteção
Naringenina
Haloperidol
Discinesia Orofacial
Discinesia Tardia
Issue Date: 12-Feb-2020
Citation: CARVALHO, E.P.S. Avaliação dos efeitos antioxidantes e neuroprotetores da naringenina em modelo de discinesia orofacial induzida por haloperidol em ratos. 2020. 63 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde, Campus de Sobral, Universidade Federal do Ceará, Sobral, 2020.
Abstract in Portuguese: A discinesia tardia (DT) é um distúrbio persistente do movimento hipercinético, geralmente irreversível, consequência do uso de agentes bloqueadores dos receptores da dopamina, incluindo drogas antipsicóticas. Embora o recente desenvolvimento de dois medicamentos aprovados para o tratamento da DT, eles possuem efeitos adversos e ainda são considerados muito caros. Apesar dos progressos substanciais, há a necessidade de mais trabalhos com relação ao potencial de prevenção da DT. Baseado nisso, o presente estudo tem como objetivo avaliar o potencial papel neuroprotetor do antioxidante naringenina em um modelo de discinesia orofacial (DO), induzida pelo haloperidol, em ratos Wistar machos. Os animais foram selecionados em 5 grupos: 1- controle; 2- haloperidol 1mg/kg; 3- haloperidol 1mg/kg + naringenina 10mg/kg; 4- haloperidol 1mg/kg + naringenina 25mg/kg; 5- haloperidol 1mg/kg + naringenina 50mg/kg. O tratamento foi realizado durante 21 dias e os testes comportamentais semanalmente (nos dias 7, 14 e 22). Foram avaliados os parâmetros comportamentais, incluindo número de movimentos de mastigação vazios (MMVs) (avaliação dos movimentos orofacias), atividade locomotora (plataforma estreita e campo aberto), coordenação motora (rotarod) e teste de memória (y-maze). No 22º dia, as áreas do cérebro (hipocampo, córtex pré-frontal e estriado) foram removidas para a determinação dos níveis de TBARS, nitrito, glutationa, TNF-α e IL-1β. O tratamento com haloperidol alterou todos os parâmetros nos testes comportamentais, aumentando MMVs, reduzindo a atividade locomotora, a coordenação motora e a memória dos ratos. Além disso, aumento do estresse oxidativo, redução do antioxidante endógeno e aumento de citocinas pró-inflamatórias. A coadministração de naringenina melhorou as alterações comportamentais e reduziu os níveis de peroxidação lipídica e citocinas, mostrando um papel promissor na prevenção da DO induzida por antipsicóticos típicos
Abstract: Tardive dyskinesia (TD) is a persistent hyperkinetic movement disorder, generally irreversible, consequence of the use of dopamine receptor blocking agents, including antipsychotic drugs. Although the recent development of two drugs approved for the treatment of DT, they have adverse effects and are still considered very expensive. Despite substantial progress, more work needs to be done concerning the potential for TD prevention. Based on that, the study aims to evaluate the potential neuroprotective role of the antioxidant naringenin in a model of orofacial dyskinesia (OD), induced by haloperidol, in male Wistar rats. Animals were selected into 5 groups: 1- control; 2- haloperidol 1mg/kg; 3- haloperidol 1mg/kg + naringenin 10mg/kg; 4- haloperidol 1mg/kg + naringenin 25mg/kg; 5- haloperidol 1mg/kg + naringenin 50mg/kg. The treatment was carried out for 21 days and the behavioural tests weekly (7, 14 and 22 days). Behavioural parameters were evaluated, including number of vacuous chewing movements (VCMs) (assessment of orofacial movements), locomotor activity (narrow beam and open field), motor coordination (rotarod) and memory test (ymaze). On the 22nd day, the brain areas (hippocampus, prefrontal cortex and striatum) were removed for the determination of TBARS, nitrite, glutathione, TNF-α and IL-1β levels. Haloperidol treatment altered all parameters in behavioral tests, increasing VCMs, reducing locomotor activity, motor coordination and memory of the rats. In addition, increased oxidative stress, reduced endogenous antioxidant and increased proinflammatory cytokines. Coadministration of naringenin improved behavioural alterations and reduced lipid peroxidation and cytokines levels, showing a promising role in the prevention of OD induced by typical antipsychotics
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/59551
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:PPGCS - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2020_dis_epscarvalho.pdfCARVALHO, E.P.S. Avaliação dos efeitos antioxidantes e neuroprotetores da naringenina em modelo de discinesia orofacial induzida por haloperidol em ratos. 2020. 63 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde, Campus de Sobral, Universidade Federal do Ceará, Sobral, 2020.1,57 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.