Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/6719
Título: Sustentabilidade e educação: o rebaixamento da educação à submissão dos imperativos do capital
Título em inglês: Sustainability and education: the lowering of education to the imperatives of capital submission
Autor(es): MOREIRA, Luciano Accioly Lemos
Palavras-chave: Sustentabilidade
Educação
Desigualdade
Manutenção da ordem
Sustainability
Education
Inequality
Maintenance of order
Data do documento: 2010
Editor: http://www.revistalabor.ufc.br/index.php
Citação: MOREIRA, L. A. L. (2010)
Resumo: Analisamos neste artigo através do ponto de vista teórico marxiano o discurso da sustentabilidade defendido pela Organização das Nações Unidas (ONU), Banco Mundial e UNESCO a partir da década de 80 do séc. XX. O referido projeto propõe a transmissão de valores “éticos” aos indivíduos como a “saída” para a humanidade em crise. No entanto, o que se percebe por meio da análise do discurso da sustentabilidade é o rebaixamento da educação num duplo aspecto: em primeiro lugar, no esvaziamento da transmissão dos conteúdos científicos, estéticos e culturais decantados pela humanidade aos indivíduos em prol da transmissão de uma “ética” sustentável; num segundo aspecto, na transferência de conhecimentos “básicos”/mínimos para os indivíduos pobres/classe dominada sobreviver, manter sua existência e a ordem do capital. Esse tipo de educação, e consequentemente, esse tipo de homem da sustentabilidade, responde ideológica e politicamente às necessidades da manutenção da ordem e do respeito às premissas estruturais que sustentam a sociabilidade do capital e sua lógica produtiva desigual.
Abstract: Analyzed in this Article through the theoretical point of view marxiano the discourse of sustainability championed by the United Nations (UN), World Bank and UNESCO from the 1980s the 21st century. XX. The project, proposes the transmission of values "ethical" to individuals as the "exit" for humanity in crisis. However, which is incomprehensible by means of discourse analysis of sustainability is the debasing of education in a dual aspect: firstly, the emptying of the transmission of content scientific, aesthetic and cultural decantados by humanity to individuals in the interest of the transmission of a "ethics" sustainable; a second aspect, the transfer of knowledge"/"basic minimum for individuals poor/class dominated survive, maintain their existence and the order of the capital. This type of education, and consequently, this type of man of sustainability, responds ideological and politically to the needs of maintaining order and respect to the premise that structural support the sociability of capital and its logic productive patchy.
Descrição: MOREIRA,Luciano Accioly Lemos. Sustentabilidade e educação: o rebaixamento da educação à submissão dos imperativos do capital. Revista do LABOR, Fortaleza, v. 1, n. 4, p. 1-24, 2010.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/6719
ISSN: 1983-5000
Aparece nas coleções:PPGEB - Artigos publicados em revistas científicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2010_aRT_LALMoreira.pdf256,23 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.