Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/60616
Title in Portuguese: Efeito do ácido zoledrônico na resposta inflamatória em modelo de movimentação ortodôntica com ancoragem esquelética em ratos
Author: Silva, Priscila Macêdo França da
Advisor(s): Alves, Ana Paula Negreiros Nunes
Keywords: Procedimentos de Ancoragem Ortodôntica
Difosfonatos
Ácido zoledrônico
Osteonecrose
Issue Date: 26-Jul-2021
Citation: SILVA. P. M. F. Efeito do ácido zoledrônico na resposta inflamatória em modelo de movimentação ortodôntica com ancoragem esquelética em ratos. 2021. 89 f. Dissertação (Mestrado em Odontologia) - Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2021.
Abstract in Portuguese: O Ácido Zoledrônico (AZ) trata-se do mais potente bisfosfonato para uso clínico, empregado por via endovenosa, atuando especialmente nos eventos relacionados às metástases ósseas. Este trabalho tem o objetivo de comparar o efeito deste fármaco nos aspectos cicatriciais do tecido ósseo de suporte de um dispositivo temporário de ancoragem e nas características inflamatórias e morfológicas do tecido ósseodentário submetido à movimentação dentária induzida (MDI) em um modelo experimental com ancoragem esquelética. Para tanto, foram utilizados 48 ratos machos, da linhagem Wistar (350g), divididos em dois grupos experimentais que receberam três administrações consecutivas do AZ (0,2 mg/kg) ou da solução salina estéril 0,9% (grupo controle) (dias 0, 7 e 14). Os animais foram submetidos à instalação de uma mola fechada de CrNi, a qual foi fixada entre o primeiro molar superior esquerdo e o mini-implante (MI) no dia 42. O lado direito de ambos os grupos não recebeu força ortodôntica, servindo como controle interno. O deslocamento do 1ºMSE e do MI foram mensurados com um paquímetro digital. Os animais foram submetidos à eutanásia nos dias 49, 56, 63 e 70, sendo o primeiro molar superior dos dois lados avaliado com lâminas histológicas coradas com Hematoxilina e Eosina no que se refere aos fenômenos pulpares e periodontais em cada tempo de MDI. O espaço microscópico da movimentação foi analisado com a régua histológica Zeiss® e o tecido ósseo de suporte do MI quanto aos parâmetros inflamatórios e cicatriciais. Além disso, verificou-se a relação entre o percentual de colágeno do tipo I e III através da reação histoquímica de Picrosirius Red após polarização da luz. A análise macroscópica evidenciou no grupo controle uma diminuição significativa da distância do 1ºMSE ao MI com 28 dias de ativação ortodôntica, e da variação da área de triângulos irregulares nos dias 21 e 28 (p<0,05). Além disso, verificou-se histologicamente o aumento significativo do deslocamento dentário nos dias 21 e 28 (p<0,05). O primeiro molar superior esquerdo não mostrou diferença significante quanto aos fenômenos pulpares e periodontais entre os grupos ao longo do período analisado e o tempo de MDI não influenciou significativamente na intensidade das alterações nos grupos (p>0,05). As células epiteliais de Malassez mostraram redução significativa no grupo AZ no lado em que não houve MDI e no grupo controle no lado em que houve a movimentação (p<0,05) em relação ao tempo de indução ortodôntica. Uma redução significante da relação entre o colágeno tipo I e III foi observada no grupo AZ no dia 14 (p<0,05). A área adjacente ao defeito ósseo promovido pela inserção do MI demonstrou aumento significativo das lacunas de osteócitos vazias no grupo AZ nos dias 14, 21 e 28 e na área distante do MI nos dias 21 e 28 (p<0,05), sem correlação significativa com a disposição do infiltrado inflamatório (p>0,05). O aumento do tempo de MDI não influenciou significativamente a intensidade do processo inflamatório entre os grupos, que mostrou- se difuso no grupo AZ nos dias 7 e 28 (p<0,05) e predominantemente, neutrofílico no dia 28. Em suma, o AZ reduziu o deslocamento dentário, não interferindo no tecido pulpar e periodontal de forma direta, e sim na redução do percentual das células de malassez quando não houve MDI. A administração do fármaco não alterou o processo de reparo proporcionado pelas fibras colágenas do ligamento periodontal, mas modificou os parâmetros cicatriciais do tecido ósseo de suporte do MI, provavelmente, em associação ao trauma da instalação do dispositivo de ancoragem, sem caracterizar quadro de osteonecrose.
Abstract: Zoledronic acid (ZA) is the most powerful bisphosphonate for clinical use, used intravenously, acting especially in events related to bone metastases. This research aims to compare the effect of this drug in the scarring aspects of the supporting bone tissue of a temporary anchorage device and in the inflammatory and morphological characteristics of bone tissue subjected to induced tooth movement (ITM) in an experimental model with skeletal anchorage. For this purpose, 48 male Wistar rats (350g) were used, divided into two experimental groups that received three consecutive administrations of ZA (0,2 mg/kg) or 0.9% sterile saline solution (control group) (days 0, 7 and 14). The animals were submitted to the installation of a closed CrNi spring, which was fixed between the upper left first molar and the mini-implant (MI) on day 42. The right side of both groups did not receive orthodontic strength, serving as an internal control. The displacement of the upper left first molar and MI were measured with a digital caliper. The animals were found after euthanasia on days 49th, 56th, 63th and 70th, with the upper first molar on both sides being evaluated with histological slides stained with hematoxylin and eosin in which refers to pulpal and periodontal phenomena at each time of ITM. The microscopic space of the movement was analyzed with the Zeiss® histological ruler and the bone supporting tissue of the MI regarding inflammatory and scarring parameters. Besides that, the relation between the percentage of collagen types I and III was verified through the histochemical reaction of Picrosirius Red after light polarization. A macroscopic analysis showed a small decrease in the control group of the distance from the upper left first molar to the MI with 28 days of orthodontic activation, and the variation in the area of ​​irregular triangles on days 21st and 28th (p<0,05). It was also evidenced, histologically, a significant increase in tooth displacement in the control group on days 21 and 28 (p<0,05). The upper left first molar did not show any significant difference regarding pulp and periodontal phenomena between the groups throughout the analyzed period and the ITM time did not influence the intensity of the alterations in the groups (p>0,05). The epithelial cells of Malassez reduce the reduction in group ZA on the side where there was no ITM and in the control group on the side where there was movement (p<0,05) in relation to the time of orthodontic induction. A significant reduction in the relationship between collagen type I and type III was observed in group ZA on day 14th (p<0,05). The adjacent area to the defected bone promoted by MI insertion showed significantly increased empty osteocyte lacunae in the group ZA on days 14, 21st and 28th and in the area distant from MI on days 21 and 28 (p<0,05), with no relationship related to the disposition of the inflammatory infiltrate (p>0,05). The increase in ITM time did not influence the intensity of the inflammatory process between the groups and the disposition of the inflammatory infiltrate was shown to be diffuse in the group ZA on days 7th and 28th (p<0,05), becoming predominantly neutrophilic on the day 28th. In short, group ZA reduced tooth displacement, not directly interfering with the pulp and periodontal tissue, but in reducing the percentage of malassez of cells when there was no ITM. The administration of the drug did not change the repair process provided by the collagen fibers of the periodontal ligament, but it did change the healing parameters of the MI support bone tissue, probably in association with the trauma of the installation of the anchoring device, without characterizing an osteonecrosis.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/60616
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:DCOD - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2021_dis_pmfsilva.pdfPublicação Parcial279 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.